Semana Santa teve queda de 28,5% de mortes por acidentes nas estradas mineiras

Durante os quatro dias do feriado da Semana Santa (21 a 24 de abril) de 2011, houve queda de 28,5% no número de vítimas fatais em decorrência de acidentes registrados nas estradas estaduais de Minas Gerais na comparação com os três dias do feriado do ano anterior. Vinte pessoas morreram nas estradas, sendo que em 2010 o número de vítimas fatais chegou a 28. O número de feridos aumentou 53,7%. Foram 366 vítimas em 2011, contra 238 no período equivalente do ano passado.


Ao todo, 48.983 veículos foram fiscalizados pela Polícia Militar Rodoviária, 31,2% a mais que no ano anterior, quando 37.314 carros foram abordados. As operações policiais resultaram na apreensão de 132 veículos, contra 104 do feriado de 2010, representando um aumento de 26,9%. O número de carros retidos subiu de 2.784 para 4.120 este ano, um acréscimo de 47,9%.

Houve aumento de 57,8% no índice de Carteiras Nacionais de Habilitação (CNH) recolhidas, passando para 232 documentos nos quatro dias do feriado, contra 147 na Semana Santa anterior. Um total de 308 Certificados de Registro e Licenciamento de Veículos (CRVL) foram recolhidos. Em 2010, o número ficou em 240.

Prisões e autuações

O número de motoristas inabilitados autuados mais que dobrou na comparação com o feriado do ano passado. Foram 541 casos de motoristas flagrados dirigindo sem carteira, contra 264 na Semana Santa de 2010. Oitenta pessoas foram presas devido à combinação álcool e volante, sendo que no ano passado ocorreram 30 prisões.

Foram realizados 344 testes de etilômetros em motoristas sob suspeita de consumo de bebidas alcoólicas, contra 74 no feriado prolongado de 2010. As abordagens resultaram em 5.358 autos de infração redigidos pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER/MG), sendo que no ano anterior o número foi de 3.855 autuações. Já a Polícia Rodoviária Federal emitiu 1.827 autos de infração nas estradas estaduais de Minas, contra 1.044 registradas em 2010.

A malha rodoviária estadual mineira soma 26.604 quilômetros. Já a malha rodoviária federal no Estado é de 8.957 quilômetros. Houve estabilidade no número de acidentes com vítimas fatais, com 18 ocorrências este ano, quantidade idêntica à do feriado do ano passado. Foram 194 acidentes com vítimas de ferimentos, contra 112 no ano anterior, o que equivale a um aumento de 73,2%. O número de acidentes sem vítimas teve aumento de 94,9 %, com registro de 191 casos este ano, contra 98 na Semana Santa de 2010. O total de acidentes, que em 2010 foi de 238 ocorrências, este ano subiu para 366, ou seja, aumentou 76,7%.

Causas

De acordo com a Polícia Militar, as principais causas dos acidentes foram a imprudência (desatenção ao volante, alta velocidade, ultrapassagem proibida, desobediência à sinalização, entre outros), com 268 ocorrências. Houve registro de 30 casos de acidentes decorrentes de embriaguez do condutor, 24 ocorrências de derrapagem, 32 acidentes provocados por animais na pista, 15 acidentes em decorrência de má visibilidade e seis relatos de motoristas que dormiram ao volante.

A Operação Semana Santa contou com a participação de um efetivo de 4.457 policiais militares, utilizando uma frota de 1.687 viaturas. Os trabalhos tiveram início às 18h da quarta-feira (20), e se estendeu até a meia-noite do domingo (24).

fonte: Ag. Minas

Comentários