sexta-feira, 25 de março de 2011

Sábado tem rodada da Copa Alterosa em Bom Despacho

Neste sábado acontece a segunda rodada da Copa Jornal Agora TV Alterosa em Bom Despacho. No estádio Antônio Leite de Oliveira, a partir das 15h30, jogam Famorine x Operário e logo depois, as 17h30, se enfrentam Cristalino x Lefer de Leandro Ferreira.

O Famorine terá os desfalques dos jogadores Marquinho e Bruninho, que foram expulsos na vitória de 6 a 1 sobre o Zacarias de Dores, na rodada de abertura da competição em Bom Despacho. Já o Operário deverá contar com força máxima, ao menos é o que espera da equipe, que folga neste final de semana no Campeonato Municipal.

No outro jogo, também preocupado com a Copa Alterosa, o Cristalino recebe o Lefer de Leandro Ferreira. Mesmo com a vitória por 3 a 1 diante do Operário no primeiro jogo do torneio, a torcida espera mais empenho da equipe, isso para apagar a sonora goleada que a equipe sofreu para o Esplanada no último domingo pelo Campeonato Municipal.

Bandas de músicas de seis municípios da Região Centro-Oeste recebem instrumentos do Governo de Minas

Programa de apoio às bandas já investiu mais de R$ 546 mil na renovação de instrumentos, beneficiando 458 bandas



O Programa de Apoio às Bandas de Música Civis, desenvolvido pelo Governo de Minas em parceria com a Secretaria de Estado de Cultura e a Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig), beneficiou seis bandas de seis municípios da região Centro-Oeste. A entrega dos instrumentos foi feita na última-quarta-feira (23/03) pelo governador Antonio Anastasia e pela secretária de Cultura Eliane Parreiras, no Palácio Tiradentes. No total foram distribuídos 800 instrumentos musicais para 69 bandas em atividade em 63 municípios mineiros de todas as regiões do Estado. O Governo de Minas investiu R$ 546 mil na compra dos instrumentos com o objetivo de apoiar uma das mais tradicionais manifestações culturais de Minas.

Na região Centro-Oeste foram beneficiados os seguintes municípios e bandas: Arcos - Corporação Musical Nossa Senhora do Carmo; Bom Despacho - Corporação Musical Nossa Senhora do Bom Despacho; Bom Sucesso - Banda Municipal Lira de Santa Cecília; Candeias - Corporação Musical Nossa Senhora das Candeias; Conceição do Pará - Banda de Música Lira Musical Joaquim Antônio Mariano; Divinópolis - Banda Alternativa Bandalha.

As bandas receberam instrumentos como flautas, clarineta, sax, trompa, trombones pratos, taróis, bombos, surdos. Além da doação de instrumentos, o programa promove, em várias cidades, oficinas, cursos de regência, de percepção musical, reparo de instrumentos e capacitação. Em 2011, as ações serão ampliadas e o programa passará a apoiar as bandas com novas partituras e preparação de maestros.

Entre as bandas contempladas, 36 estão recebendo instrumentos pela primeira vez e as demais 33 já foram beneficiadas em anos anteriores. Minas Gerais tem 730 bandas cadastradas na Secretaria de Cultura. Do total, 458 bandas, de 371 municípios, já foram beneficiadas com a entrega de 6.576 instrumentos, nos últimos oito anos. Os recursos destinados ao programa somam R$ 5 milhões.

A solenidade de entrega dos instrumentos, na tarde desta quarta-feira, contou com apresentação da banda Santa Cecília, de Passagem de Mariana (Central). Antes e depois do evento, os músicos tocaram repertório variado chamando a atenção de todos os servidores da Cidade Administrativa. A secretária de Cultura, Eliane Parreiras, afirmou que as ações do programa estimularão ainda mais a tradição musical de Minas. As bandas existem há mais de 200 anos e são patrimônio cultural de Minas Gerais.

“Pretendemos, ao longo do ano de 2011, ampliar o programa, inclusive com a compra de partituras, oficinas e preparação de maestros. Vamos garantir mais investimentos neste grande patrimônio de Minas Gerais que são as bandas”, disse Eliane Parreiras.

Renovação

Em nome das bandas contempladas, o presidente da Banda Santa Cecília de Passagem de Mariana, José Luiz Papa, recebeu um certificado e uma medalha do Programa de Apoio às Bandas de Música Civis. Ele ressaltou que, graças ao trabalho do Governo de Minas, é possível ter a renovação dos instrumentos.
“Tocar e representar as bandas contempladas é um reconhecimento pelo nosso trabalho e um engrandecimento para todos os músicos”, disse José Luiz Papa.

O maestro Ernando Guimarães, da Banda Alternativo Bandalha, de Divinópolis (Centro-Oeste), comemorou o recebimento do apoio do Governo de Minas. “O programa ajuda a manter viva a tradição das bandas de música em Minas, não deixando o repertório tradicional morrer. Por ser uma entidade filantrópica, seria quase impossível comprar os instrumentos que foram doados”, afirmou o maestro.

fonte: Ag. Minas

quinta-feira, 24 de março de 2011

Nova Serrana é a cidade que cresceu em Minas, diz IBGE

Fundação João Pinheiro divulga resultados do Censo Demográfico de 2010 para Minas Gerais

O Centro de Estudos de Políticas Públicas da Fundação João Pinheiro (FJP) divulgou, nesta semana, no sítio da instituição, uma síntese dos resultados do Censo Demográfico de 2010 para a população total de Minas Gerais. Ao detectar uma queda significativa no crescimento anual da população do Estado, o resultado surpreendeu todas as expectativas em relação a projeções e à própria contagem de população anterior, realizada em 2007.

O Censo Demográfico foi realizado em todo o país pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) no ano passado. Ao serem analisados os resultados para o recorte estadual, verificou-se que, entre 2000 e 2010, a taxa anual de crescimento da população mineira ficou em torno de 0,91%, número bem menor que o 1,5% verificado nas últimas décadas. O número significa uma queda de participação da população do Estado de 11% para 10% no total do país.

Em todo o Brasil, somente quatro estados tiveram taxa de crescimento populacional menor que a de Minas Gerais: Rio Grande do Sul, Paraná, Bahia e Paraíba.

Taxa de fecundidade

De acordo com o estudo, a retração do crescimento populacional está diretamente relacionada ao nível da queda na taxa de fecundidade do Estado. Estima-se que a fecundidade total de Minas Gerais esteja em torno de 1,80 filho/mulher em idade reprodutiva. O número é menor que o nível de reposição, que é 2,1 filhos/mulher em idade reprodutiva. A conclusão é confirmada ao se avaliar a pirâmide etária do estado, que vem apresentando uma base cada vez mais estreita (gráfico 1).

“No passado, as taxas de crescimento, sempre baixas, estavam relacionadas a saldos migratórios negativos: Minas era um estado que expulsava mais população do que recebia. A partir da década de 1990, esses saldos tornaram-se mais equilibrados e levemente positivos”, explica o pesquisador da Fundação João Pinheiro, Olinto Nogueira.

No Censo de 2010, a participação da faixa etária de zero a quatro anos no total da população caiu de 9% para 6,5%, enquanto a participação da população de 65 anos e mais chegou a 8,2%. No Censo anterior, essa taxa correspondia a 6,2%.

“A principal consequência é o envelhecimento da população, não como efeito direto dos ganhos em esperança de vida, mas do aumento de participação da população de 65 anos e mais em detrimento da queda de participação da faixa etária de zero a quatro anos”, avalia Nogueira.

Segundo o pesquisador, esses indicadores apontam para o fato de que o Minas Gerais estaria atingindo a “transição demográfica plena”, ou seja, uma situação de baixas taxas de natalidade e mortalidade.

“Esses resultados são importantíssimos para que o Estado possa fazer seu planejamento socioeconômico e corrigir o curso das políticas públicas a longo prazo, adequando suas prioridades para o eixo de saúde de adultos e idosos/previdência social/assistência social e emprego”, explica Nogueira.

Municípios

Reforçando a hipótese de que o Minas estaria atingindo uma a “transição demográfica plena”, a análise dos dados do Censo Demográfico de 2010 mostra, ainda, que 85,3% da população do Estado são urbanos, sendo que, em 80% dos municípios, a população rural decresceu em relação ao estudo anterior (gráfico 2).

Dos cinco municípios que apresentaram as maiores taxas negativas de crescimento da população rural, todas acima de -10%, quatro pertencem à Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH). Três desses municípios - Belo Horizonte, Confins e Vespasiano - já não têm populações consideradas rurais.

Além deles, as cidades de São Lourenço e Santa Cruz de Minas também não apresentam população rural. “A explicação é que esses municípios estão entre os menores do Estado em extensão territorial”, afirma Nogueira.

Por outro lado, dos dez municípios com maiores taxas de crescimento da população rural, quatro também pertencem à RMBH - Conselheiro Lafaiete, São Joaquim de Bicas, Caetanópolis e Ribeirão das Neves. “Contudo, enquanto as taxas negativas da população rural da RMBH representaram, em termos absolutos, uma perda de mais ou menos 25 mil pessoas na década, os municípios com taxa positiva representaram acréscimo de cerca de 10 mil pessoas”, observa o pesquisador da Fundação João Pinheiro.

“Para o Estado como um todo, esse mesmo raciocínio fez com que as taxas negativas representassem a perda de 736 mil pessoas no setor rural, montante maior que a população total de qualquer dos municípios mineiros, a exceção de Belo Horizonte. Nessa mesma linha, as taxas positivas tiveram um ganho em torno de 63 mil pessoas”, conclui Nogueira.

Nova Serrana foi o município que mais cresceu em Minas Gerais. A taxa de crescimento de 7% ao ano fez com que sua população total passasse de 37,5 mil pessoas, no ano 2000, para 73,7 mil, em 2010. Esse crescimento foi relevante tanto em termo urbano (9ª maior taxa do estado), como rural (2ª maior taxa de Minas Gerais).

fonte: Ag.Minas

PM DA 100ª CIA PM ESPECIAL PRENDEM INFRATOR QUE USAVA ARMA ARTESANAL EM ASSALTO


No dia 21 de março, durante patrulhamento pela Rua Cel Martinho Ferreira do Amaral, no centro de Nova Serrana, os Policiais Militares depararam com populares gritando.

Ao averiguarem o que se passava, detectaram que um indivíduo havia cometido um assalto contra a vitima C. F. de L. B., evadindo em seguida.

A vítima, com a presença policial, indicou a rota de fuga do infrator, tendo imediatamente iniciado o rastreamento ao suspeito.

Os PM lograram êxito na abordagem do suspeito, J. B. da S., 34 anos, sendo encontrado em seu poder, a bolsa pertencente à vítima, a qual continha em seu interior, o valor de R$ 814,00 em dinheiro, 01 (uma) arma artesanal tipo revólver.

A vítima relatou que no momento em que ia entrar em seu carro, o suspeito colocou a arma em seu pescoço e anunciou o assalto. Após tomar sua bolsa, fugiu do local.

A vítima reconheceu o infrator, bem como seus pertences, sendo este conduzido e apresentado na Delegacia de Polícia Civil para término dos trabalhos policiais.

Assessoria de Comunicação Organizacional – 7º BPM

Posto de Combustível sofre roubo a mão armada em Bom Despacho

Na madrugada de quarta-feira, por volta de 1h45, um posto do bairro Jardim América em Bom Despacho, acabou sendo assaltado. Segundo o BO, cerca de R$ 80,00 foram levados pelo assaltante, além de mais 1 MP 4 portátil.

Ainda de acordo com a PM, o assaltando ainda foi localizado. Ele possui caraterísticas de ser magro, de cor clara. No momento do assalto, ele estava usando calça jeans.

quarta-feira, 23 de março de 2011

IFET Bom Despacho ganha curso de Programação em Comércio

Por Assessoria de Comunicação em Notícias

O prefeito Haroldo Queiroz informou hoje – 23/03 – que o IFET (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia) campus Bambuí, extensão Bom Despacho, acaba de receber mais um curso. Aos cursos de Técnico de Gerência em Saúde e de Técnico em Meio Ambiente vem somar-se agora o de Programação em Comércio. De acordo com o prefeito o vestibular deverá ocorrer ainda em julho próximo.

A aula inaugural do IFET Bom Despacho aconteceu no último dia 7 de fevereiro no Clube Social. A instalação dos cursos em Bom Despacho é uma parceria entre a prefeitura que arca com o pagamento dos professores, instalações e equipamentos e o IFET/MG. O instituto foi apontado recentemente como o terceiro mais bem qualificado pelo MEC em todo o país.

PM DA 107ª CIA PM E ALUNOS DO CTSP/BOM DESPACHO APREENDEM 130 PEDRAS DE CRACK EM LAGOA DA PRATA


Em Lagoa da Prata, no dia 22 de março, por volta de 23:14h, as guarnições da 107ª Cia PM, juntamente com os alunos do CTSP que estão estagiando naquela cidade, após denuncias de tráfico de drogas, deslocaram a Avenida Fernão Dias, Bairro Chico Miranda, para averiguarem a situação.
Segundo as denúncias, o trafico ocorria sob a varanda de um bar e que a droga ali comercializada era escondida em um lote vago, logo em frente.

Ao chegarem ao local do fato, os PM realizaram a abordagem de 07 (sete) pessoas sendo, M. T. A. R., 18 anos, G. S. T., 19 anos, P. H. T. L., 18 anos, I. C. M., 17 anos, I. A. S., 15 anos, A. M. C., 16 anos, L. A. C. S., 14 anos, já conhecidas no meio policial, algumas por tráfico de drogas e outras por uso.

Durante as buscas no lote mencionado, foi localizado um tubo plástico de cor vermelha, contendo em seu interior 130 (cento e trinta) pedras de uma substância análoga à crack, 01 (um) invólucro da mesma substância, com uma pedra pesando 6,6 gramas, R$ 455,00 (quatrocentos) reais, celulares e uma faca.

Diante dos fatos, foi dada voz de prisão/apreensão aos suspeitos e todos foram encaminhados a Delegacia de Polícia Civil, sendo que os menores foram acompanhados de um conselheiro tutelar, juntamente com o material apreendido.

Assessoria de Comunicação Organizacional – 7º BPM

Baixa renda se sente discriminada pelo varejo

Estudo aponta que setor comercial precisa melhorar atendimento aos clientes das classe C, D e E

Por Cláudio Martins, do Mundo do Marketing | 22/03/2011
pauta@mundodomarketing.com.br

Estudo aponta que setor comercial precisa melhorar atendimento aos clientes das classe C, D e E

Consumidores das classes populares não se sentem bem atendidos pelo varejo, segundo o levantamento realizado pela consultoria Plano CDE. A pesquisa ouviu 1.600 pessoas de todas as classes sociais, em São Paulo e Recife. O estudo apresenta uma percepção do próprio consumidor, que nota uma diferença no atendimento aos públicos A e B. Cerca de 25% dos clientes populares afirmaram não sentirem confiança no momento de compra.

O resultado pode impactar a auto-estima do consumidor e a forma como este se relaciona com o varejo, potencializando o receio de adquirir algo novo. Já para os clientes A e B essa baixa estima se reflete, respectivamente, em apenas 7% e 13% dos entrevistados. Outro ponto relevante do levantamento mostra que o descontentamento com lojas cheias não é um privilégio da elite. A insatisfação chega a 62% e 64% para as classes A e B, respectivamente, e o índice se mantém muito próximo nos grupos populares, alcançando 65% (C), 61% (D) e 59% (E).

Deputado Federal Domingos Sávio assume a vice-presidência do partido no estado


O deputado federal Marcus Pestana é o novo presidente do PSDB de Minas Gerais. Ele foi eleito na noite desta segunda-feira, dia 21, encabeçando uma chapa de consenso, que tem como vice-presidente do deputado federal Domingos Sávio; 2º vice-presidente o deputado estadual Zé Maia; o também deputado estadual Carlos Mosconi como secretário-geral e o deputado federal Paulo Abi-Ackel como tesoureiro. O mandato é para o biênio 2011/2013.

Na convenção também foi escolhido o novo presidente da seção mineira do Instituto Teotônio Vilela: será o deputado federal Eduardo Barbosa. Foram eleitos, ainda, os novos presidentes do PSDB Mulher, Lenita Noman, substituindo Eliana Piola, e do PSDB Jovem, Caio Narcio, que sucede Adriano Faria.

A nova Executiva assume o partido com enfoque em sua organização e modernização, além de prepará-lo para as eleições do ano que vem. “Os 50 maiores municípios, principalmente à capital, terão atenção especial, mas não vamos nos esquecer dos pequenos”, afirmou o novo presidente dos tucanos.

O novo vice-presidente do partido, o Deputado Federal Domingos Sávio, declarou apoio as propostas de crescimento da legenda. "Temos que nos organizar cada vez mais para defendermos candidaturas sólidas nas próximas eleições, buscando a interiorização e o fortalecimento do partido em todo o estado.

A defesa política do governo Anastasia será outra prioridade da nova Executiva Estadual do PSDB de Minas, assim como a modernização do partido, com foco na comunicação e a integração com os militantes e os segmentos sociais, adiantou Marcus Pestana, que assume o partido em substituição ao deputado federal licenciado e atual secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Narcio Rodrigues.
Anastasia e Aécio

O governador Antonio Anastasia e o senador Aécio Neves chegaram à convenção às 19 horas. Em seu pronunciamento, Anastasia elogiou a atuação de Narcio Rodrigues no partido, que conduziu o partido nas últimas eleições. “Narcio sai com o sentimento de dever cumprido. Obtivemos uma vitória esmagadora e tenho certeza de que o deputado Marcus Pestana vai manter a bandeira e vamos continuar a ser o partido mais forte de Minas Gerais”, afirmou.

Para um auditório lotado, o senador Aécio Neves lembrou que o PSDB venceu um bom combate nas últimas eleições e que a vitória foi conseqüência do trabalho apresentado à população mineira. “Somos o partido da responsabilidade gerencial e nosso novo desafio é continuar inovando, com ética e responsabilidade”, destacou.

VEICULO ABANDONADO EM BOM DESPACHO

Por volta das 14:58 horas, após solicitação, a GuRp compareceu ao Trevo da BR 262 com MG 164, estrada vicinal que dá acesso a BR 269 no KM 469, onde depararam com o veículo FIAT PALIO, placa HLA 0423, abandonado e trancado.

Em consulta no sistema SIDS, ficou constatado que o referido o veículo possui queixa de crime / furto na cidade de DIVINOPOLIS/MG, na data de 20/03/2011.

Diante do exposto, a perícia técnica foi acionada, comparecendo no local e realizou seus trabalhos. Em seguida o veículo foi apreendido, sendo o mesmo removido pelo socorro para o pátio local.

fonte - Ag.Minas

Prevenção é a principal medida para evitar a conjuntivite


Baixa umidade do ar e aumento da poeria são os principais fatores para o aumento da doença


O outono chegou e as temperaturas e a umidade do ar caem causando um aumento da poeira. Por isso, é preciso ter cuidados mais acentuados com a conjuntivite, principalmente com a do tipo alérgica.

Em Minas Gerais foi notificado, até o momento, surto da doença em Santo Antônio do Grama, pertencente à Gerência Regional de Saúde de Alfenas, mas que já está sob controle. No local foram confirmados 280 casos, em fevereiro deste ano, sendo que todos os pacientes já receberam a devida assistência e já estão curados. Cabe ressaltar que os sintomas da conjuntivite nos pacientes mineiros surgiram após um velório que ocorreu na cidade, em que várias pessoas de outros municípios participaram e que uma delas, proveniente de São Paulo, apresentava quadro de conjuntivite.

Segundo a coordenadora de Oftalmologia Social da Secretaria de Estado de Saúde/MG, Karen Brock, “por se tratar de uma doença que não é de notificação compulsória, a SES não dispõe de um banco de dados com notificações de casos isolados. No entanto, sabemos que, exceto no município de Santo Antônio do Grama, os casos registrados até agora no restante do estado não estão acima do esperado, pois sempre que os municípios percebem anormalidades no número de ocorrências, as Gerências Regionais de Saúde notificam, o que ainda não ocorreu”.

A conjuntivite é a inflamação da conjuntiva, membrana transparente e fina que reveste a parte da frente do globo ocular e o interior das pálpebras. O branco do olho (esclera) é coberto por uma película fina chamada conjuntiva, que produz muco para cobrir e lubrificar o olho. Normalmente, possui pequenos vasos sanguíneos em seu interior, que podem ser vistos através de uma observação mais rigorosa. Quando a conjuntiva se irrita ou inflama, os vasos sangüíneos que a abastecem alargam-se e tornam-se muito mais proeminentes, causando então a vermelhidão do olho. Em geral, acomete os dois olhos, pode durar de uma semana a 15 dias e não costuma deixar seqüelas.

A estudante Ana Carolina Queiroz conta que inicialmente sentiu uma coceira, “como se tivesse uma poerinha nos olhos, mas não dei muita importância. Dois dias depois, a sensação era de uma areia e os olhos, principalmente o esquerdo, ficaram vermelhos. Só aí comecei a achar que fosse conjuntivite e procurei um oftalmologista. Fiquei cinco dias se ir à escola e passando um remédio, e também precisei ter muita higiene com as mãos e roupas de cama. A conjuntivite incomoda muito, pois a todo o momento você fica querendo colocar a mão e coçar, mas não pode. A higiene é fundamental”, relata.

Causas

Quando a conjuntivite aparece depois do contato com um agente químico, ela é chamada de conjuntivite irritativa. Já aquele tipo causado por pó ou perfume recebe o nome de alérgica. As duas variações da doença provocam principalmente vermelhidão e coceira, e não são transmitidas por contato. Ela pode ser ainda viral ou bacteriana, em geral mais graves e podendo ser transmitidas por contato. As virais são as que mais freqüentemente são causas de epidemias.

A contaminação do olho com bactérias ou vírus, se dá por transmissão dos mesmos pelas mãos (por manipulação do olho), por toalhas, cosméticos (particularmente maquiagem para os olhos) ou uso prolongado de lentes de contato. Os irritantes causadores de conjuntivite podem ser a poluição do ar, fumaça (cigarro), sabão, sabonetes, spray, maquiagens, cloro, produtos de limpeza, etc. Alguns indivíduos apresentam conjuntivite alérgica (sazonal), devido à alergia, principalmente a pólen e perfumes em spray.


Medidas de prevenção e controle

Medidas de higiene pessoal em centros de assistência, bem como o tratamento adequado dos casos constituem as principais medidas de prevenção. Em relação à população, recomenda-se:
- procurar assistência médica na ocorrência de sinais e sintomas de conjuntivite, evitando a automedicação;
- aspectos de higiene pessoal, principalmente quanto à lavagem de mãos frequente e uso e descarte de lenços descartáveis;
- uso individual de toalhas, maquiagem para os olhos, soluções oftálmicas e outros medicamentos de uso ocular;
- troca diária de fronhas;
- evitar frequentar locais aglomerados quando da ocorrência de sinais e sintomas de conjuntivite: creches, escolas e local de trabalho.

Para os profissionais de saúde orienta-se:
- lavagem de mãos antes e depois do atendimento de pacientes;
- uso de luvas estéreis durante o exame oftalmológico e durante a coleta de amostras com descarte adequado das mesmas;
- esterilização sistemática de instrumentos utilizados para exame oftalmológico e/ou procedimentos diagnósticos;
- organização de instalações para o atendimento e diagnóstico reduzindo ao mínimo possível o contato entre indivíduos infectados e não infectados e com outros pacientes, com devida precaução com imunocomprometidos;
- desinfecção de salas de atendimento.

fonte - Ag. Minas

terça-feira, 22 de março de 2011

Educação capacita mais de 13 mil educadores a distância para compreender educação inclusiva

Educadores de Minas Gerais vão iniciar um curso de atualização que vai ampliar as habilidades desses profissionais para lidar com alunos com deficiência. Ofertado pela Secretaria de Estado de Educação (SEE), por meio da Diretoria de Educação Especial, o curso de Atualização em Educação Inclusiva para Servidores da Educação capacita educadores da rede pública. Nesta segunda-feira (21), terá início a quinta turma do curso, da qual vão participar 1653 profissionais.

Nas quatro primeiras turmas, o curso capacitou cerca de 12 mil educadores e, após esta quinta etapa, 13.745 terão passado pelo treinamento. O investimento no programa chega a R$ 8,5 milhões. Passam pela capacitação, educadores da rede estadual, mas também foram abertas vagas para professores de redes municipais de ensino do Estado. O intuito das aulas não é o de formar especialistas, mas o de preparar o profissional para a educação inclusiva. “O professor aprende sobre os diferentes tipos de deficiência, os recursos de acessibilidade disponíveis e os apoios que cada estudante pode obter. Ele não se torna um especialista, mas passa a perceber as diferenças entre os ritmos de aprendizagem dos seus alunos”, explica a diretora de Educação Especial da SEE, Ana Regina de Carvalho.

Segundo Ana Regina, o curso auxilia o professor a lidar com as necessidades dos alunos com deficiência que frequentam a escola comum. Um aluno cego, por exemplo, exige que o professor tome alguns cuidados durante a explicação de uma determinada matéria. “Numa aula de geografia, se o professor vai apontar a localização de um lugar em um mapa desenhado no quadro, ele pode ficar ao lado do aluno e guiar o dedo dele no mapa em braile. São pequenas ações que fazem diferença na inclusão e ajudam no aprendizado”, exemplifica Ana Regina.

Curso a distância

O curso de Atualização em Educação Inclusiva para Servidores da Educação tem duração de 120 horas/aula, que são ofertadas a distância ao longo de sete meses. Ele é oferecido pela PUC Minas Virtual, unidade da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, que oferece cursos a distância em diversas áreas. Quem passa pela capacitação cursa várias disciplinas sobre educação inclusiva e processos de aprendizagem. “O curso não vai trabalhar especificamente as áreas da deficiência, ele dá um panorama dessas deficiências. O objetivo maior é qualificar os professores para que eles possam mudar o olhar quanto à diversidade do aluno e construir os processos de aprendizagem na escola”, explica a coordenadora do PUC Minas Virtual, Maria do Carmo Menicucci.

Ao final do curso, os educadores preparam um diagnóstico sobre a escola na qual trabalham e listam as ações necessárias para garantir a educação inclusiva. Rubiamary Machado Figueiró é vice-diretora da Escola Estadual Jason de Morais, na cidade de Berilo, no Norte de Minas, e fez o curso em 2009. Em sua escola, há três alunos com deficiência. Um com baixa visão, outro com surdez e outro com deficiência física. Segundo a vice-diretora, a forma de lidar com esses estudantes mudou. “A gente lidava com esses alunos e não tinha um conhecimento específico. Passamos a prestar mais atenção nas necessidades deles e fazer as adaptações necessárias”, explica. “Vai da forma de explicar um teste, até fazer um documento específico. No caso do aluno com baixa visão, por exemplo, temos que montar uma prova com letras maiores. Cada aluno tem sua especificidade”, complementa.

fonte: Ag. Minas

Mineiros denunciam mais os crimes contra os idosos

Desde o lançamento da Campanha de Valorização da Pessoa Idosa, as denúncias de crimes contra as ‘pessoas da melhor idade’ vem engrossando a lista do Disque Direitos Humanos (0800 031 11 19). Quando comparados os períodos pré e pós campanha, o número de denúncias teve um salto de 307%. O serviço, coordenado pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese), recebeu 216 relatos de janeiro a outubro de 2009, contra 881 no mesmo período de 2010.

Os crimes mais denunciados foram maus-tratos familiares e abandono. Já quando comparado os dois primeiros meses deste ano com o mesmo período de 2010, o relatório do Disque Direitos Humanos revela uma estabilidade no número de relatos. Foram 178 denúncias recebidas nos meses de janeiro e fevereiro dos respectivos anos.

Maus-tratos familiares (121 e 105) e abandono (22 e 36) permanecem como os mais denunciados. A população mineira também denunciou maus-tratos de terceiros, lesão financeira, abandono material, entre outros.

“É importante que as pessoas não tenham receio de denunciar as violações dos direitos humanos. Por meio deste conhecimento é que os órgãos públicos poderão atuar”, orienta o secretário de Estado de Desenvolvimento Social, Wander Borges.

O coordenador do Disque Direitos Humanos, Jorge Noronha, acredita que a campanha cumpriu com o objetivo de mobilizar a sociedade sobre as situações de violência enfrentadas pela população idosa. “Os dados mostram a resposta de uma campanha. A intenção é que o Disque se torne um serviço de domínio público para que a população não se esqueça do problema vivido pelos idosos”, destacou.

Valorização do Idoso

A Campanha de Valorização da Pessoa Idosa é uma iniciativa do Governo de Minas e do Serviço Voluntário de Assistência Social (Servas), lançada, em outubro de 2009, pelo então governador Aécio Neves. A campanha foi realizada por meio da veiculação de filmes e anúncios pelos veículos de comunicação do Estado.

Disque

O Disque Direitos Humanos é um serviço gratuito e sigiloso, recebe denúncias de todo o Estado e também presta orientações sobre assuntos relacionados às violações dos direitos humanos. As denúncias são encaminhadas para o Ministério Público, Conselho Estadual do Idoso, conselhos municipais do idoso e delegacias especializadas.

Conselho Estadual do Idoso

O Conselho Estadual do Idoso (CEI), vinculado à Sedese, foi criado em 1999 e tem como principais objetivos planejar, desenvolver e acompanhar políticas públicas para a garantia dos direitos dos idosos em Minas Gerais. A unidade funciona na rua da Bahia, 1148, sala 308, no Centro da capital. Os telefones para contato são (31) 3222.9737 ou (31) 3227.6646.

fonte: Ag. Minas

Prefeito Haroldo Queiroz pode anunciar operação Tapa Buracos, diz vereador


Em Bom Despacho, já se vê muitos buracos pelas ruas da cidade. São que tantos, que às vezes, inúmeros veículos tem de se procupar em fazer outros trajetos.

De acordo com o vereador Gilmar Iru, na reunião de ontem, o Prefeito Haroldo Queiroz está preocupado com esta situação. O edil afirmou que o chefe do Executivo deverá anunciar a operação Tapa Buracos dentros de poucos. "Estamos esperando este período chuvoso passar", disse Haroldo em entrevista a Rádio Difusora, na última semana.

Desde o início de março está chovendo em Bom Despacho. Com isso, muitos buracos começaram a aparecer em várias vias do município. No bairro São Vicente, por exemplo, algumas crateras atrapalham o trajeto dos veículos, tanto motos como carros.

segunda-feira, 21 de março de 2011

Previsão do Tempo em Minas Gerais para segunda-feira, 21 de março

Nesta segunda-feira, áreas de instabilidade deixam o tempo instável com chuvas significativas sobre o Triângulo e Noroeste de Minas Gerais. Nas demais regiões mineiras o sol deve predominar entre nuvens e são pequenas as chances de chuvas. As temperaturas estarão elevadas em boa parte do Estado. Na Região Metropolitana de Belo Horizonte, o dia fica parcialmente nublado a nublado, porém, são pequenas as chances de chuvas isoladas.

Casa sustentável tem design parecido com caixa de madeira

Um arquiteto americano do escritório Revelations Architects projetou uma casa prática e sustentável com um formato de caixa. A invenção do arquiteto Bill Yudchitz preza tanto pela beleza quanto pela praticidade da moradia.

Denominada de E.D.G.E ( Experimental Dwelling for a Greener Environment), a casa é feita de aço, vidro e madeira compensada, que reveste todo o ambiente externo. Além do design criativo, a pequena "caixa”, de apenas 480 m2, por dentro, parece um local multifuncional. A mobília feita de madeira facilita na transformação dos ambientes, tornando a casa um espaço onde se pode transformar quarto em sala de estar, sala em escritório etc.

No quesito sustentabilidade, a E.D.G.E possui um sistema de coleta de água da chuva e um sistema de manejo da temperatura que trabalha da seguinte maneira: o aquecimento e a refrigeração é feito geotermicamente, a ventilação é realizada pela recuperação de calor e a recepção dele existe através de portas com persianas de isolamento que o controla. Um design solar passivo também faz parte do processo.


Por todas essas características, esta casa, ainda pré-fabricada mas com propósitos comerciais, ganhou um prêmio de Honra, o “AIA Wisconsin”, que parabenizou o trabalho realizado pelo arquiteto Bill Yudichitz.

fonte: portal Eco

Empate garante liderança do Palmeiras da Garça

O empate de 1 a 1 contra o Operário no estádio Pedro Lino da Costa, na tarde de ontem, garantiu a primeira colocação do Palmeiras da Garça no Campeonato Municipal. O time tem o mesmo número de pontos do Esplanada, que para o rival no saldo de gols. O Celeste aplicou uma goleada de 5 a 2 sobre o Cristalino, no estádio Antônio Leite de Oliveira.

Na outra partida da rodada, também pela categoria amador-adulto, o Famorine goleou o Ipiranga por 10 a 0 na casa do adversário. O resultado colocou o Verdão na terceira colocação do torneio.

Pela categoria aspirantes, a liderança é do Esplanada com 10 pontos, seguido de Famorine com 5, Associação com 4 e Palmeiras com 4.

A próxima rodada do Campeonato Municipal acontece no final de semana. Os jogos serão AAB x Ipiranga, Famorine x Cristalino e Esplanada x Palmeiras.

Mulheres fazem o 'comando' da Copa Alterosa

Neste mês de março, é comemorado o mês Internacional da Mulher, que a cada dia que se passa, vem conquistando seu espaço no mundo profissional. Neste final de semana, por exemplo, em Bom Despacho foram realizadas duas partidas da Copa Jornal Agora TV Alterosa, que contaram com o arbitragem feminina.

No jogo Famorine x Zacarias, duas mulheres participaram da arbitragem da partida. O Verdão derrotou o time de Dores do Indaiá por 6 a 1. No outro confronto, entre Operário x Cristalino houve um trio feminino, uma atuou como mesária e as outras duas, como arbitra e auxiliar.