segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Chuva na estrada exige cautela e procedimentos adequados


Ao que tudo indica as chuvas não virão mais tão intensas como no início do mês de janeiro, mas continuarão a cair em algumas regiões do Estado. O período chuvoso, segundo a meteorologia, é considerado ainda até o mês de abril. Por isso, o Departamento de Estradas de Rodagem do Estado de Minas Gerais (DER/MG) ressalta a importância de os motoristas não só circularem com cautela nas estradas, como também adotarem os procedimentos adequados em casos de incidentes na pista.

A coordenadora do Núcleo de Educação para o Trânsito do DER/MG, Rosely Fantoni, alerta para os cuidados básicos, como usar sempre o cinto de segurança, inclusive dentro das cidades; estar descansado quando for dirigir; trocar os pneus carecas e mantê-los calibrados; só ultrapassar se tiver total segurança e visibilidade; manter distância do veículo da frente, pois ele pode frear de repente; evitar parar, mesmo no acostamento e, caso seja inevitável, ligar pisca-pisca, colocar triângulo a uma distância 110 metros do veículo, além de galhos de árvores para alertar aos outros motoristas e retirar todos os ocupantes do veículo, de forma que fiquem longe da pista; ainda no caso de parar no acostamento, colocar sinalizações nas curvas, para que os motoristas percebam o problema antecipadamente; reduzir a velocidade aos poucos e não frear bruscamente; usar farol baixo sob chuva ou neblina; e não fumar dentro do veículo para evitar que os vidros fiquem embaçados.

Além disso, a especialista indica procedimentos no caso de imprevistos na estrada, como queda de barreiras ou defeitos no veículo. Ela destaca que, diante qualquer problema, a sinalização deve ser a primeira providência. “O número de acidentes aumenta muito durante as chuvas. É nesse período que se deve redobrar a atenção, pois são comuns quedas de barreiras e deslizamentos nas estradas. A sinalização é a primeira atitude por parte do motorista, e deve ser feita da forma adequada para garantir a segurança dos passageiros e de outros veículos. Por isso é importante que as pessoas tenham conhecimento dos procedimentos, distâncias adequadas para sinalização, retirada dos passageiros, entre outros”, ressalta. Chuva na estrada exige cautela e procedimentos adequados

Ao que tudo indica as chuvas não virão mais tão intensas como no início do mês de janeiro, mas continuarão a cair em algumas regiões do Estado. O período chuvoso, segundo a meteorologia, é considerado ainda até o mês de abril. Por isso, o Departamento de Estradas de Rodagem do Estado de Minas Gerais (DER/MG) ressalta a importância de os motoristas não só circularem com cautela nas estradas, como também adotarem os procedimentos adequados em casos de incidentes na pista.

A coordenadora do Núcleo de Educação para o Trânsito do DER/MG, Rosely Fantoni, alerta para os cuidados básicos, como usar sempre o cinto de segurança, inclusive dentro das cidades; estar descansado quando for dirigir; trocar os pneus carecas e mantê-los calibrados; só ultrapassar se tiver total segurança e visibilidade; manter distância do veículo da frente, pois ele pode frear de repente; evitar parar, mesmo no acostamento e, caso seja inevitável, ligar pisca-pisca, colocar triângulo a uma distância 110 metros do veículo, além de galhos de árvores para alertar aos outros motoristas e retirar todos os ocupantes do veículo, de forma que fiquem longe da pista; ainda no caso de parar no acostamento, colocar sinalizações nas curvas, para que os motoristas percebam o problema antecipadamente; reduzir a velocidade aos poucos e não frear bruscamente; usar farol baixo sob chuva ou neblina; e não fumar dentro do veículo para evitar que os vidros fiquem embaçados.

Além disso, a especialista indica procedimentos no caso de imprevistos na estrada, como queda de barreiras ou defeitos no veículo. Ela destaca que, diante qualquer problema, a sinalização deve ser a primeira providência. “O número de acidentes aumenta muito durante as chuvas. É nesse período que se deve redobrar a atenção, pois são comuns quedas de barreiras e deslizamentos nas estradas. A sinalização é a primeira atitude por parte do motorista, e deve ser feita da forma adequada para garantir a segurança dos passageiros e de outros veículos. Por isso é importante que as pessoas tenham conhecimento dos procedimentos, distâncias adequadas para sinalização, retirada dos passageiros, entre outros”, ressalta.


Fonte Ag. Minas

domingo, 27 de fevereiro de 2011

Associação e Esplanada ficam no empate na segunda rodada do Municipal

Ontem, no estádio Odílio Torres, na categoria amador adulto Associação e Esplanada ficaram no empate de 3 a 3, mas acabaram se complicando com este resultado, pois a vitória era o mais interessante para as duas equipes. Nos aspirantes, o Celeste derrotou o Tricolor por 3 a 1.

Hoje a tarde, haverá mais duas partidas pelo Campeonato Municipal de 2011. No estádio Pedro Almeida Filho, o Operário recebe o Famorine e no estádio Parque do Azulão, o Ipiranga enfrenta o surpreendente Palmeiras da Garça.

Os jogos acontecem a partir das 14 horas, pelas categorias aspirantes e amador.

sábado, 26 de fevereiro de 2011

Polícia cita caso "Saidinha de Banco"

MAIS DUAS PESSOAS SÃO VÍTIMAS DO GOLPE DA SAIDINHA DE BANCO EM BH


Mais duas pessoas foram vítimas do golpe da saidinha de banco, em Belo Horizonte, na tarde desta quinta-feira.

A primeira pessoa teria sacado R$ 17 mil em uma agência de Banco, no Bairro Gutierrez, Região Oeste de Belo Horizonte. Ela foi abordada por um homem entre a Rua Santa Catarina e Rua Timbiras. Segundo a Polícia Militar, o suspeito do crime fugiu em uma moto.

fonte: Ass. Org. Sétimo Batalhão

Neste sábado tem segunda rodada do Campeonato Municipal 2011


Neste sábado, a partir das 13h30, haverá dois jogos pelo Campeonato Municipal edição 2011. No estádio Chico Marques jogam Associação x Esplanada pelas categorias amador e aspirantes.

Na categoria amador adulto, o jogo promete ter muita emoção, porque as duas equipes perderam seus jogos de estreia na competição. A Associação foi derrotada de virada por 2 a 1 pelo Palmeiras da Garça no último sábado e o Esplanada também perdeu de 3 a 1 para o Operário.


No domingo, o Operário recebe o Famorine com intuito de manter a liderança do campeonato e o Ipiranga do Engenho enfrenta o Palmeiras da Garça.

Domingos Sávio defende o papel do Congresso

Vice líder do PSDB na Câmara dos Deputados fala durante 25 minutos da importância do Congresso para o desenvolvimento do Brasil. Presidente da sessão sugeriu distribuição de cópia do pronunciamento a todos os deputados.

O deputado federal Domingos Sávio (PSDB-MG) fez o seu primeiro grande pronunciamento na Câmara dos Deputados na manhã desta sexta-feira, dia 26, no plenário da Casa. Depois de três semanas de trabalho em Brasília, durante as quais usou a palavra por diversas vezes para pequenas considerações como vice líder do PSDB, o parlamentar usou a palavra por 25 minutos para tratar da situação atual da política brasileira e para defender um legislativo eficiente e uma oposição responsável. Ele também abordou temas relevantes como a revisão do pacto federativo, a reforma política e a regulamentação da Emenda 29 e do Código Florestal brasileiro.

Em seu pronunciamento, o vice líder do PSDB na Câmara destacou o papel do Congresso Nacional na democracia brasileira e a necessidade de que ele volte sua atenção para cada um dos temas que abordou. “O Congresso é a cara do nosso povo. Aqui se misturam as raças, os credos, as diversas realidades sociais do nosso país. Apesar da presidenta representar o nosso Brasil, é aqui que está manifestada a vontade do povo brasileiro”, disse ao iniciar o discurso. O parlamentar também defendeu que o Congresso deixe de se pautar de acordo com as prioridades do Poder Executivo, valorizando sua condição de poder independente.

Ao final de sua fala, o presidente da sessão, deputado Edson Silva (PSB-CE), sugeriu a Domingos Sávio que distribuísse uma cópia a todos os deputados da Casa. “Deputado Domingos Sávio, faço uma sugestão a Vossa Excelência: eu não sei falar, mais sei ouvir. Peça à taquigrafia uma cópia do seu pronunciamento e mande para todos os nossos gabinetes. Estará dando uma grande contribuição a esta Casa em um momento que poderá provocar uma reflexão de todos nós para o bem do Brasil”, disse o presidente.

Oposição

Domingos Sávio defendeu em plenário a importância da oposição para a construção da democracia. Argumentou que nenhum governo poderá ser bom se não contar com uma oposição séria, capaz de debater com ele sobre os temas importantes para o país, e condenou a prática do Governo Federal de privilegiar as emendas parlamentares dos deputados aliados e não pagar as emendas da oposição. “Não vim aqui para deixar de defender minhas posições sobre os assuntos de interesse público do Brasil em troca dos favores do Governo”, afirmou Domingos Sávio. “Não conseguiria olhar nos olhos dos meus filhos se me portasse assim. Não serei cooptado. Ao mesmo tempo, não vejo sentido em fazer oposição de maneira intransigente. Isso seria uma oposição ao próprio Brasil”.

Pacto Federativo

O parlamentar defendeu maior convergência nas relações entre situação e oposição para que sejam apreciadas e votadas matérias relevantes. Uma delas é a revisão do chamado pacto federativo brasileiro, que determina a divisão de competências entre a União, estados e municípios e, por conseqüência, a divisão dos recursos públicos do sistema financeiro e tributário entre as três esferas. Atualmente no Brasil a maior parte da arrecadação fica com o Governo Federal, cabendo aos demais entes uma parcela muito pequena dos recursos. “Como ficam os municípios e os estados, alguns em estado de calamidade? Algumas prefeituras dizendo que terão de fechar serviços essenciais, não conseguindo nem pagar esse salário mínimio pequeno”, questionou o deputado. “Os municípios, por exemplo, são quem responde primeiro à chamada da Saúde. É na porta do prefeito e da câmara que o cidadão pede socorro quando não tem vaga no hospital, e isso acontece a todo momento”.

Carro elétrico tem design parecido com um avião sem asas

O fabricante do carro elétrico Aptera realmente resolveu inovar no design da máquina ecologicamente correta. O formato do carro parece um triciclo invertido com duas rodas na frente e uma atrás.Outra hipótese comentada pelos consumidores é que o carro teria vindo de outro planeta, pela grande plasticidade do produto.

Para os fabricantes, o veículo foi desenhado com um formato de avião sem asas, por isso o nome Aptera, que significa sem asas. Mas, além do design arrojado, as características totalmente ecológicas do carro também são impressionantes.

O Aptera possui duas versões, uma híbrida (Plug-In Electric Hybrid) e outra elétrica (All-Eletric). Ambas não lançam poluentes na atmosfera e são mais econômicos em relação aos carros a combustão.

All-Eletric e Plug-In Eletric Hybrid

O carro elétrico é menos poluente do que o híbrido. Ele é totalmente movido à bateria e para carregá-lo é preciso apenas algumas horas de conexão a uma fonte de 110 volts. Apenas com uma única carga, o carro pode percorrer 200 km e atingir até 96 km/h.

Já a versão híbrida necessita de um motor de combustão aliado ao motor elétrico. Devido a isso, ele precisa ser abastecido por gasolina, mas a emissão dos poluentes ainda é baixa. Um único galão pode levar o carro a fazer 480 quilômetros, com velocidade máxima maior do que a da versão elétrica, 140 km/h.

fonte: Portal Eco

quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

Meteorologia prevê chuvas fortes para as regiões Centro-Oeste, Sul e Campo das Vertentes

A Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec/MG) alerta as regiões Centro-Oeste, Sul e Campo das Vertentes que a partir desta quinta-feira (24), até a próxima segunda-feira (28), uma frente fria poderá ocasionar fortes chuvas nessas localidades, com volume acumulado entre 150mm a 180 mm.

Segundo o meteorologista, Ruibran dos Reis, o deslocamento de áreas de instabilidade sobre o litoral Sudeste do Brasil, no decorrer desta quinta-feira, propicia ainda a formação de chuvas e pancadas moderadas, acompanhadas de queda de raios e rajadas de vento a partir da tarde e noite, sobre todas as regiões mineiras, principalmente, na parte Sul do Estado, que se encontrará nublada.

Ruibran dos Reis afirma que não há chuvas previstas para a região do Jequitinhonha. “A ampliação da cobertura de nuvens provoca uma queda nas altas temperaturas das últimas semanas, dando um leve alivio à forte onda de calor que assola o Estado”, diz o meteorologista.

Em Belo Horizonte e Região Metropolitana o céu ficará encoberto com chuvas e pancadas ao longo do dia. As temperaturas deverão variar entre 24ºC durante a madrugada e máxima de 26°C no período da tarde.

Fonte: Ag. Minas

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Minas Sem Fome alcançou bons resultados, aponta levantamento


Estudo realizado pela Fundação João Pinheiro (FJP) avaliou de maneira positiva o programa Minas Sem Fome. O levantamento, feito a pedido do Governo do Estado, teve como objetivo verificar o impacto, viabilidade econômica e critérios associados à implantação de projetos de lavouras, apicultura e distribuição de tanques de resfriamento de leite.

De acordo com a FJP, a execução das ações estudadas está relacionada principalmente ao Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDH-M), indicando que o Minas Sem Fome beneficia significativamente o seu público-alvo. O estudo foi realizado entre 2009 e 2010.

O Minas Sem Fome é um programa do Governo de Minas e executado pela Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) por meio da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG). A iniciativa visa estimular a produção de alimentos, agregação de valor e geração de renda. A ideia é melhorar as condições de segurança alimentar e nutricional da população e promover a inclusão das famílias de baixa renda no processo produtivo.

Já foram beneficiados 776 municípios. Em sete anos de programa foram investidos R$ 90 milhões. Para 2011, o Governo de Minas vai investir no Minas Sem Fome cerca de R$ 8,4 milhões, cuja meta é atender 280 mil famílias.

De acordo com FJP, 88,6% dos beneficiários do Minas Sem Fome possuem renda familiar per capita inferior a um salário mínimo. As regiões Norte, Jequitinhonha, Vale do Mucuri e Vale do Rio Doce receberam, aproximadamente, 57% de todas as sementes de lavoura entre 2004 e 2008. Segundo o gerente-adjunto do Minas Sem Fome, Flávio Antônio, as famílias beneficiadas com a distribuição de sementes tiveram um impacto na renda domiciliar per capita em torno de R$ 25,00.
De 2007 a 2008, as ações de apicultura foram concentradas nas regiões Norte e Jequitinhonha, que receberam em torno de 81% do número de colmeias distribuídas. O programa fornece insumos agrícolas para incentivar a produção de mel em áreas com vocação para a atividade. Foram distribuídos kits que podem atender de uma a três famílias.

A entrega de tanques de resfriamento dá condições para que o agricultor familiar venda diretamente o produto sem intermediários, possibilitando que o produtor receba maior valor pela comercialização do leite. A ação concentra-se nas regiões Norte (19,82%), Jequitinhonha (14,41%) e Triângulo (12,61%), o que corresponde a cerca de 60% do total da distribuição dos tanques.
De acordo com a pesquisa, a distribuição de kits de apicultura e tanques de resfriamento de leite impulsionaram as atividades econômicas apoiadas. Para a Fundação João Pinheiro, a participação do Minas Sem Fome sobre a renda domiciliar per capita das propriedades pesquisadas teve impactos sociais na redução dos custos de transporte, geração de emprego, segurança alimentar, formação de capital fixo e distribuição de renda.

Novos equipamentos

Há quase um ano, a comunidade do Limatão, no município de Itaipé, no Vale do Mucuri, foi beneficiada pelo Minas Sem Fome. Foi entregue aos moradores um tanque de resfriamento de leite com capacidade para armazenar 3 mil litros. O equipamento beneficia 19 produtores. A produção diária do grupo é de 1,3 mil litros. O leite é comercializado com um laticínio da região. Segundo o extensionista do escritório da Emater-MG em Itaipé, Sandro Rodrigues, o tanque de resfriamento é fundamental para manter a qualidade do leite e evitar perdas. “Antes o produtor entregava o leite no latão e perdia em média 15% da produção”, diz o extensionista.
De acordo com Sandro Rodrigues, com o tanque de resfriamento o leite produzido pelo grupo ficou mais valorizado. O litro passou de R$ 0,45 para R$ 0,55 em média.

Com a implantação do tanque de resfriamento, o produtor Tales Dias Matos decidiu aumentar o rebanho de sua propriedade de 13 para 25 vacas. “A implantação do tanque de resfriamento foi importante para a gente. Além de evitar perdas, o tanque valorizou o nosso produto. Isso é um
para investir na atividade”, afirma Tales.

fonte: Ag. Minas

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

CVT de Nova Serrana investe em projetos culturais


Além da formação profissional, o Centro Vocacional Tecnológico de Nova Serrana (CVT) investe forte em atividades artístico-culturais. Exemplo é o projeto “Capoeira e Cidadania”, desenvolvido em parceira com a equipe do ProJovem Urbano. Outra ação que merece destaque são os cursos de Balé e Jazz, ministrados em conjunto com a Secretaria Municipal de Cultura.

O coordenador geral do CVT, professor Willian Barcelos, explica que as atividades são um sucesso. “Temos alcançado um alto índice de participação, que supera, e muito, as nossas expectativas. Para se ter ideia, as aulas de capoeira, que são ministradas as terças e quintas-feiras, tornaram pequeno o salão de eventos da unidade. Outra atividade bastante prestigiada são as aulas de balé e jazz.”

A capoeira conta com profissionais gabaritados, como o professor Gilson Rodrigues, formado em educação física e com experiência na Europa. O mestre Di, como é conhecido, faz parte do Centro Cultural Monte Sião, que reúne capoeiristas brasileiros, alemães e poloneses. As aulas de dança são realizadas pela bailarina Juliana Maia, formada pelo Movimento para o Ensino de Dança pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), com passagens pela Cia. de Dança Sesiminas/BH, Royal Academy of Dance (Inglaterra) e formação na metodologia cubana com o professor Pablo Monet (primeiro bailarino de Cuba). “Toda essa experiência repercute no interesse das pessoas. Somente para a seleção de novas turmas, o CVT de Nova Serrana atenderá no dia 19, sábado, cerca de 350 crianças, todas interessadas em fazer parte da escola de dança”, conta Willian.

Os interessados em participar destes e de outros projetos do CVT de Nova Serrana, devem se inscrever gratuitamente na unidade, situada na Avenida Dom Cabral, 375 – Jardins do Lago. O horário de atendimento é de segunda a sexta-feira, das 7h às 21 h. Mais informações pelo telefone (37) 3226-5049.

O CVT de Nova Serrana é uma unidade da Rede de Formação Profissional Orientada pelo Mercado (RFPOM), projeto do Governo de Minas, coordenado pela Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sectes - MG), com apoio das Prefeituras Municipais. O objetivo é ampliar a capacitação local e regional; combater a exclusão digital e social; gerar emprego e renda; e contribuir para a melhoria de vida da população a partir da capacitação profissional. Para isso, duas frentes de trabalho estão em atuação: alfabetização digital e formação e aperfeiçoamento profissional.

Hoje, a RFPOM está consolidada com a implantação de 571 unidades interligadas em banda larga, representadas por 84 CVTs e 487 Telecentros. São 4.5 mil microcomputadores conectados, colocando Minas Gerais como um dos estados a possuir um dos maiores programas de inclusão digital e social do País. O projeto alcança mais de 360 municípios e soma mais de 500 mil cidadãos certificados em cursos presenciais e a distância, nas áreas comportamentais, gerenciais e profissionalizantes, além de 1 milhão de pessoas beneficiadas com o acesso à internet.

Investimento de mais R$ 130 milhões

A estrutura da RFPOM totaliza o investimento de mais de R$ 130 milhões, recursos provenientes do Governo de Minas e do Ministério da Ciência e Tecnologia – MCT, por meio de emendas parlamentares. Na montagem de um CVT são gastos, em média, R$ 600 mil, e de um Telecentro R$ 50 mil. Depois de montadas, as unidades são mantidas pelo Governo de Minas, em parceria com as Prefeituras Municipais e entidades gestoras, como ONGs, organizações da sociedade civil e entidades.


Centro Vocacional Tecnológico de Nova Serrana
Av. Dom Cabral, n°375 - Jardins do Lago | Nova Serrana / MG
(37) 3226 9090

Rodada de Abertura do Campeonato Municipal 2011 tem Operário como líder

A rodada de abertura do Campeonato Municipal de 2011 terminou neste domingo. Ontem, o torneio teve resultados surpreendentes, como a derrota de virada de 2 a 1 da Associação para o Palmeiras da Garça.

No estádio Pedro Almeida Filho, o Operário conseguiu uma vitória de 3 a 1 sobre o Esplanada. O resultado garantiu ao filho da Àguia, a liderança provisória da competição, pois o Cristalino venceu por 2 a 0 o Ipiranga do Engenho, nesta tarde.

A segunda rodada do Campeonato Municipal de 2011 acontece no próximo de fim de semana em Bom Despacho.

sábado, 19 de fevereiro de 2011

Horário de Verão termina hoje a noite

O Horário de Verão 2010/2011 termina à zero hora do de domingo (20). Com isso, às 24 horas do sábado (19), os relógios deverão ser atrasados em uma hora.

A medida, que começou à zero hora de 17 de outubro do ano passado, abrangeu os estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, além do Distrito Federal. Os estados das regiões Norte e Nordeste não adotam o Horário de Verão, devido à proximidade da Linha do Equador, o que faz com que a duração dos dias nesses estados não apresente alterações significativas ao longo do ano, e o Horário de Verão teria efeito praticamente nulo.

No total, essa edição do Horário de Verão contará com 126 dias de duração, mesma duração do ano passado. Desde 2008, através do Decreto 6.558, do Ministério de Minas e Energia, foram fixadas datas para seu início e término: ficou definido que, todos os anos, a medida entrará em vigor sempre à zero hora do terceiro domingo de outubro e se estenderá ao terceiro domingo de fevereiro. No ano em que houver coincidência entre o domingo previsto para o término do Horário de Verão e o domingo de carnaval, o encerramento ocorrerá no domingo seguinte.


Minas Gerais


Na área de concessão da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), verificou-se, segundo o balanço parcial, uma redução na demanda máxima, ou seja, no pico diário da carga que ocorre no período das 18h às 22h, de 4%, correspondendo a cerca de 300 MW, 0,5 ponto percentual a mais que o ano passado. Essa potência equivale a:

. geração a plena carga de 2,3 usinas do porte da Usina Térmica de Igarapé (131 MW) ou

• geração de 4,5 geradores da usina de Três Marias, também a plena carga (66 MW cada) ou

• 30% da carga de pico de todo o Triângulo Mineiro com seus 66 municípios ou

• 15% da carga de pico da Região Metropolitana de Belo Horizonte (34 municípios – 4.9 milhões de habitantes) ou

• demanda de pico de uma cidade de 700 mil habitantes.

No consumo, estima-se que a economia de energia registrada no Horário de Verão dos últimos dois anos se manteve no período atual, chegando a 0,5%, o que representa 31 MWméd (megawatts médios). “Essa economia é suficiente para abastecer, durante dez dias, a capital Belo Horizonte”, afirma o engenheiro de operação do sistema da Cemig, Wilson Fernandes Lage.

Para o consumidor residencial, a economia se dá na menor utilização da iluminação artificial, que pode chegar a uma redução de até 5% no consumo mensal de energia.


No Brasil


A economia no sistema elétrico interligado brasileiro, de acordo com avaliações do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), deverá ser de 4,6% de redução na demanda máxima, superando o valor de 2.530 MW, o que equivale, aproximadamente, a 30% da carga de Minas Gerais no horário de ponta.

Já a redução do consumo de energia deverá atingir 220 MWmédios, correspondentes a 0,5% da carga dos subsistemas Sul/Sudeste/Centro-Oeste ou ao consumo mensal de uma cidade de 470 mil habitantes. Os valores oficiais deverão ser divulgados duas semanas após o término do Horário de Verão.

Objetivo

A adoção do Horário de Verão visa à redução da demanda máxima do Sistema Interligado Nacional no período de ponta. “Com isso, obtém-se o alívio do carregamento dos sistemas de geração, transmissão e distribuição, aumentando a segurança e a confiabilidade operativa, pois é reduzido o carregamento de todo o sistema elétrico nos momentos de pico, sendo melhoradas as condições de controle, principalmente em situações de emergências”, explica Wilson Lage.

Segundo o engenheiro, essa redução ocorre no período do ano em que o sistema é, de modo geral, submetido a condições operacionais mais críticas, reduzindo os riscos de desligamentos de linhas de transmissão, principalmente devido a descargas atmosféricas. “Proporciona também melhores condições de suprimento, em termos de continuidade e qualidade de atendimento às diversas áreas dos sistemas.”

Ainda como resultado do Horário de Verão, houve uma menor utilização da iluminação artificial, com redução do consumo de energia, principalmente nas classes de consumidores residenciais e comerciais.

Como funciona


O Horário de Verão provoca o adiantamento do horário civil em relação ao horário padrão, tardando a ligação da iluminação artificial, que é acionada mais tarde do que aconteceria normalmente. O efeito provocado é a não coincidência da entrada desse tipo de iluminação com o consumo demandado ao longo do dia pelo comércio e pela indústria, cujo montante se reduz após as 18h, e com outros tipos de consumo nas residências, cuja carga aumenta significativamente nesse horário, motivados principalmente pelo uso de chuveiro elétrico.


A adoção do Horário de Verão é bastante antiga, tendo sido usada durante as guerras mundiais, com finalidades econômicas, evitando-se a geração térmica. O primeiro país a adotá-lo foi a Alemanha, em 1916.

Esta é a 37ª edição do Horário de Verão brasileiro. Foi adotado 11 vezes entre 1931 e 1968, de forma descontinuada, voltando depois no verão 1985/1986 e a partir daí em todos os anos até hoje, durante 26 edições consecutivas. Sua utilização tem sido associada à redução do risco de crises energéticas e aumento da segurança operativa e confiabilidade do fornecimento, devido à redução dos picos de consumo, propiciando a redução do risco de apagões, por meio do melhor aproveitamento da luz natural e ganhos em armazenamento de energia.

Além do Brasil, o Horário de Verão é implementado em aproximadamente 80 países, como, por exemplo, nos países da União Européia (entre março e outubro) e da América do Norte (entre março e novembro), além da Rússia, Turquia e Cuba. No Hemisfério Sul, a medida é adotada entre outubro e março na Austrália, Nova Zelândia, Chile, Paraguai, Uruguai, entre outros.


Fonte: Ag. Minas

Hoje começa o Campeonato Municipal 2011

Hoje a tarde, a partir das 14h, começa a edição 2011 do Campeonato Municipal, que será disputado por 7 equipes de Bom Despacho.

No estádio Pedro Almeida, o Operário recebe o Esplanada pelas categorias aspirantes e amador-adulto. Já no estádio Pedro Lino da Costa, a AAB enfrenta o Palmeiras da Garça.

O torneio é realizado pela Liga Municipal de Desportos de Bom Despacho.

Mulher é o foco da campanha de prevenção à Aids neste carnaval


A terça-feira de carnaval deste ano será no dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher. Aproveitando a data, a campanha de prevenção contra a Aids, que acontece em todo o Estado, terá como público-alvo a ala feminina. Com o slogan “Bote camisinha nas suas histórias de carnaval”, a campanha pretende incentivar as mulheres a promoverem o autocuidado, usando preservativo em todas as relações sexuais.

“Estamos seguindo o tema proposto pelo Departamento Nacional de DST/Aids. O foco será o público jovem, com idade entre 15 e 24 anos, que geralmente se expõe mais durante a folia. E já que o período do carnaval coincide com o Dia internacional da Mulher, aproveitamos para reforçar junto ao público feminino a importância da prevenção”, explica a referência técnica estadual em DST/Aids, Janaína Mesquita.

A ênfase dada às mulheres não se deve somente à coincidência de datas. As estatísticas também foram levadas em consideração, já que elas apontam que o número de casos de Aids no público feminino cresceu, consideravelmente, desde o início da epidemia. Nos quatro anos que se seguiram após o surgimento da doença, não houve nenhuma notificação entre as mulheres. Já a partir de 1986, os registros crescem ano a ano.

Em razão desses números, os materiais educativos a serem distribuídos foram elaborados com apelo para as mulheres. Ao todo, são 700 mil porta-preservativos, 500 mil leques e 300 mil volantes. Além disso, serão distribuídos 1,5 milhão de camisinhas masculinas.

“Todo esse material será entregue à população por meio das Gerências Regionais de Saúde, municípios e parceiros, como ONGs, Polícia Militar, Escola de Saúde Pública e outras secretarias. A primeira ação já acontece no dia 26 de fevereiro, durante o desfile da Banda Mole”, conta Janaína.

As ações de rua prosseguem no dia seguinte, com a distribuição de materiais em bares de Belo Horizonte. Na semana do carnaval, também haverá atividades na rodoviária, estações do metrô, aeroportos e na Cidade Administrativa Presidente Tancredo Neves. A população será abordada por promotores, que passarão mensagens educativas e entregarão os materiais. A abordagem ocorrerá ainda em diversas cidades, especialmente naquelas que recebem mais foliões, como Abaeté, Diamantina, Itabirito, Mariana, Ouro Preto, Pirapora e Tiradentes.

O grupo Vhiver, uma Organização Não Governamental que oferece apoio às pessoas portadoras do vírus HIV, será um dos parceiros da Secretaria de Estado de Saúde (SES) durante o carnaval. A ONG, que vai realizar atividades em municípios da Zona da Mata, Jequitinhonha e Região Metropolitana de Belo Horizonte, receberá materiais para distribuir durante as abordagens.

“Estamos trabalhando em parceria com o Governo do Estado há vários anos e temos obtido muito sucesso. Para 2011, estamos ainda mais animados, nos preparando, inclusive, para incluir Ouro Preto em nosso roteiro. Sem dúvida, será mais um carnaval de muito trabalho e conscientização da população”, destaca o presidente do Grupo Vhiver, Valdecir Fernandes Buzón.

Durante todo o carnaval, será veiculado um spot nas principais rádios do Estado e afixados outdoors nas principais saídas de Belo Horizonte e em municípios do interior. Tais mídias vão reproduzir o tema da campanha.

Terminada a folia, a campanha continua com foco no incentivo à realização do exame para diagnóstico. O material educativo vai exibir a mensagem “Não usou camisinha, faça o teste Aids, sífilis e hepatites. Para quê ficar na dúvida? Os testes são gratuitos, sigilosos e seguros”. Nessa fase, serão distribuídos 20 mil cartazes e 30 mil adesivos de banheiro.

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Hemominas realiza coleta de sangue em Bom Despacho

A Fundação Hemominas convida toda a população de Bom Despacho para participar da coleta de sangue que será realizada neste sábado, 19/02, das 8h às 17h, na Associação de Doadores de Sangue de Bom Despacho, localizada na Praça Olegário Maciel, 831, Centro.

A expectativa é atender cerca de 200 candidatos à doação de sangue. Aqueles que não puderem comparecer na coleta de sangue em Bom Despacho podem agendar a doação na Unidade de Coleta em Betim pelo telefone (31) 3595.1010.

Podem doar sangue cidadãos com boa saúde, idade entre 18 e 65 anos, peso acima de 50 quilos, que não tenham ingerido bebida alcoólica nas últimas 12 horas, não tenham tido hepatite após os 10 anos de idade, e que não tenham doença de Chagas. Outros critérios serão avaliados durante a triagem clínica. Para realizar o gesto de cidadania, o candidato à doação também deve apresentar um documento oficial com foto e dentro do prazo de validade.

Fonte: Ag. Minas

PAC da Mobilidade vai destinar R$ 18 bilhões para melhorar transporte público


As 24 maiores cidades do país, todas com mais de 700 mil habitantes (39% da população), poderão apresentar propostas de obras na área de transportes urbanos no site do Ministério das Cidades a partir do dia 21 de fevereiro. O Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) - Mobilidade Grandes Cidades foi lançado nesta quarta-feira (16) no Palácio do Planalto, em solenidade fechada à imprensa.

O evento marca o início do processo seletivo para projetos de infraestrutura na área de transporte público coletivo. Serão destinados R$ 18 bilhões para este novo PAC. Destes, R$ 6 bilhões terão como origem investimentos diretos da União e R$ 12 bilhões virão de financiamentos. O objetivo é ampliar a capacidade de locomoção e melhorar a infraestrutura do transporte público nessas cidades.

De acordo com informe divulgado pela Presidência da República, serão selecionados projetos para a aquisição de equipamentos voltados à integração, ao controle e à modernização dos sistemas, além dos relativos à implantação e à melhoria da infraestrutura de transporte público coletivo.

Os projetos podem incluir sistemas de transporte sobre pneus, como corredores de ônibus exclusivos (BRT), de veículos leves sobre pneus e sistemas sobre trilhos, como trens urbanos, metrôs e veículos leves sobre trilhos (VLT).

A cerimônia de abertura do processo de seleção contou com a presença da ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão, Miriam Belchior, e do ministro das Cidades, Mário Negromonte.

O governo dividiu os 24 municípios atendidos pelo PAC Mobilidade em três grupos. O MOB 1 atende às capitais de regiões metropolitanas com mais de 3 milhões de habitantes. Ele corresponde a 31% da população brasileira e abrange o Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Porto Alegre, Brasília, Recife, Fortaleza, Salvador e Curitiba.

O MOB 2 inclui municípios com população entre 1 milhão e 3 milhões milhões de habitantes, e corresponde a 4% da população do país. Nesse grupo, estão as cidades de Manaus, Belém, Goiânia, Guarulhos, Campinas e São Luís. O MOB 3 está voltado para cidades de 700 mil a 1 milhão de habitantes. Ela também corresponde a 4% da população brasileira. Nesse grupo serão beneficiados os municípios de Maceió, Teresina, Natal, Campo Grande, João Pessoa, São Gonçalo, Duque de Caxias e Nova Iguaçu (RJ) e São Bernardo do Campo (SP).

Para serem selecionados, os projetos devem ser apresentados pelos estados e/ou municípios seguindo critérios pré-estabelecidos para enquadramento. Entre as contrapartidas estão a garantia de sustentabilidade operacional dos sistemas, a compatibilidade entre a demanda e os modais propostos e a adequação às normas de acessibilidade.

Também terão prioridades projetos que beneficiem áreas com população de baixa renda, que já contem com projeto básico pronto e que tenham situação fundiária regularizada.

Fonte: Portal Eco

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Campeonato Municipal 2011 começa neste fim de semana

O Campeonato Municipal de 2011 começa neste fim de semana em Bom Despacho. Os jogos serão realizados no sábado e no domingo. A competição contará com 7 equipes, sendo disputada turno único.

No estádio Pedro Lino da Costa, a AAB recebe o Palmeiras da Garça e o Operário encara o Esplanada no Estádio Pedo Almeida, jogos a serem realizados, dia 19 de fevereiro, com horários a partir das 14h30. Já no domingo, haverá a partida entre Ipiranga x Cristalino no Engenho do Ribeiro.

O torneio é promovido pela Liga Municipal de Desportos de Bom Despacho. "Esperamos fazer um campeonato forte este ano", diz Antônio Morato, presidenta da entidade organizadora.

Educação abre 50 mil vagas para aulas complementares no ensino médio


Escolas de todo o Estado já podem se inscrever no Programa de Aprofundamento de Estudos da Secretaria de Estado de Educação (SEE). O Programa oferece aos estudantes do ensino médio das escolas estaduais de Minas Gerais a oportunidade de aumentar a carga horária de estudos no contraturno das aulas. O intuito é melhorar o desempenho dos alunos em sala de aula, além de preparar para o Enem, exames vestibulares, concursos públicos e outros testes de seleção. O Programa foi criado em 2006 e já atendeu a 190 mil estudantes no Estado. Nesta edição, a SEE oferece 50 mil vagas para escolas de Minas Gerais.

O Aprofundamento de Estudos permite diferentes organizações curriculares. Este ano, a matriz de referência para os estudos será a mesma do Enem, mas pode variar de acordo com a demanda de determinada escola. As aulas do programa podem ser organizadas por área de conhecimento ou por disciplinas isoladas, além disso podem ter como foco o reforço escolar ou a preparação para um exame específico. “O Aprofundamento de Estudos dá condições para que os estudantes aprimorem habilidades e competências em disciplinas ou áreas de conhecimento nas quais apresentam mais dificuldades. E também é uma oportunidade para que esses estudantes se preparem melhor para o Enem e para os vestibulares”, explica a subsecretária de Desenvolvimento da Educação Básica, Raquel Elizabete de Souza Santos.

O estudante pode optar por cursar de duas a cinco disciplinas no programa, sempre no contraturno ou aos sábados. As atividades têm duração de quatro ou cinco horas/aula por dia e a escola pode ofertar o programa no máximo três vezes por semana. As disciplinas de Português e Matemática são obrigatórias, exceto nas escolas que optarem por ofertar o aprofundamento apenas uma vez na semana. Para disponibilizar o Aprofundamento de Estudos, a escola deve fazer um levantamento dos estudantes interessados e cadastrá-los no site do Programa (http://www.squarcio.com.br/aprofunda), por meio dos números de CPF.

Diante do interesse dos alunos, a escola repassa a demanda para a secretaria, que faz a seleção dos professores. Eles podem ser designados especificamente para lecionar no Aprofundamento de Estudos ou serem selecionados na própria escola. Nesse caso, o professor que sair de sala de aula para trabalhar no projeto é substituído por outro designado. A SEE autoriza a designação dos professores a partir da demanda verificada no cadastramento. Além do investimento na designação de docentes, a secretaria também reserva R$1 milhão para que as escolas comprem material de consumo para o projeto.

A Escola Estadual Santos Dumont desenvolve o Aprofundamento de Estudos desde o início do projeto, em 2006. Segundo a diretora Ana Maria Costa Diniz, o programa atende alunos dos três anos do ensino médio e já obteve bons resultados. “Vários alunos já passaram no vestibular desde que o programa começou. Hoje a primeira turma que fez o Aprofundamento está formando nas faculdades”, explica Ana Maria.

Mais do que garantir a aprovação nos exames de seleção, o Aprofundamento de Estudos também serve de reforço para os conteúdos aprendidos. “Antes nos fazíamos o Aprofundamento só no 3º ano, como um cursinho pré-vestibular, mas hoje nós trabalhamos em todo o ensino médio. Para os alunos de 1º e 2º ano, o programa serve como aula de reforço”, completa a diretora.

Ag. Minas

Vereador Roberto Gontijo diz que poderá ser candidato a Prefeito

A maior parte da população de Bom Despacho vive atualmente a expectativa de saber quem serão os candidatos a prefeito em 2012. Nos bastidores da política local já começam surgir nomes que poderão concorrer ao pleito do próximo ano. Especulações estão dando como certos mais de 2 candidatos na disputa.

Um deles poderá ser o vereador Carlos Roberto Gontijo (PMDB), ex-presidente da Câmara Municipal. O parlamentar está no seu sétimo mandato no legislativo local, e garantiu em conversa com o jornal Fique Sabendo, que cogita a possibilidade de tentar a cadeira do Executivo.

Tudo indica que o vereador Carlos Roberto Gontijo terá outro vereador como vice na sua chapa. “Estou vivendo esta possibilidade de ser candidato a prefeito”, diz o parlamentar em conversa com o jornal Fique Sabendo.

Além de Carlos Roberto Gontijo para prefeito, outros nomes estão sendo especulados como do presidente do PSDB de Bom Despacho Vital Guimarães, o vereador Fernando Cabral, o ex-vice-prefeito Dr. Marco Túlio Quirino e o empresário Zé do Nô.

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Colégio Tiradentes reinaugura sua quadra da frente

A diretoria do Colégio Tiradentes não está medindo esforços para continuar desenvolvendo um trabalho diferenciado na escola. Recentemente, o colégio reinaugurou a sua quadra poliesportiva da frente, que agora conta com grades e uma nova pintura.

Dentro dos próximos dias, a Escola ganhará mais recursos para continuar com a reforma. De acordo com a diretora Maria Aparecida Santos, haverá a segunda licitação para a construção de novas salas, que irá compor a secretaria administrativa e a coordenação pedagógica, e mais espaço para oferecer às séries iniciais, que são do primeiro ao quinto ano.

Na primeira licitação foram reformados os banheiros, o laboratório, a fachada da frente do colégio e mais a construção da quadra coberta. Para a segunda, existe o projeto para as reformas do refeitório, 3 banheiros para professores e da arquibancada da quadra coberta.

O Colégio Tiradentes de Bom Despacho é apontado como um dos melhores da rede de ensino público da região. Em 2010, obteve o segundo lugar no Índice de Desenvolvimento de Educação Básica e o primeiro lugar do ENEM da quadragésima quintaregião da Superintendência Regional de Ensino.

Novo diretor Administrativo

O Tenente-Coronel Wagner Sant’ana, comandante do Sétimo Batalhão da Polícia Militar de Minas Gerais, é o novo diretor administrativo do Colégio Tiradentes de Bom Despacho. Esta é a primeira vez que o oficial assumirá o cargo.

Governador Antonio Anastasia participa de abertura da feira de calçados de Nova Serrana

O governador Antonio Anastasia participou, nesta terça-feira (15/02), em Nova Serrana (Centro-Oeste), da abertura da 8ª Nova Serrana Feira e Moda, um dos principais eventos calçadistas do Estado. Durante a solenidade, o governador destacou a importância do setor calçadista para o crescimento da economia mineiro e para a geração de empregos no Estado.

“Somos testemunhas de que Nova Serrana é a cidade que mais cresce em Minas e cresce exatamente em razão do polo calçadista. Estou extremamente satisfeito com essa visita e muito honrado em ser o primeiro governador de Minas a abrir oficialmente essa feira, que é um evento muito importante porque demonstra a capacidade empreendedora dos empresários de Nova Serrana e da região. Percebemos que Minas tem, no polo calçadista, grande possibilidade de geração de empregos”, afirmou o governador.

Realizada pelo Sindicato Intermunicipal da Indústria do Calçado de Nova Serrana (Sindinova), com o apoio institucional do Governo de Minas, da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg) e do Sebrae-MG, a Nova Serrana Feira e Moda reúne lojistas e os principais fabricantes de calçados de Nova Serrana e região. Até 17 de fevereiro, serão expostas 250 marcas de produtos infantis, masculinos, femininos e esportivos em 170 estandes. A expectativa é de que sejam comercializados R$ 35 milhões, com média de público de 10 mil visitantes.

Incentivo ao setor

Durante a visita à feira, o governador ressaltou a importância da redução da alíquota do ICMS para o setor calçadista, que possibilitou maior competitividade ao setor. No ano passado, o Governo de Minas reduziu o ICMS de 12% para 3% sobre o faturamento mensal das indústrias calçadistas.

“Tínhamos a necessidade dessa redução do ICMS para dar mais competitividade ao produto mineiro, tanto no mercado interno quanto também no mercado internacional. Foi uma redução que era reivindicada pelas lideranças já há muito tempo e veio para colocar Minas nessa ponta de vanguarda”, disse Antonio Anastasia.

A nova alíquota passou a vigorar a partir de 1º de outubro do ano passado, oferecendo condições de igualdade à indústria mineira em relação aos concorrentes instalados em outros estados, contemplados com benefícios fiscais.

O Polo Calçadista de Nova Serrana conta com 850 empresas que, em 2010, produziram e comercializaram 110 milhões de pares de calçados – aumento de 22% em relação a 2009. A expectativa para este ano é o aumento de 15% da produção e venda. No ano passado foram gerados 22 mil empregos diretos e 19 mil indiretos.

Homenagem

Em razão do apoio ao setor calçadista, o governador recebeu do presidente do Sindinova, Ramon Alves Amaral, a homenagem “Promotor do Desenvolvimento do Polo Calçadista em 2010”.
Nova Serrana é a cidade-polo do Arranjo Produtivo Local (APL) calçadista que abrange 12 municípios do Centro-Oeste. Juntos, eles reúnem 800 empresas responsáveis por 47% dos empregos gerados no setor calçadista no Estado. O APL de Nova Serrana gera mais de 32 mil postos de trabalho diretos no Estado, além de outros 30 mil empregos indiretos. Também fazem parte deste APL, os municípios de Perdigão, Araújos, São Gonçalo do Pará, Bom Despacho, Conceição do Pará, Divinópolis, Igaratinga, Leandro Ferreira, Onça do Pitangui, Pará de Minas, Pitangui.

“É um orgulho muito grande para Nova Serrana sediar um evento desta importância e magnitude. Nosso orgulho este ano é especial e ainda maior porque, pela primeira vez, um governador do Estado participa da abertura da feira, o que demonstra seu compromisso e reconhecimento com o setor calçadista”, afirmou o prefeito de Nova Serrana, Paulo César de Freitas.

Nova unidade do Sine

Durante a abertura da 8ª Nova Serrana Feira e Moda, o governador Antonio Anastasia e o secretário de Estado de Trabalho e Emprego, Carlos Pimenta, inauguraram simbolicamente a unidade de atendimento ao trabalhador do Sistema Nacional de Emprego (Sine) de Nova Serrana. Eles descerraram uma placa em homenagem ao governador Antonio Anastasia, que será fixada na sede do Sine de Nova Serrana.

A unidade vai funcionar no Centro Administrativo de Prefeitura de Nova Serrana e será a 119ª unidade do Sine em Minas. Com capacidade para 150 atendimentos por dia, a unidade oferecerá serviços de emissão de carteira de trabalho, alistamento militar, seguro desemprego, banco e cadastro de empregos, além de cursos de capacitação através do fundo de amparo do trabalhador.
O número de trabalhadores colocados pelos postos do Sine em todo o Estado cresceu 7,66% de 2009 para 2010, chegando a 101.683. No ano anterior, foram 94.425 trabalhadores empregados.

fonte: Ag. Minas

Executivo pede cassação do Vereador Fernando Cabral

O executivo de Bom Despacho, comandado pelo prefeito Haroldo Queiroz (PDT), entrou com um pedido de cassação do vereador Fernando Cabral (PPS), por falta de decoro parlamentar. A denúncia foi apresentada ontem via documento à Mesa Diretora da Câmara Municipal.

Segundo o presidente vereador Marcos Fidelis, duas comissões ficaram encarregadas de avaliar o caso."Para que não seja tomada nenhuma decisão precoce do assunto" disse o parlamentar em conversa com o Jornal Fique Sabendo.

Junto ao documento enviado a Câmara Municipal, foram anexadas várias cópias de um jornal local, que contém acusações do vereador Fernando Cabral ao Executivo de Bom Despacho.

O documento foi assinado pelos secretários José Eustáquio Dornellas Penido do Meio Ambiente, Oranício Menezes de Administração, Conceição Maria de Sousa (Zica) Finanças, Acir Parreiras Júnor Assessor Executivo e o Prefeito Haroldo Queiroz.

sábado, 12 de fevereiro de 2011

Comitê do Centenário define comissões, lança blog e abre espaço para projetos da comunidade

O Comitê do Centenário reuniu-se esta manhã na sede do Lions para, entre outros, definir os membros das comissões de captação de recursos, comunicação, produção e fiscalização. Além disso, as secretarias de cultura e comunicação da prefeitura apresentaram o modelo do blog do centenário e suas funcionalidades que, dentro de 90 dias, deverá ser transformado em site.

A grande novidade foi a aprovação unânime dos membros do Comitê da proposta de participação da população com projetos referentes ao centenário o que poderá ser feito a partir da próxima semana diretamente no blog do Comitê – www.centenariodebomdespacho.spaceblog.com.br. As propostas poderão ser enviadas até o próximo dia 31 de março e, para serem aprovadas e encampadas, deverão passar pela avaliação dos presidentes setoriais que irão avaliar a execução dos mesmos sob a ótica de seu objetivo, impacto financeiro e público alcançado, dentre outros critérios.

Foi também anunciado a intensificação da publicidade em torno do centenário o que, num primeiro momento, será realizada em parceria com a Auto Omnibus Circullare que cedeu dois ônibus para a colocação de propaganda (back bus). A Secretaria de Educação, por sua vez, foi instada a estimular os alunos a trabalharem com o tema. Já a Secretaria de Cultura irá fazer uma doação inicial de 100 camisetas alusivas ao centenário de Bom Despacho cuja venda será revertida para outras ações de divulgação.

Até o momento já estão definidos os seguintes projetos, alguns apoiados diretamente pela Administração Municipal, para este e para o próximo ano. Dentre estes destacam-se a Revista/Agenda do Centenário com a totalidade dos projetos que serão colocados em prática ao longo de 2012 e que irá circular a partir de novembro/2011; a Comenda do Centenário; a escolha do Hino Oficial de Bom Despacho; o Livro de Ouro do Centenário que irá contar toda a história do município através de uma ampla pesquisa feita por empresa especialmente contratada para este fim e também o Foto Painel que irá reproduzir em grandes proporções fotos históricas do município em locais de grande acesso de pessoas, tais como bancos, shoppings e outros .

A próxima reunião, onde novos projetos serão apresentados, está marcada para o dia 10 de março, quinta-feira, às 9h, na sede do Lions.

Domingos Sávio e Romário firmam parceria

Romário afirmou em seu primeiro discurso que trabalhará em defesa do esporte e deficientes físicos. Deputado Domingos Sávio firmou com o ex-jogador compromisso de parceria.


Em seu primeiro discurso no plenário da Câmara dos Deputados realizado nesta quinta-feira, dia 10, o ex-jogador Romário, eleito deputado federal pelo PSB do Rio de Janeiro, assumiu publicamente o seu compromisso de trabalhar em defesa do esporte e dos portadores de deficiência. Aplaudido pela maioria dos parlamentares, Romário recebeu o apoio do deputado mineiro Domingos Sávio (PSDB), com quem firmou um compromisso de parceria na causa.


“Fiz questão de cumprimentar o Romário pelo seu importante pronunciamento, e de assumir com ele um compromisso de trabalho conjunto em prol dos portadores de necessidades especiais, que realmente precisam de políticas públicas mais efetivas”, afirmou Domingos Sávio.

Romário foi eleito com mais de 146 mil votos nas últimas eleições para o seu primeiro mandato.

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Bom Despacho terá o melhor Carnaval da região', diz Prefeitura


O Carnaval de Bom Despacho já foi considerado como um dos melhores de Minas Gerais, mas nos últimos dois anos, perdeu este status para outros que são realizados em algumas cidades vizinhas.

Para este ano, a Prefeitura Municipal de Bom Despacho promete fazer um Carnaval diferenciado. Segundo a Assessoria de Comunicação, haverá vendas de ababadás para pista e área vip, que terá direito há uma área coberta com capacidade para comportar cerca de 5 mil pessoas.

As bandas que irão animar as noites são Queirubim, Papanalingua, Chocolate e Batukerê. Estão sendo aguarda milhares de pessoas para esta realização, de acordo com os organizadores.

Os shows acontecerão no trio elétrico que ficará localizado na Praça de Eventos, na Praça da Estação.

Inscrições para JEMG e JIMI 2011 terão início na próxima semana


As inscrições para o ‘Programa Minas Olímpica Jogos Escolares de Minas Gerais’ (Jemg/2011) terão início no próximo dia 15 de fevereiro. As inscrições, que se encerram em 16 de março, devem ser feitas através do site www.jemg.mg.gov.br, em “Área Restrita”. O Regulamento-Geral/2011 também está disponível no mesmo endereço eletrônico. A competição acontece em três etapas: Microrregional (01/04/2011 a 05/06/2011), Regional (27/06/2011 a 02/07/2011) e Estadual (08/08/2011 a 13/08/2011).


Os Jogos Escolares de Minas Gerais reúnem estudantes de escolas públicas e particulares com idades entre 12 e 17 anos, integrando equipes de escolas das diferentes redes de ensino, com o objetivo de aprimorar e ampliar a prática esportiva educacional. A competição é realizada em parceria com a Secretaria de Estado de Educação (SEE). Em 2010, participaram 184.050 mil alunos-atletas de 4.700 escolas inscritas, de 667 municípios (78% das cidades mineiras).

fonte:AG. Minas

Furto em residência no Bairro São José

Por volta de 18h30 da tarde da última quarta-feira, 9, a PM compareceu a Rua Deputado Ribeiro Pena no bairro São José, após ter recebido denúncia de furto numa residência.

Segundo o BO, o proprietário se ausentou as 13h30, quando retornou as 18h, notou que pessoas não identificadas arrombaram a porta da cozinha sua casa, e levaram dois revólveres, talões de cheque, e jóias com valor aproximado em R$ 30 mil, além de um cartão de crédito.

A perícia foi acionada para realizar os trabalhos de investigação. O proprietário, de acordo com BO, não tem suspeita de quem possa ter cometido o furto.

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Atestado de Antecedentes retirado pela internet é opção para empresas

Com o aquecimento da economia, a oferta de vagas no mercado de trabalho tem aumentado, com as empresas requisitando um grande número de profissionais, todos os dias. Só no ano de 2010, mais de 643 mil pessoas foram contratadas com carteira assinada na capital, dos quais 79.519 foram novos postos.

Em todo o Estado, de acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregrados (Caged) do Ministério do Trabalho e Emprego, foram criados, no ano passado, 296.230 novos empregos formais, o que representou um crescimento de 226,9%, em relação ao número de postos de trabalho gerados em 2009. O maior volume de empregos foi criado no setor de serviços com 116.958 postos, seguidos pela indústria de transformação com 63.997 e o comércio com 63.871 novas vagas.

Com isso, a procura por documentos como atestado de antecedentes criminais, requisitado pelas empresas na hora da contratação dos novos funcionários, aumentou consideravelmente. Para facilitar para empreendedores e candidatos a emprego, o Governo de Minas, por meio do projeto estruturador Descomplicar, viabilizou o acesso a esse ao documento por meio da internet, bastando informar o número da carteira de identidade, nome e data de nascimento do interessado. Esse serviço está disponível também nos totens instalados nas 22 Unidades de Atendimento Integrado (UAIs).

Em 2010, foram emitidos 240.093 atestados de antecedentes nos guichês de todas as UAIs e 244.747 nos totens de autoatendimento, num total de 483.347 atestados. Apenas na UAI da Praça 7, foram emitidos, no ano passado, 93.580 atestados nos guichês e 170.154 através dos totens da unidade. O atestado de antecedentes é também solicitado ao cidadão que deseja prestar concursos públicos ou mesmo visitar presídios.

Entretanto, muitas empresas da capital e do interior de Minas Gerais, têm recusado os atestados emitidos pelos terminais de autoatendimento das UAIs, por desconfiarem da legitimidade do documento. Esse temor é totalmente infundado já que o documento é legítimo e legal. Os empresários também têm a facilidade de emitirem o atestado através da internet, no endereço www.policiacivil.mg.gov.br/atestado ou www.mg.gov.br, sem precisar solicitá-lo ao candidato ao emprego.

Esse atestado é autêntico, possui o logotipo da Polícia Civil, a nomenclatura do Instituto de Identificação, os dados pessoais do solicitante, informações sobre sua situação jurídica e criminal, local, data e chancela com assinatura, nome e cargo do diretor do órgão. Além disso, possui um número de controle para verificação de autenticidade, podendo o interessado digitar esse número e acessar o mesmo atestado de antecedentes impresso. A única diferença entre o documento obtido nos guichês de atendimento e o emitido nos totens é o formato, de tamanho menor e a cor amarela do papel, que tem padrão típico dos comprovantes de terminais bancários.

A diretora de Gestão das UAIs, Fernanda Girão, afirma que, em função do aumento da oferta de empregos na Região Metropolitana de Belo Horizonte, muitos candidatos têm procurado os guichês das Unidades de Atendimento Integrado em busca do documento, aumentando o tempo de espera, uma vez que concorrem com a oferta de outros serviços disponíveis nas unidades.

Segundo ela, outro motivo de aumento da procura nas unidades, ocorre porque empresas da capital e do interior de Minas Gerais têm recusado os atestados emitidos pelos terminais de autoatendimento. Com isso, as pessoas lotam as unidades, gastando tempo e dinheiro com transporte para usar um serviço que pode ser obtido pela Internet, sem sair de casa. Optando pelos totens de autoatendimento ou internet, o cidadão não precisa de senha de atendimento, reduzindo bastante o tempo. Fernanda Girão ressalta que as pessoas também podem usar os computadores dos Telecentros das UAIs para emitirem o documento sem nenhum custo, podendo inclusive contar com a ajuda de instrutores no caso de alguma dificuldade.

Já a diretora do Instituto de Identificação da Polícia Civil de Minas Gerais, delegada Letícia Alessi, o atestado de antecedentes criminais, diferentemente da carteira de identidade, não tem um formato físico definido por lei, podendo apresentar variações na sua forma e maneira de expressar o seu conteúdo, em cada estado brasileiro. Ela destaca que o temor dos empresários em relação ao documento não tem o menor fundamento já que o destinatário do atestado de antecedentes, na maioria das vezes a empresa empregadora, de posse dos dados do candidato ao trabalho, pode, ela mesma, buscar as informações de que necessita diretamente na internet (www.policiacivil.mg.gov.br), dissipando qualquer dúvida que surgir.

Fonte: Ag. Minas

Caio Melo, um Campeão Brasileiro a procura de apoio


O ciclista Caio Melo, natural de Bom Despacho, é o atual campeão do Ranking Brasileiro de Montain Bike categoria Sub 30. O bom-despachense está preparando para participar das principais competições de ciclismo em 2011. Para isso, o atleta espera contar com mais apoio de empresas e do poder público.

Segundo Caio, a sua bicicletaria é quem financia a maior parte de suas participações nos campeonatos. Entre as mais importantes estão o Campeonato Brasileiro, Campeonato Mineiro, Iron Bike e Copa Internacional.

Caio Melo espera contar com mais apoio, para quem sabe, seguir entre os melhores atletas do Montain Bike do Brasil. Em 2010, o ciclista recebeu da Câmara Municipal uma Moção de Aplauso em reconhecimento ao seu esforço como atleta.

De acordo com ele, alguns de seus amigos estão procurando apoio de Nova Serrana, pois até o momento ninguém de Bom Despacho teve o interesse de ser seu parceiro nas disputas que irá fazer este ano. “Pretendo continuar disputando as principais competições de Montain Bike em 2011”, diz.

Caio Melo é microempresário em Bom Despacho e é um dos organizadores do Desafio Maratona de Bom Despacho APAE em Foco. Desde os 23 anos participa de competições de ciclismo. O título de Campeão Brasileiro é da Confederação Brasileira de Mountain Bike.

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

POLICIAIS MILITARES DA 50ª CIA PM EVITAM ARROMBAMENTO A AGENCIA BANCÁRIA EM BOM DESPACHO



Em Bom Despacho, centro oeste mineiro, nesta data, 08/02/2011, por volta de 05:40 horas, os Militares durante radiopatrulhamento, ao passarem pela Praça da MATRIZ, ouviram um som de alarme, quando perceberam que no Banco ITAÚ havia uma lona preta fixada no vidro, tampando toda a frente do referido banco. Ao parar a viatura para averiguar, os militares constataram a presença de duas pessoas no interior da agência bancária, sendo mandado que os mesmos colocassem as mãos sobre a cabeça, tendo um deles falado: "TÁ LÁ FORA É POLÍCIA", retornando para próximo do outro indivíduo. Imediatamente o militar deslocou-se até a viatura para pedir apoio, sendo ouvido um barulho de vidro quebrando, tendo um dos envolvidos quebrado um vidro da janela dos fundos da agência e evadido, momento em que foi constatado que os indivíduos estavam arrombando o caixa eletrônico no interior da agência, sendo o autor A.M.A.J. preso em flagrante delito, ainda dentro da agência, tentando sair pela janela que foi quebrada.

O outro autor evadiu em um veículo VW/FOX, cor preta, placa AOM-9259/PR, seguindo sentido ao 7º BPM. Na sentinela do 7º BPM, o militar, ao avistar o veículo, que vinha em alta velocidade, deslocou para o meio da Rua OLEGÁRIO MACIEL, na tentativa de abordar o veículo, tendo este, ao avistar o militar, adentrado em alta velocidade para o interior da VILA MILITAR, subindo no canteiro da Praça CAPITÃO MAURÍCIO, estourando o pneu dianteiro direito, quebrando uma lixeira próxima à sentinela, seguindo em frente, aonde veio a parar e abandonar o veículo na via, em frente à cantina do 7º BPM, descendo rapidamente e saltando sobre o muro, próximo à piscina, embrenhando-se na mata ali existente.

De imediato, foi acionado o plano de chamada, sendo cercado todo o perímetro e feito uma varredura no interior da mata, onde foi localizada uma blusa de frio listrada, cor palha, e um aparelho celular, cor preta, marca NOKIA. Foi acionado o canil do 23º BPM/DIVINÓPOLIS, onde compareceu uma viatura PM composta de 03 (três) militares e 01 (um) cão.

Durante busca/varredura, foi localizado escondido o autor J.S.S., no meio da mata, sendo também preso em flagrante delito. Foram apreendidos: 02 aparelhos de GPS, 01 carregador de GPS, 01 chave de fenda, 01 lanterna, 02 blusas de frio, 01 mala de viagem, 01 marreta, 01 pé de cabra, 01 conjunto PPU de maçarico com 02 cilindros, 02 aparelhos celulares, documentos pessoais do autor J., 03 pedaços de lona preta, 01 rolo de fita adesiva, 01 veículo VW/FOX, dentre outros materiais. O autor J.S.S. foi conduzido ao PAM, onde foi atendido pelo médico plantonista, não sendo constatada nenhuma lesão. Os autores foram conduzidos à presença da autoridade de Polícia Judiciária, a qual ratificou a prisão em flagrante dos mesmos.

Em diálogo com o autor A., este relatou que havia mais 02 (dois) envolvidos, sendo um de nome T., 18 anos, moreno claro, alto, trajava calça jeans, blusa azul e tênis, sendo condutor de um veículo FORD/FIESTA, cor preta ou azul escuro, e 01 (uma) mulher morena, baixa, cabelos encaracolados, trajava calça jeans e blusa branca, onde A. tinha registrado em seu celular o nº de chamada (45) 9923 1823 com o nome “TICI”. Realizado rastreamento os outros autores, até o momento, não foram localizados.


Assessoria de Comunicação Organizacional – 7º BPM

Começam hoje os cursos do IFET/MG em Bom Despacho

Com a presença do prefeito Haroldo Queiroz, dos Secretários de Educação, Vera Lúcia Cardoso Couto, de Planejamento, Projetos e Meio Ambiente Eustáquio Dornellas Penido, de Assuntos Institucionais, Acir Parreiras, de Comunicação Organizacional, Nils Peter, dos vereadores Marcos Fidélis – principal articulador da instalação dos cursos no município - e Marcelo Marilúcio, além do diretor do IFMG de Bambuí, Vinicius Encarnação, foi proferida ontem (07/02/11), no Clube Social, a aula inaugural dos cursos do IFMG em Bom Despacho.

Bom Despacho foi contemplado inicialmente com os cursos de Técnico de Gerência em Saúde e de Técnico em Meio Ambiente. Ambos os cursos – com 40 vagas cada – são noturnos e terão como sede provisória a E. M Coronel Praxedes. A duração é de um ano e meio. Na solenidade o prefeito Haroldo Queiroz fez questão de abordar a instalação da Unipac e da Universidade Aberta do Brasil como marcos da sua administração no município. “Geralmente as pessoas me associam a obras, mas, na verdade, acho que a minha maior contribuição será na área educacional”, disse o prefeito acrescentando que irá manter gestões junto às autoridades federais a fim de que o IFMG Bambuí venha a ofertar também cursos de nível superior. A instalação dos cursos em Bom Despacho é uma parceria entre a prefeitura que arca com o pagamento dos professores, instalações e equipamentos e o IFMG.

O instituto foi apontado recentemente como o terceiro mais bem qualificado pelo MEC em todo o país. Os 80 alunos iniciam hoje, as 18h30, a sua primeira aula.

Fonte: Assessoria de Imprensa de Prefeitura de Bom Despacho

Bate Boca na primeira reunião do ano na Câmara Municipal

Q
- Vereador Fernando Cabral

- Vereador Marcelão

Quem imaginava que a primeira reunião da Câmara Municipal seria tranquila se enganou, isso porque alguns vereadores acabaram batendo boca no plenário. Gritos de covarde, 'você não é homem', foram ouvidos por quem acompanhava a discussão.

Tudo começou quando o vereador Pedro Paulo (PP) criticou uma reportagem que circulou em um jornal local, falando que sua pessoa não teve interesse de assinar o relatório sobre o plantio das mudas em torno da Avenida Dr. Roberto.

Diante disso, os vereador Ricardo Alvarenga (PSDB) explicou no plenário como foi abordado o relatório do plantio das mudas. Já o vereador Fernando Cabral (PPS) se exaltou chamando os edis Marcelão e Pedro Paulo de covardes e apontou o dedo na cara deles.

No entanto o Vereador Marcelão respondeu ao mesmo, dizendo que ele 'não é nenhum deus e nem sequer dono da verdade. O parlamentar também apontou o dedo para o vereador Fernando, afirmado que ele 'tem que respeitar os outros, para ser respeitado'.

A reunião de ontem durou mais de duas horas. Alguns cidadãos acompanharam a sessão.

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Hoje tem primeira reunião de 2011 na Câmara Municipal

- Vereador Marcos Fidelis

Hoje a partir das 19 horas, acontece a primeira reunião na Câmara Municipal. Tudo indica que a sessão deverá ser tranquila, pois como é a pioneira de 2011, os debates entres os vereadores devem ser menos tensos.

Como estão voltanto de férias, a maioria dos vereadores deverá apenas assistir a sessão, como ocorre todos os anos. "Mesmo assim, esperamos vários cidadãos no plenário", diz o vereador presidente da casa Marcos Fidelis (PR).

Cresce o número de empresas constituídas em Minas Gerais em 2010

Aumento contabilizado pela Jucemg foi de 6,58%, sendo que o maior número de empresas abertas foi registrado em Belo Horizonte


Minas Gerais registrou, no ano passado, um crescimento de 6,58% no número de empresas abertas em todo o Estado. De acordo com dados da Junta Comercial do Estado de Minas Gerais (Jucemg), foram constituídas em 2010 58.377 novos empreendimentos. Esse número não inclui os microempreendedores individuais, que deixaram de ser registrados pelas juntas comerciais no ano passado.


Em 2009, foram constituídos 54.772 novos empreendimentos, além de 10.163 empreendedores individuais que entre julho de 2009 e fevereiro de 2010 eram registrados nas juntas comerciais. A partir de fevereiro de 2010, esses registros passaram a ser feitos diretamente no portal do empreendedor Individual (www.portaldoempreendedor.gov.br), com remessa posterior ao Registro Mercantil. Entre as vantagens oferecidas por essa lei está o registro no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ), o que facilitará a abertura de conta bancária, o pedido de empréstimos e a emissão de notas fiscais.

Empresas por região

O maior número de novos negócios foi registrado em Belo Horizonte, município que recebeu no ano passado 21.646 empresas. Em Juiz de Fora foram abertos 3.502 empreendimentos, seguido por Uberlândia com 3.352, Varginha com 3.291 e Montes Claros, com 3.188. Em dezembro último, foram constituídas pela Jucemg 4.598 empresas. Destas, 1.967 do setor de comércio, 440 da indústria e 2.191, dos serviços.

O prazo médio de abertura de empresas no Estado, em 2010, foi de nove dias. Para a secretária-geral da Junta Comercial, Marinely Bomfim, esses resultados foram alcançados graças à consolidação do Minas Fácil em todo o Estado. O programa, lançado em 2005, faz parte do projeto estruturador Descomplicar e foi criado para simplificar, racionalizar e desonerar o processo de registro e legalização de um empreendimento.

“Outros fatores que contribuíram para isso foram, entre eles, o aperfeiçoamento dos sistemas Módulo Integrador, Consulta de Viabilidade e do Sistema de Registro Mercantil, da implantação do sistema de pagamento pela internet (DAE online) e da emissão do DAE consolidado (para pagamento de todas as taxas de abertura de empresas em um único: Fazenda estadual, meio ambiente, vigilância sanitária e bombeiros)”, completou a secretária-geral da Jucemg.

fonte: Ag. Minas

sábado, 5 de fevereiro de 2011

Show de Fernando e Sorocaba promete ter 'Casa Cheia'


O Show de Fernando e Sorocaba está sendo aguardado desde novembro do ano passado, quando a empresa do triângulo mineiro Abadá Promoções anunciou a realização do evento. A interdição do Parque de Exposições impossibilitou a sua apresentação, mas desta vez, tudo leva a crer que o local terá casa cheia.

Durante esta semana, por exemplo, o blog do Jornal Fique Sabendo, parceiro do evento, recebeu mais de 800 acessos. As postagens que tiveram mais visualizações foram relacionada ao show da dupla.

Fernando e Sorocaba é atualmente um das melhores duplas sertanejas do Brasil. Os sucessos mais tocados são De São Paulo a Madri, Delegada, Bala de Prata, além de outras músicas de aceitação nacional.

Para este show está montada uma super estrutura. A reportagem do Jornal Fique Sabendo soube que a produção da dupla pode coloca uma bola com os cantores dentro, sendo levados pelos fãs, algo que já aconteceu com eles em Divinópolis.

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Mulheres são maioria entre jovens fora da escola e do mercado de trabalho

Cerca de 3,4 milhões de jovens brasileiros entre 18 e 24 anos não estudam e nem trabalham, número que representa 15% dessa faixa etária. Um estudo do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) mostra que as mulheres são mais afetadas por esse problema, muitas vezes em função da maternidade e do casamento.



Do total de jovens fora da escola e do mercado de trabalho, 1,2 milhão concluiu o ensino médio, mas não seguiu para o ensino superior e não está empregado. A proporção de jovens nessa situação aumentou de 2001 a 2008, segundo o Inep, e quase 75% são mulheres. Uma em cada quatro jovens nessa situação tinha filhos e quase metade delas (43,5%) era casada em 2008.

Para Roberto Gonzales, do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), o estudo reflete que a desigualdade de gênero ainda persiste não apenas na diferença salarial, mas no próprio acesso ao mercado de trabalho. “Isso tem muito a ver com a divisão do trabalho familiar, seja doméstico ou de cuidados com o filho. É uma distribuição muito desigual e atinge em especial as mulheres, por isso você tem tantas meninas fora do mercado e da escola”, argumentou.

Entre as mulheres de 18 a 24 anos que estão na escola e/ou no mercado de trabalho, o percentual daquelas que têm filhos é cinco vezes menor. Segundo o estudo, os dados comprovam que “existe forte correlação entre casamento/maternidade e a saída, mesmo temporária, da escola e do mercado de trabalho observada para as mulheres”.

Uma vez que o processo de escolarização foi quebrado, o retorno aos estudos é bem mais difícil. Para Gonzales, esse afastamento do jovem do mercado de trabalho ou dos estudos pode não ser apenas uma situação “temporária”, como sugere o estudo. Um dos fatos que corroboram essa teoria é a queda da matrícula entre 2009 e 2010 nas turmas de Educação de Jovens e Adultos (EJA), segundo dados do último censo escolar.
Gonzales afirma ainda que as políticas públicas precisam ser mais flexíveis e acompanhar os “novos arranjos” da sociedade para garantir mais apoio a esse grupo de jovens mães. “As pessoas costumam ter uma ideia mais tradicional de educação em que os pais provêm o sustento para que o filho termine a escolaridade, depois ele segue para o ensino superior e entra no mercado de trabalho."

De acordo com o representante do Ipea, na realidade, esses eventos não se dão necessariamente nessa ordem. "Assim como temos muitos jovens casais, também temos famílias monoparentais chefiadas por mulheres com filho e isso, muitas vezes, abre espaço para outras trajetórias de vida”, explicou.

Uma das estratégias básicas para garantir que a jovem consiga prosseguir com seus estudos ou ingressar no mercado é a ampliação da oferta em creche. Atualmente, menos de 20% das crianças até 3 anos têm acesso a esse serviço no país. “Essa é uma das principais barreiras alegadas pelas mulheres inativas”, observou Gonzales.

fonte: Portal Eco.

Corpo de Bombeiros emite alvará que regulariza o Parque de Exposições


O Corpo de bombeiros emitiu alvará que regulariza o Parque de Exposições de Bom Despacho para a realização de eventos. Amanhã noite,5, haverá a apresentação de Fernando e Sorocaba, o show mais aguardado do ano.

Segundo os organizadores, está sendo montada um super estrutura para a realização do evento. Mais de 2 lotes de ingressos já foram vendidos. "Bom Despacho e região terão o prazer de participar desta produção", diz Sullivan Marcus, promoter responsável pelo evento.

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Brasileiro Bradesco é a sexta marca de banco mais valiosa do mundo

Bank of America ocupa a primeira posição do ranking “Brand Finance Global Banking 500 – 2011”


Por Sylvia de Sá, do Mundo do Marketing | 02/02/2011
sylvia@mundodomarketing.com.br

O Bank of America é a marca de banco mais valiosa do mundo. Segundo a nova edição do “Brand Finance Global Baking 500 – 2011”, a empresa ocupa a primeira colocação no ranking com o valor de US$ 30,6 bilhões. Em seguida, aparecem Wells Fargo (US$ 29 bilhões), HSBC (US$ 27,6 bilhões), Santander (US$ 26,2 bilhões), Chase (US$ 19,2 bilhões), Bradesco (US$ 18,7 bilhões), Barclays (US$ 17,4 bilhões), ICBC (US$ 17,2 bilhões), Citi (US$ 17,1 bilhões) e China Construction Bank (US$ 17 bilhões).

Comparado à listagem de 2010, o Bradesco saiu do nono para o sexto lugar, sendo a única marca dos países emergentes a ocupar pela primeira vez uma posição entre as seis mais valiosas de banco do mundo. Já o Barclays deixou a décima posição para ocupar a sétima, enquanto o Chase, que estava na oitava colocação, passou para a quinta. Ainda em relação ao levantamento anterior, o HSBC caiu duas posições e o Santander desceu uma.

O valor de mercado de todos os bancos listados em bolsa no mundo cresceu 13% em comparação a 2010, atingindo o total de US$ 6 trilhões. Já a soma das marcas subiu 30%, o que corresponde a um montante de US$ 851,4 bilhões. Com o resultado, o valor das marcas passa a representar 14% do valor total de mercado destes bancos. Em 2010, a proporção era de 12%. No Brasil, o valor de mercado dos bancos listados em bolsa cresceu 37%, atingindo US$ 244 bilhões. Por outro lado, o valor total de suas marcas cresceu 66%, totalizando US$ 46,9 bilhões.

Além do Bradesco, o ranking conta também com as brasileiras Itaú, na 11ª posição, (US$ 16,7 bilhões), Banco do Brasil (22ª, US$ 9,5 bilhões), Nossa Caixa (174ª, US$ 789 milhões), Banrisul (319ª, US$ 319 milhões), Banco do Nordeste (323ª, US$ 310 milhões), Panamericano (363ª, US$ 259 milhões), Redecard (462ª, US$ 186 milhões) e BicBanco (465ª, US$ 184 milhões). As três marcas brasileiras de maior valor (Bradesco, Itaú e Banco do Brasil) representam mais de 95% da soma total de bancos do país e apenas o Bradesco tem 39% do total.

Mortalidade infantil mantém queda em Minas Gerais


Em Minas Gerais a luta para redução da mortalidade infantil segue avançando. Números demonstram que a taxa de óbitos infantis em menores de um ano para cada mil nascidos vivos caiu de 17,55, em 2003, para 14,06 em 2009, o que representou uma redução de 19,9% do índice. A meta até 2023 é reduzir para 8 por mil nascidos vivos, atingindo um dígito, o que é considerado tolerável pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Houve também queda na Razão da Morte Materna (RMM), de 39,31 para 26,24, entre 2003 e 2010, uma diminuição de 33,25%.

Um dos fatores para se alcançar estes objetivos é o programa estruturador Viva Vida. A partir de sua implantação em 2003, o Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (SES), investiu R$ 129,5 milhões em aproximadamente 700 municípios mineiros. O recurso do Tesouro do Estado foi destinado para a estruturação, qualificação e mobilização social da Rede Viva Vida, voltada para redução da mortalidade infantil e materna.

Os investimentos estão garantindo a construção e custeio de materiais de 37 Centros Viva Vida em todas as regiões do Estado. As unidades oferecem serviços que abrangem consultas ginecológicas, exames de prevenção de câncer de mama e de colo uterino e atendimento especializado a gestantes e recém-nascidos de alto risco. “O Viva Vida realizou mais de dois milhões de mamografias e dobrou o número de UTIs neonatais, cobrindo uma população de mais de oito milhões de gestantes e crianças em todo o território mineiro”, explica o gestor do programa, Alisson Faria.

Do total, 23 centros já foram inaugurados nos municípios de Brasília de Minas, Itabirito, Santo Antônio do Monte, Janaúba, Capelinha, Frutal, Governador Valadares, Sete Lagoas, São Lourenço, Lavras, Taiobeiras, Januária, Juiz de Fora, São João del-Rei, Leopoldina, Santa Luzia, Patrocínio, Campo Belo, Jequitinhonha, Manhuaçu, Diamantina, Itabira e Viçosa. Outros quatro centros devem ser implantados em 2011, nos municípios de Teófilo Otoni, Ribeirão das Neves, Pirapora e Patos de Minas. A expansão do programa prevê atingir 51 Centros Viva Vida até 2014.

Método

O Governo de Minas é responsável pela implantação dos Centros Viva Vida, o financiamento das despesas a título de custeio destes centros e o monitoramento dos resultados e das ações que são realizadas nos municípios. Os servidores que trabalham nos centros são contratados pelas prefeituras municipais. Neste sentido, o Estado tem cumprido o seu papel e isso tem impacto até mesmo sobre o prêmio de produtividade que os servidores da SES recebem, incluindo aqueles que atuam no programa dentro da Secretaria.

O cálculo do valor a ser pago como Prêmio por Produtividade aplica a nota alcançada, em termos percentuais, e à remuneração mensal do servidor. Em 2009, a nota da SES foi 8,94. Com essa nota o prêmio referente para os servidores da área, pago em 2010, representou 90% do salário de um mês.

O pagamento é proporcional à nota recebida pelas equipes no cumprimento das metas fixadas no Acordo de Resultados, bem como proporcional aos dias trabalhados. Por exemplo, caso uma equipe obtenha uma avaliação de 80%, o servidor, que não teve nenhum tipo de afastamento do seu trabalho poderá receber, como prêmio, o valor relativo a 80% de duas remunerações somadas.

fonte: Ag. Minas

quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Dirigentes decidem fazer sede da Copa Alterosa em BD

Depois de haver especulações sobre a possibilidade de Bom Despacho ter ou não a sede da Copa Alterosa, ficou definido em reunião realizada ontem, 1, que os clubes da cidade irão disputar o torneio.

Os clubes de BD confirmados são Famorine, Operário, Cristalino, Lefer e Palmeiras da Garça para disputar a Copa Alterosa, além de Esplanada, terceiro colocado da última edição do torneio e Associação, atual campeão. Este dois times entram na segunda fase da competição.

- Associação Campeão da Copa Alterosa de 2010.


Apesar da confirmação da participação deste clubes, o início do Campeonato Municipal será dia 20 de fevereiro, disputado por 8 equipes. Os jogos serão realizados em turno único.

Papo de Bola: um programa da TV Alterosa dedicado aos clubes do centro-oeste

O Campeonato Mineiro deste ano tem uma novidade fora dos campos. Na próxima segunda-feira, estreia na TV Alterosa o Papo de Bola, um programa dedicado aos clubes do centro-oeste que disputam os módulos I e II da elite do futebol mineiro. De segunda a sexta, às 11h50, o Papo de Bola irá apresentar a cobertura dos jogos, resultados, preparativos para as partidas e, claro, um bate-papo com quem entende do assunto.


"Nossas equipes de jornalismo irão acompanhar o dia-a-dia dos times da nossa região. Trata-se de um espaço importantíssimo para o esporte do Centro-Oeste de Minas, que só mesmo a TV Alterosa é capaz de oferecer. É por isso que a Alterosa é a TV que o mineiro vê", destaca o jornalista Evandro Araújo, que irá apresentar o programa. "Além de reportagens sobre os jogos e a preparação dos times para as partidas, receberemos diariamente convidados especiais. E depois da cobertura regional, os telespectadores ainda terão o melhor do esporte em Minas e no Brasil, com o Alterosa Esporte e a bancada democrática', conclui Evandro Araújo.


Kleyton Santos
Aux. Adm. - Comunicação
TV Alterosa - Divinópolis
Diários Associados
Tel.: (37) 3229.8933 / 8801.8630

terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Classe C lidera consumo de produtos e serviços para manutenção do lar

Por Juliana Castro, do Mundo do Marketing | 31/01/2011
pauta@mundodomarketing.com.br

A Classe C é líder no consumo de produtos e serviços para a manutenção do lar, como aponta uma pesquisa realizada pelo Data Popular. Os dados mostram que estes consumidores se destacaram no último ano, representando 43% das operações realizadas no país, o equivalente a R$ 242 bilhões. Já as Classes A e B juntas gastaram juntas R$ 343 bilhões, sendo 38,7% do consumo do país.

Os números também surpreendem se comparados a 2002, quando a Classe C consumia 11 vezes menos. Os gastos registrados há oito anos representavam o montante de R$ 21,7 bilhões. Naquele ano, as classes altas detinham 56% do consumo nacional e a classe média 26,9%.

DER/MG avalia eficácia de radares nas rodovias estaduais


O Departamento de Estradas de Rodagem do Estado de Minas Gerais (DER/MG) está realizando estudo de eficácia de 92 radares instalados nas rodovias estaduais. O trabalho teve início em dezembro e deverá ser finalizado no final deste mês.

Por meio do estudo, o DER/MG vai avaliar o volume de tráfego em cada ponto, o posicionamento do equipamento, a visibilidade e a eficácia com relação à redução do número de acidentes e da severidade dos casos. O gerente de operação de trânsito do DER/MG e coordenador do estudo de eficácia, Ivan Godoi, ressalta que o trabalho é uma obrigação legal e oferece um direcionamento para a implantação dos equipamentos. “Pode ser necessário o reposicionamento do radar, alteração na velocidade permitida e até mesmo a transferência do equipamento de um ponto para outro. O estudo vai nos mostrar tudo isso”, conta.

Os radares avaliados foram instalados no início de 2010, por meio do Programa de Aumento da Capacidade de Segurança dos Corredores de Transporte (Proseg), com foco na segurança viária. “Os radares são utilizados com o intuito de preservar a vida, não só do motorista, mas também de ciclistas, pedestres, enfim, todos que passam pelas vias”, relata Godoi. Ele comenta, ainda, que, em geral, as estatísticas apontam não só para a redução de acidentes, como também para a redução da gravidade dos casos. “Quando um dispositivo de redução de velocidade é instalado, é quase que inevitável que haja queda no número de acidentes e na severidade”, afirma.

Novos Radares

O estudo de eficácia é parte das ações do Proseg, coordenado pela Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas (Setop). O programa, além dos 92 radares, instalou recentemente outros três equipamentos na região de Itabira, totalizando 95 equipamentos de monitoramento do excesso de velocidade nas rodovias estaduais, dos quais 39 são lombadas eletrônicas que foram implantadas em trechos urbanos, visando aumentar a segurança nas travessias dos pedestres.

Os três novos radares implantados na região de Itabira começaram a autuar a partir da zero hora do dia 30 de janeiro (domingo). Eles estão localizados na MG-129 (km 32,50 e 29,40) e na MGC-120 (km 451,70), sujeitando os infratores ao Código de Trânsito Brasileiro. Desde dezembro de 2010 os três equipamentos estavam instalados, funcionando em caráter educativo e devidamente aferidos pelo Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro).

fonte: Ag. Minas