Ajuda humanitária do Governo de Minas é enviada aos moradores do município de Divinópolis

A ajuda humanitária emergencial, liberada pelo Governo de Minas para Divinópolis, no Centro-Oeste mineiro, foi enviada nesta sexta-feira (6) ao município. Um caminhão carregado com mantimentos deixou, nesta manhã, o depósito avançado daCoordenadoria Estadual de Defesa Civil de Minas Gerais (Cedec-MG), no bairro Gameleira, em Belo Horizonte, com destino a Divinópolis.

O auxílio do Governo se deu em virtude das enchentes que atingiram a cidade nos dias 2 e 3 de janeiro. O rio Piracicaba chegou a ficar até sete metros acima do nível normal. Foi enviado aos moradores das regiões atingidas pelas chuvas, em Divinópolis, um carregamento de 200 cobertas, 200 colchões, 200 cestas básicas e 200 kits de higiene.

O envio de ajuda humanitária foi determinado durante reunião, realizada na quinta-feira (5), entre o coordenador da Cedec-MG, coronel Luis Carlos Martins, e o prefeito de Divinópolis, Vladimir Azevedo, na Cidade Administrativa. Além de relatar os danos causados pelas chuvas no município, o prefeito de Divinópolis apresentou ao coordenador da Cedec o formulário de Notificação Preliminar de Desastre (Nopred), com informações técnicas sobre a situação no município.

Restabelecimento da normalidade

De acordo com a Copasa, 90% do fornecimento de água no município de Divinópolis já foi regularizado. O serviço havia sido comprometido após os temporais que atingiram a cidade no início do mês. A previsão é de que até a manhã deste sábado (7) o fornecimento de água volte à normalidade em 100% em Divinópolis. Nas localidades onde o serviço ainda está indisponível, a Copasa disponibilizou caminhões-pipa para assegurar o atendimento a todos os cidadãos divinopolitanos. O nível do rio Piracicaba já está voltando à normalidade e não há mais pontos de alagamento na cidade.

Ag. Minas

Comentários