sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Parceria permitirá a escolas conhecer e cuidar da água que consomem

Um convênio entre a Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais (SEE) e a Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) permitirá que alunos, educadores e servidores de escolas estaduais mineiras conheçam e saibam cuidar da água que consomem nas escolas. O “Programa Água nas Escolas” prevê a coleta e análise da água de 3.555 escolas estaduais de Minas Gerais e ampliação, melhoria, ou implantação de sistemas de abastecimento de água em outros 415 prédios escolares da rede estadual. As atividades serão iniciadas em novembro de 2010 e encerradas em março de 2011. A SEE investiu R$ 16,9 milhões no convênio.

A Copasa já iniciou as reuniões com as Superintendências Regionais de Ensino (SREs) para orientar os inspetores escolares sobre o projeto e repassar material com informações sobre saneamento, saúde, doenças e dicas sobre lavagem de caixas d’água. Todas as escolas participantes receberão a visita de técnicos da Copasa que farão coleta e análise de amostra de água em um ponto externo e em um interno da escola. Após o estudo, será elaborado e encaminhado à SEE um relatório sobre a situação da água nas escolas. Caso necessário, a Copasa realizará o tratamento da água.

De acordo com o Gerente da Divisão de Saneamento Rural da Copasa, José Maurício Resende, a preocupação com a qualidade e o cuidado com a água devem ser uma rotina dentro das escolas. “Nós estamos plantando uma semente. Mas queremos que esse trabalho se reproduza e vire uma rotina nas escolas entre os professores e alunos”, explica o Gerente da Divisão de Saneamento Rural da Copasa. Durante a visita dos técnicos os alunos receberão uma cartilha com orientações sobre educação sanitária e ambiental.

Outras 415 escolas da rede, a maioria localizada em zona rural, serão beneficiadas com a construção de sistemas de abastecimento de água e perfuração de poços artesianos. Após a construção, o responsável pelo sistema na escola receberá um curso de capacitação da Copasa para que se realize a manutenção da limpeza do sistema.

Limpeza da Caixa d’água

Em 2010, a Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais liberou cerca de R$ 2 milhões para limpeza das caixas d’água das escolas da rede estadual. O recurso foi repassado diretamente às escolas.


fonte: Ag. Minas

Cohab/MG beneficia portadores de necessidades especiais

No Conjunto Habitacional Clara Luciano Henrique, localizado em Lagoa da Prata, no Centro-Oeste do Estado, o mutuário Rogério Pereira Gomes, 38 anos, é uma das 99 pessoas com deficiência física que já garantiram a casa especial adaptada no Lares Geraes - Habitação Popular (PLHP), programa habitacional do Governo de Minas. Da mesma forma que os demais mutuários nessa condição, espalhados em conjuntos habitacionais de 63 municípios mineiros, Rogério diz ter muitos motivos para comemorar a mudança de vida, desde que passou a morar em uma Casa Especial da Companhia de Habitação do Estado de Minas Gerais (Cohab/MG).

O novo projeto de moradia é construído desde o final de dezembro de 2007, quando o então governador Aécio Neves sancionou a Lei estadual nº 17.248/2007, destinando aos candidatos com deficiência física até 12% das moradias dos conjuntos habitacionais edificados pela Cohab/MG. Além das 99 casas já construídas do programa, a Cohab/MG constrói mais 29 casas especiais para a parceria Governo de Minas/Minha Casa, Minha Vida, do governo federal, e construirá outras 18 a serem licitadas para construção.

Cerca de 40% mais espaçosa que a casa padrão, a Casa Especial Cohab/MG tem as janelas mais baixas, a porta mais larga e o banheiro é adaptado com barras, assento para o banho e pia especial. No total, a residência tem 51,45 m² de área. Além disso, o lote em que a casa é construída é plano e o piso não pode ter desníveis. Essas e outras características técnicas da casa deram à Cohab/MG o Selo do Mérito 2008, concedido pela Associação Brasileira de Cohabs e pelo Fórum Nacional de Secretários de Habitação e Desenvolvimento Urbano. Baseada na Norma Brasileira 9050/2004 - acessibilidade a edificações, espaços e equipamentos urbanos - o projeto construtivo inovador reforça o caráter social e de promoção da cidadania do programa Lares Geraes.

Vida melhor

Há 16 anos trabalhando como porteiro da Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) e recebendo um salário mínimo por mês, Rogério se mostra feliz quando conta como de vida depois de ser beneficiado com a casa própria adaptada. Além de provar, com seu trabalho, que ser cadeirante não é empecilho para lutar por uma vida melhor, ele tem agora liberdade para movimentar-se na cadeira de rodas por toda a moradia.

“Morei durante oito anos em uma casa antiga, que não tinha conforto, especialmente para mim que sou cadeirante. A mudança para a casa da Cohab foi muito importante em todos sentidos. Agora não tenho dificuldade de locomoção, o que facilitou muito minha vida”, explica ele, acrescentando que o pai, de 68 anos, não precisa mais ajudá-lo nos afazeres do dia a dia.

Para Rogério, a aquisição da casa já significou uma grande conquista. Antes, pagava R$ 220 de aluguel e hoje paga R$ 94,29 de prestação. “Como recebo todo dia cinco e a prestação vence no dia 10, posso pagar em dia.” Com a economia, ele e o pai conseguiram construir mais um quarto, uma área na frente e murar ao redor da casa.

Dentre os beneficiados pela Casa Especial Cohab, outro exemplo de luta e persistência é Marcos Júnior Queiroz Tadim, 21 anos. Ele vive numa cadeira de rodas desde os 12 anos, quando adquiriu uma doença degenerativa que enfraquece os músculos, impedindo-o de andar.

Ele, a mãe, Maria José, 52 anos, e a irmã Angélica, 19 anos, moravam de favor em casa que foi dos avós, mas era reivindicada por outros 12 herdeiros, o que lhes trazia frequentes constrangimentos. Em 15 de agosto do ano passado, Marcos recebeu a casa própria, adaptada para cadeirante, dentre as 29 casas do Conjunto Habitacional Antônio Sinhô II, localizado em Sabinópolis, no Leste de Minas. Pensionista do INSS, ele é o titular do financiamento do imóvel, pois foi o único que podia comprovar os rendimentos. Por isso, ficou muito feliz com a conquista da casa, que equivale à conquista da independência.

Em Bom Sucesso, no Centro-Oeste do Estado, um dos beneficiados com a Casa Especial no Conjunto Habitacional Irmã Domitila foi Geraldo Raimundo da Silva, 62 anos. Mecânico aposentado, ele foi atendido com a casa especial, porque Reginaldo, 34 anos, o segundo de seus nove filhos, sofre desde o nascimento de paralisia das pernas e de um dos braços. “Ele não tem condições nem de virar na cama sozinho”, explicou o pai. O rendimento da aposentadoria de Geraldo é a única fonte de receita da família, que pagava R$ 240 de aluguel. “Graças a Deus ficamos livres dessa despesa e podemos dar mais conforto ao Reginaldo”, diz.

Mais conquistas

O conjunto habitacional em Lagoa da Prata apresenta ainda outras conquistas feitas por todos os moradores. As casas, na maioria, receberam obras de benfeitorias e de ampliação, e algumas delas possuem até jardins, proporcionando um colorido e uma beleza especial ao local.

Bem na entrada do conjunto, o mutuário Ronan Indélio Amorim, 41 anos, casado e pai de dois adolescentes, está finalizando a construção do muro da casa. Trabalhando de vendedor para garantir o sustento da família, Ronan contou que antes de ser beneficiado com a casa própria, tinha o salário em grande parte comprometido com o pagamento de aluguel no valor de R$ 300. Hoje, ele paga R$ 89 de prestação. Com a economia, conseguiu adquirir um carro e comprar material para fazer melhorias na casa.


Íntegra da matéria:
http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/infraestrutura/32828-casas-da-cohabmg-beneficiam-portadores-de-necessidades-especiais-casas-da-cohab-mg-beneficiam-portadores-de-necessidades-especiais

fonte: Ag. Minas

Confirmado: Fernando e Sorocaba em Bom Despacho

Fernando e Sorocaba estarão de volta em Bom Despacho no dia 27 de Novembro, no Parque de Exposições. O show será novamente produzido pelas empresas do Triângulo Mineiro Abadá Produções e Megauê Promoções. Estas empresas já trouxeram grandes apresentações para a cidade, como João Bosco e Vinicius, Victor e Leo, Luan Santana e Guilherme e Santiago.

Conforme conversa com o Jornal Fique Sabendo, o diretor da Abadá Produções Sullivan Marcus, confirmou a apresentação de Fernando e Sorocaba de novo em Bom Despacho. Em 2009, a dupla esteve na cidade, mas não estava vivendo o ápice de tamanho sucesso como está atualmente.

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Jornal Fique Sabendo promove copa de Juniores em Novembro

O Jornal Fique Sabendo promove em Novembro, a Copa Jornal Fique Sabendo Juniores sub-20. Três clubes irão participar da competição. O torneio terá início dia 6, com o jogo entre Famorine x Dê Escormentos.

Além destas duas equipes, o Cristalino também marcou sua presença na competição. O Colorado folga na primeira rodada, e estreia no dia 14. Os jogos serão realizados num novo horário, programado a partir das 16h45.

Os vereadores Ricardo Alvarenga, Fernando Cabral e Jefinho irão apoiar a realização do torneio.

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Inscrições para concurso da Cemig Telecom terminam no próximo dia 10

Terminam no próximo dia 10 de novembro as inscrições para o concurso público da Cemig Telecomunicações (Cemig Telecom). A empresa oferece 38 vagas para cargos com nível médio/técnico e superior em Belo Horizonte. Os salários são, respectivamente, de R$ 1.354,21 e R$ 2.335,49.

Os cargos são de técnico administrativo, técnico contábil, técnico de operação, técnico de projetos, técnico de tecnologia da informação e comunicação, técnico de implantação, técnico de suprimentos e técnico em logística. Estão disponíveis ainda vagas para analista administrativo, analista comercial, analista contábil, analista de planejamento econômico financeiro, analista de suprimentos, analista de tecnologia da informação e comunicação e advogado.

As inscrições podem ser feitas até o dia 10 de novembro, pelo site www.fumarc.org.br ou na rua Dom Lucio Antunes, nº 256, bairro Coração Eucarístico, em Belo Horizonte. A taxa é de R$ 30 para nível médio/técnico e de R$ 80 para nível superior. As provas objetivas serão realizadas no dia 19 de dezembro, em Belo Horizonte.

fonte: Ag. Minas

PM envia ocorrência sobre morte ocorrida no Bairro São Vicente no último domingo,

HOMICÍDIO CONSUMADO:

Por volta de 20:30 horas, após ligação anônima de que indivíduos não identificados haviam efetuado vários disparos de arma de fogo, evadindo, tomando rumo ignorado e que teria dois corpos estendidos no chão de um bar, a PM compareceu a Avenida RIO DE JANEIRO, Bairro BELA VISTA onde no local foi constatado que havia duas pessoas estendidas ao solo no interior do bar da LUCIMAR sendo elas: L.J.S. e L.C.E., 47 anos, e próximo dos mesmos havia uma grande quantidade de sangue.

Do lado de fora do bar em cima da calçada, havia sete cápsulas de arma de fogo deflagradas, aparentemente de calibre .32 semi- automática. Ao conferirem sinais vitais tipo: pulsação, respiração, não houve resposta, mesmo assim, após preservarem o local, os militares acionaram uma ambulância e logo depois o perito. Após alguns momentos, compareceu no local o perito que realizou seus trabalhos, recolhendo as cápsulas mencionadas anteriormente e liberando os corpos para a Funerária SANTANA.

O veículo da Funerária SANTANA conduziu os corpos para complementos periciais. Diante o exposto, as testemunhas não informaram suspeitos, nem rota de fuga dos autores.

fonte: Assessoria de Com. Org. Sétimo Batalhão PMMG

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Caminhão desce ladeira abaixo na Av Dr Juca


Na tarde desta segunda-feira, 24, algo de inesperado aconteceu na Avenida Dr Juca. Um caminhão desceu a ladeira abaixo na Avenida Dr Juca. Fato chamou muita atenção dos pedestres e motoristas que trafegavam pelo local.

Segundo o motorista, que não quis ser identificado, o veículo ficou ingrenado para que ele pudesse tomar um pouco de água em residência próxima. De repente, o mesmo viu o caminhão descendo ladeira abaixo. Felizmente, o acidente não causou mortos.

Semana da Saúde debate o tema “Saúde do Idoso”

Evento promovido pela UNIPAC Bom Despacho reúne especialistas de Biomedicina, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia e Nutrição

No mês em que se comemora o dia internacional do idoso, a UNIPAC Bom Despacho irá promover a Semana da Saúde, evento realizado pelos cursos de Biomedicina, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia e Nutrição, que irá debater sobre o tema “Saúde do Idoso”. O evento acontece nos dias 26, 27 e 28 de outubro na instituição, onde especialistas se reunirão em mesas redondas, palestras e mini-cursos para tratar a questão do envelhecimento da população brasileira e as perspectivas das áreas de saúde para conseguir atender ao crescimento da demanda por atendimentos e tratamentos para a terceira idade.

Os dados do Censo 2010 indicam que o Brasil poderá deixar de ser um país jovem em cerca de 30 anos, se mantidas as atuais taxas de fecundidade, expectativa de vida e movimento migratório. É com o objetivo de munir os futuros profissionais de informações referentes às especificidades do atendimento a essa futura população que nas mesas redondas e palestras serão abordados temas como o maior cuidado à atenção, obesidade, hipertensão, diabetes, estresse, câncer, entre outros temas que preocupam profissionais das diferentes áreas da saúde. Para que os estudantes tenham uma visão mais completa sobre o futuro panorama da população à qual irão atender, os alunos terão a oportunidade de conhecer as principais preocupações de diferentes áreas da saúde. “O evento tenta trazer a interdisciplinaridade para que a qualidade de assistência aos futuros idosos seja bem melhor e o paciente receba uma atenção mais adequada”, afirma o coordenador do curso de Enfermagem, Eduardo Nogueira Cortez. Como perspectiva para o futuro da profissão de enfermeiro, o coordenador aponta para o crescimento da demanda por serviço home care, no qual eles auxiliam em casa os pacientes que tem dificuldades para realizar ações do dia-a- dia. Especificamente na área de enfermagem, serão realizadas mesas redondas sobre o cuidado de pacientes que usam sonda para alimentação e com câncer.

O câncer é também uma das preocupações do curso de Biomedicina, cujo coordenador, Geovanne Benevenuto, aponta a já crescente demanda por exames para pacientes oncológicos. “A biomedicina está voltada principalmente para a manutenção e a prevenção de exames. Periodicamente as pessoas estão se manipulando com os resultados dos exames”, afirma Geovanne. Segundo ele, o objetivo de se voltar para o tema da saúde dos idosos é abrir os olhos dos jovens de hoje para ter uma saúde equilibrada hoje e no futuro, e assim usufruir da plenitude. “Se forem mantidos os hábitos de hoje, colesterol e triglicéride altos irão continuar a prejudicar a saúde dos idosos”, afirma. Para que isso seja evitado, a área está investindo ainda mais em processos de controle laboratorial.

Além da saúde, o cuidado ao idoso fruto da mudança do perfil familiar também será abordado no evento. “As pessoas estão envelhecendo e precisam de atenção. As famílias estão cada vez menores e os filhos não tem tempo de cuidar dos pais, com isso cresce o cuidado em casas de idosos, que vão demandar cada vez mais profissionais qualificados para atender a essa população”, afirma a coordenadora do curso de Nutrição, Daniela Vasconcelos. A cada mesa redonda, profissionais das diferentes áreas da saúde, entre professores e convidados, darão uma visão diferente e mais complexa ao tema abordado.



Programação:

Saúde Do Idoso

Dia: 26/10/2010 – Terça feira

Entrega de material
Local: Ipê Campestre Clube
Horário: 19h

Fonte: Assessoria de Imprensa UNIPAC Bom Despacho