sábado, 13 de novembro de 2010

Copa Jornal Fique Sabendo tem dois empates na rodada

Iníciou neste sábado a Copa Jornal Fique Sabendo SUB 20 em Bom Despacho. Os dois jogos realizados terminaram empatos.

No estádio Chico Marques, a Associação empatou em 1 a 1 com o Cristalino e no estádio Pedro Lino da Costa, Famorine ficou no zero a zero com o Vila Gontijo Dê Escoramentos.

A próxima rodada está prevista para o dia 15 de Novembro. Os jogos são Cristalino x Famorine no estádio Antônio Leite de Oliveira e Associação x Vila Gontijo Dê Escoramentos no estádio Chico Marques.

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Neste sábado tem rodada de abertura da Copa Jornal Fique Sabendo Rádio Difusora Sub 20

Neste sábado, a partir das 16h, começa a rodada de abertura da Copa Jornal Fique Sabendo Rádio Difusora SUB 20. No estádio Pedro Lino da Costa, jogam Famorine x Vila Gontijo e no estádio Chico Marques, Associação enfrenta o Cristalino.

Na segunda-feira, no feriado de 15 de novembro, haverá a segunda rodada. O Cristalino recebe o Famorine no estádio Antônio Leite de Oliveira e o Associação encara o Vila Gontijo Dê Escoramentos.

Irão disputar os jogos apenas atletas com idades inferior a 20 anos. Mais de 100 jogadores serão inscritos na competição.

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Saúde alerta sobre cuidados para combater o Diabetes

Perda de peso repentina, sede constante, fome intensa, cansaço e vontade de urinar toda hora. Esses são os principais sintomas do Diabetes, doença que afeta cerca de 10% da população mineira e atinge mais de 100 mil pessoas, apenas em Belo Horizonte.

O Hiperdia, um dos programas estruturadores da saúde estadual, é responsável por coordenar a estruturação da Rede de Atenção à Saúde dos portadores de Hipertensão e Diabetes e das ações em nível da Atenção Primária à Saúde. Para isso são implementados os Centros Hiperdia, que são os locais de referência para tratamento dos casos desses agravos.

O programa tem como objetivo ampliar a longevidade e melhorar a qualidade de vida da população mineira, pela diminuição da morbimortalidade por Doenças Cardiovasculares, Hipertensão Arterial, Diabetes Mellitus e Doença Renal Crônica.

A doença

O Diabetes se caracteriza pelo nível elevado de açúcar no sangue, sendo dividida basicamente em dois tipos: 1 e 2. O Diabetes Tipo 1 afeta principalmente pessoas com menos de 30 anos de idade e está relacionado a uma insuficiência do pâncreas, que deixa de produzir insulina (hormônio responsável por regular a quantidade de glicose existente no organismo).

Por se tratar de uma doença autoimune - quando o próprio organismo destrói as células produtoras da insulina -, o paciente deve fazer a reposição do hormônio, diariamente, durante a vida toda para que o nível de glicose no sangue se adeque às necessidades do organismo.

O Tipo 2 está relacionado a fatores hereditários e tem maior incidência em pessoas com mais de 40 anos de idade. Nesse caso, o organismo continua produzindo insulina, mas não consegue metabolizar a glicose em níveis satisfatórios.

Nos casos mais amenos, não é necessário que o paciente faça injeções do hormônio, sendo suficiente controlar a alimentação com uma dieta específica e exercícios físicos. Já nos mais severos, pode haver necessidade de ingestão de medicamentos orais ou a combinação destes com injeções de insulina. Hábitos alimentares, obesidade e sedentarismo estão intimamente ligados ao aparecimento desse tipo de Diabetes, que é cerca de oito a dez vezes mais comum que o Tipo 1.

A psicóloga Talitha Veneroso, descobriu que tinha Diabetes Tipo 1 aos 18 anos, depois de uma crise de sinusite. “O quadro se agravou e em questão de dois dias emagreci cerca de 10 quilos. Fiquei desidratada e me sentia muito fraca”, lembra. Após procurar atendimento médico, ela soube que estava com cetoacidose diabética, um dos problemas decorrentes da glicose muito alta, que pode levar à morte. “Passei um dia no CTI para estabilizar o quadro e mais uma semana internada para ser reidratada e realizar os exames que pudessem determinar o tipo de diabetes e a quantidade de insulina que precisaria utilizar”, lembra a psicóloga.

Por causa da doença, Talitha teve que mudar os hábitos, principalmente alimentares. “Quando adolescente eu passava longe de uma alimentação saudável. Não comia saladas, nem frutas e adorava refrigerantes e doces. Tive que me observar mais e conhecer melhor o meu corpo e minhas necessidades. Isso foi essencial para me adaptar às injeções de insulina e ao monitoramento da glicose, que são diários e totalmente necessários”, afirma.

Talitha reconhece a importância de se alimentar bem e seguir as orientações médicas para continuar tendo uma vida normal. “Foi muito difícil, principalmente no início, conviver com a doença e as limitações que ela me impôs. Mas, tento ver as restrições da doença como um modo de ampliar horizontes e aumentar as chances de uma vida mais saudável. O Diabetes é uma doença crônica, mas a ciência tem evoluído bastante e a cura parece estar cada vez mais próxima. Aí, é preciso que o diabético esteja bem, para aproveitar todos os benefícios que possam surgir”, aconselha.

Para evitar o problema, é fundamental que as pessoas mantenham uma alimentação adequada e pratiquem atividades físicas regularmente. Isso inclui incorporar na alimentação diária a maior quantidade possível de alimentos ricos em fibras, tais como frutas e verduras.

O Diabetes, quando não tratado, pode provocar sequelas muito graves, como cegueira, problemas renais e amputações. Para diminuir a possibilidade dessas complicações, é importante que o diagnóstico seja feito precocemente. “É fundamental que o paciente seja acompanhado pela equipe de saúde a fim de controlar a doença e evitar as possíveis complicações”, completa o coordenador Ailton Júnior.

Estima-se que, no Brasil, cerca de cinco milhões de indivíduos adultos com Diabetes desconheçam que são portadores da doença, sendo ela identificada apenas em estágio mais avançado, o que aumenta os riscos de complicações, como cegueira, infartos, falência renal, AVC (Acidente Vascular Cerebral) e amputações.

Distribuição de insumos

A SES-MG fornece, gratuitamente, insumos para o auto-monitoramento do Diabetes Tipo 1. Por meio da Rede Farmácia de Minas são distribuídas insulinas (NPH e Regular), seringas, lancetas (que servem para verificar a glicemia capilar), tiras reagentes e glicosímetro (aparelho medidor de glicose).

A Secretaria de Estado de Saúde também financia e distribui as insulinas Glargina e Detemir e repassa aos municípios alguns medicamentos orais, para tratamento de casos de Diabetes Tipo 2. “Para ser beneficiado, o usuário deve procurar o centro de saúde mais próximo da residência, onde ele obterá as orientações para recebimento gratuito dos medicamentos e insumos prescritos pelo médico”, informa Ailton Júnior.

Talitha Veneroso recebe mensalmente a insulina que utiliza, bem como as seringas, as tiras reagentes para a medição da glicose sanguínea e o glicosímetro, que serve para medir a glicose no sangue.

“Tenho que tomar injeções diárias de insulina, sem as quais minha glicose alcança níveis altíssimos. Também tenho que seguir uma dieta com restrições de açúcar, gorduras e calorias. Preciso também fazer refeições, no máximo, de três em três horas, para evitar quedas bruscas de glicose, além de ter que fazer exercícios físicos moderados diariamente”, finaliza a psicóloga.

fonte: Ag. Minas

Cetec abre inscrições para o processo seletivo na área aeronáutica

A partir de quarta-feira (10) iniciaram-se as inscrições para o primeiro processo seletivo da Fundação Centro Tecnológico de Minas Gerais (Cetec). Alunos recém-saídos do Ensino Médio interessados em atuar profissionalmente na área aeronáutica terão a oportunidade de se graduar como tecnólogos em três linhas temáticas. Os cursos serão gratuitos e terão a duração de três anos.

Os estudantes poderão se inscrever pelo site www.gestaodeconcursos.com.br. Os cursos são de: Processos Químicos, com ênfase em problemas biotecnológicos gerados por complexos aeronáuticos; Processos Ambientais, com ênfase em problemas gerados por complexos aeronáuticos; e Fabricação Mecânica, com ênfase em materiais aeronáuticos, aeroespaciais e automobilísticos. Esta é a primeira graduação gratuita específica para estas áreas da aeronáutica que é promovida por uma instituição pública em Minas Gerais.

O valor da inscrição é R$ 70 e aqueles interessados em pedir a isenção desta taxa poderão fazê-lo até o dia 19 de novembro. Para isso, deverão imprimir a ficha, que será disponibilizada no site do Gestão de Concursos e seguir as instruções do edital, que também se encontra no mesmo endereço eletrônico.

Ao todo são 150 vagas e os estudantes começarão os cursos em março de 2011, em área do campus que está sendo adaptada especialmente para os futuros tecnólogos. Só poderão se inscrever aqueles que fizeram a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) nos dias 5 e 6 de novembro deste ano. Isso porque a seleção será feita apenas através da escolha dos melhores colocados na prova. Não haverá vestibular. O edital também está disponível no site www.ceaeduc.org.

O processo seletivo do Cetec está inserido no contexto de criação do futuro Polo Aeronáutico de Minas Gerais, iniciativa do Governo de Minas que será inaugurada em 2012 em Lagoa Santa, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH). Os cursos do Cetec farão parte do Centro de Estudos Aeronáuticos (CEA).


Fonte: Ag.Minas

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Show de Fernando e Sorocaba é cancelado

O Show de Fernando e Sorocaba foi cancelado devido a interdição do Parque de Exposições de Bom Despacho. A informação é confirmada pela organização do evento.

Conforme o Ministério Público, a interdição do Parque é porque a diretoria do Sindicato Rural de Bom Despacho não cumpriu as exigências do TAC (Termo de ajustamento de conduto) expedido pelo promotor Dr. Luciano Moreira.

Segundo Dr. Luciano, o TAC teve como objetivo priorizar a segurança do público frequentador de possíveis eventos do Parque de Exposições de Bom Despacho.

Câmara discute sobre segurança do bairro São Vicente

Na reunião da Câmara Municipal realizada na noite ontem, os vereadores discutiram sobre sobre segurança pública do bairro São Vicente. Os parlamentares deverão fazer um encontro com Conselho Municipal de Segurança, para que haja uma solução o mais rápido possível.

A proposta surgiu do vereador Marcelão, morador do bairro, que demonstrou preocupação com o assunto. O parlamentar a casa, uma reunião agendada com o comando do Sétimo BPM, CONSEP e demais autoridades. O objetivo é encontrar uma maneira de reduzir o risco que a população do bairro São Vicente está sofrendo.

Nos últimos quinze dias, por exemplo, houve tiroteio entre bandidos e policiais, homicídios e outras tentativas de assassinato no bairro. O que mais surpreende, é que a série criminosa está ocorrendo por volta de 19 horas, horário que ainda tem bastante gente trafegando pelas ruas da comunidade.

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Dois dias depois, Polícia prende suspeitos de homicídio, leia a ocorrência

07 Nov Dom –
APREENSÃO EM VIRTUDE DE MANDADO (SUSPEITO DE HOMICIDIO): Por volta de 12:50 horas, a PM em cumprimento ao Mandado de Apreensão, expedido pela Comarca de ABAETE, em desfavor do menor, 16 anos, realizaram intenso rastreamento pelo bairro SÃO VICENTE, na tentativa de localizar e apreender o menor, 16 anos de idade, sendo o mesmo localizado na Avenida RIO DE JANEIRO, no referido bairro, onde recebeu voz de apreensão, foi informado de seus direitos constitucionais e posteriormente foi conduzido para a DEPOL em perfeitas condições físicas. A senhora L.M.C., tia do menor, acompanhou todo o desenrolar da ocorrência. Foi encontrado com o menor um celular marca SAMSUNG, que foi apreendido por existir suspeita de contato entre os envolvidos dos crimes em apuração. CRIMES EM APURAÇÃO: homicídio, tráfico de drogas e tentativa de homicídio.

APREENSÃO EM VIRTUDE DE MANDADO (SUSPEITO DE HOMICIDIO): Por volta de 13:30 horas, a PM, em cumprimento ao Mandado de Apreensão da Comarca de ABAETE, Vara Única, em desfavor de outro menor, 16 anos de idade, deslocaram até a residência do menor, situada na Rua ITAUNA, bairro SÃO VICENTE, onde foi efetuada a apreensão do mesmo. No momento da abordagem, este tentou empreender fuga. Durante o desenrolar da ocorrência, sua genitora, franqueou a entrada dos militares em sua residência, contudo nada foi constatado. O celular foi apreendido por existir a suspeita de contato entre os envolvidos nos crimes em apuração. CRIMES EM APURACAO: homicídio, tráfico de drogas e tentativa de homicídio.


fonte: Assessoria de Com. Org. Sétimo BPM

Assassinato no bairro São Vicente, leia a ocorrência

HOMICÍDIO CONSUMADO: Por volta de 21:23 horas, a PM compareceu no BAR BEBO E CANTO, localizado no Bairro JK, onde segundo solicitação havia ocorrido disparos de arma de fogo. No local, os militares depararam com um indivíduo caído ao solo com ferimentos provocados por projéteis de arma de fogo, sendo o mesmo de imediato socorrido ao Pronto Atendimento Médico.

Testemunhas relataram que estavam no referido estabelecimento comercial fazendo uso de bebida alcoólica, momento que chegou ao local quatro pessoas encapuzadas e todas armadas com armas de fogo, os quais passaram a efetuar disparos, onde três vitimas foram alvejadas, sendo A.A.M., 25 anos de idade, que foi atingido com um disparo no braço, L.S.X., 21 anos, que foi atingido com onze disparos nas costas, e a vítima conhecida somente por F. que foi atingido com sete disparos, sendo um no queixo, um no pescoço e cinco na região da cabeça, vindo o mesmo a falecer no hospital.

O único conhecido de F. no município é a testemunha, 39 anos, que acompanhou os militares até o Pronto Atendimento e reconheceu o corpo do mesmo, permanecendo com seus pertences. A testemunha acompanhou a PM até a residência de F. na tentativa de identificá-lo, porém nenhum documento foi localizado, tendo a mesma informado que havia conhecido a vítima próximo ao POSTO RODÃO e que ofereceu serviço de servente de pedreiro ao mesmo, onde F. disse ser natural de GOIÂNA/GO e atualmente estava residindo em LAGOA SANTA/MG. A vítima L.S.X. após receber os primeiros socorros foi transferida para BELO HORIZONTE/MG em estado grave, e a vítima A.A.M. foi liberado após ser medicado.

Foram realizados levantamentos no local acerca dos prováveis autores, sendo que o pai do indivíduo D. relatou que seu filho encontrava-se no referido bar lanchando e que logo após sair do estabelecimento os quatro autores chegaram no local e efetuaram os disparos, e que nesta data por volta das 14:00 horas compareceram em sua residência dois indivíduos, sendo um conhecido por F.O. e o segundo desconhecido, os quais passaram a proferir ameaças de morte ao seu filho, e disseram que se não conseguissem matar o mesmo iriam matar o irmão de D., sua mãe ou seu pai, e evadiram em seguida tomando rumo ignorado. O local do homicídio foi isolado e compareceu o perito, que após realizar seus trabalhos técnicos liberou o local. Segue rastreamento.

Fonte: Assessoria de Com. Org. Sétimo BPM

domingo, 7 de novembro de 2010

Brasil fica em 73º lugar no Índice de Desenvolvimento Humano 2010

O Brasil ocupa a 73ª posição no ranking IDH 2010 (Índice de Desenvolvimento Humano), em uma lista integrada por 169 países, segundo relatório divulgado nesta quinta-feira, 4 de novembro, pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud). A colocação indica que o país apresenta um estágio de desenvolvimento humano elevado.

Este ano, o estudo está comemorando a 20ª edição, sob o tema A Verdadeira Riqueza das Nações: Vias para o Desevolvimento Humano. De acordo com o Pnud, não é possível fazer uma comparação com o resultado brasileiro em 2009 (77º colocado), pois neste ano o relatório traz o "novo IDH", calculado a partir de metodologia e dados diferentes. No entanto, o índice continua a ser composto por três dimensões: educação, saúde e renda.

Na saúde, a variável usada ainda é a expectativa de vida (que ficou em 72,9 anos), mas houve mudanças nos dados relativos à educação e à renda. Os IDHs antigos consideravam a alfabetização e as matrículas no primário, ensino médio e superior. Já o novo é calculado com base nos "anos médios de estudo" (número médio de anos de educação recebidos por pessoas com 25 anos ou mais) e nos "anos esperados de escolaridade" (número de anos de escolaridade que uma criança na idade de entrar na escola pode esperar receber).

No âmbito da renda, a RNB (Renda Nacional Bruta) per capita passou a ser usada, em vez do PIB (Produto Interno Bruto) per capita, incluindo fatores como remessas do exterior e ajuda internacional. A RNB no país foi avaliada em US$ 10.607 (o valor do dólar é o ajustado pela paridade do poder de compra).

"Tem havido um progresso geral em termos de saúde. Existe mais informação para entender que a educação é de melhor qualidade. A esperança de vida é mais alta e o rendimento também é mais alto no Brasil", destacou à Rádio ONU a pesquisadora Isabel Pereira, que participou da produção do relatório.

A Noruega é o país que aparece no topo, seguido por Austrália e Nova Zelândia. Na sequência vêm os Estados Unidos - todos eles apresentam desenvolvimento humano muito elevado, de acordo com o relatório do Pnud. Na América Latina, o país mais bem colocado no ranking é o Chile, que ocupa a 45ª posição, seguido pela Argentina. A nação pior colocada na lista completa é o Zimbábue.

Evolução recente

Esta não é a primeira vez que o IDH passa por mudanças — a disponibilidade de novos dados e as sugestões de alguns críticos fizeram com que o índice se adaptasse ao longo das últimas duas décadas. Porém, a fim de possibilitar que sejam verificadas tendências no desenvolvimento humano, a equipe responsável pelo relatório usou a nova metodologia não só para calcular o IDH de 2010, mas também o de 2009 e de outros seis anos de referência: 1980, 1985, 1990, 1995, 2000 e 2005. Para o Brasil, há dados completos desde 2000.

Uma das novidades do IDH 2010 é o ajuste pela desigualdade (IDH-D), que identificou as perdas no desenvolvimento humano ao considerar as desigualdades na distribuição de saúde, educação e rendimento em 139 países. Com este ajuste, o Brasil perde 27,2% de sua pontuação no IDH.

O relatório do Pnud também calculou neste ano o IDG (Índice de Desigualdade de Gênero), que mede a discriminação das mulheres. O Brasil ficou em 80º lugar, em uma lista de 138 países, que é liderada pela Holanda.

A mudança na metodologia do IDH 2010 provocou a exclusão de 17 países, para os quais não havia dados disponíveis, segundo informou o Pnud, entre eles Líbano e Cuba - que apresentavam boas colocações nos relatórios anteriores. No caso do país caribenho, não havia dados sobre renda per capita. No do árabe, faltavam dados sobre escolaridade.

O relatório não inclui o Iraque (que já estava ausente em 2009), mas inclui o Afeganistão, que também passou por guerra civil e ocupações militares nos últimos 40 anos. Os dados para o Sudão, que vive conflito no Sul, são referentes apenas ao Norte do país africano.

fonte: Portal Eco