Bom Despacho sofre com falta de coleta de lixo


Lixo no bairro Esplanada de Bom Despacho.
Com os cofres públicos quase vazios, a Prefeitura de Bom Despacho ainda tenta manter os serviços de qualidade para a população. No entanto, no final deste mandato os bondespachenses questionam os serviços de saúde e de meio ambiente, como são os casos do PA e da coleta de lixo.
          
Nas redes sociais, surgem comentários de que o município tem apenas um caminhão recolhendo o lixo em dias alternados da semana. E por causa disso, vários bairros da cidade ficam a espera da coleta, que em muitas oportunidades acaba não sendo realizada de maneira mais ágil pela Prefeitura.
          
Com a chegada do novo governo, os bondespachenses acreditam que haverá uma coleta de lixo eficiente, pois o prefeito eleito Fernando Cabral sempre foi um defensor do meio ambiente sustentável e sempre cobrou este serviço com mais qualidade para o  município.
          
Até o dia 31 de dezembro, a população pode ficar preparada para o pior, isso porque o atual Prefeito Haroldo Queiroz é obrigado entregar a Prefeitura sanada de dívidas, o que para muitos dificilmente acontecerá, devido a real situação que o município se encontra financeiramente.
          
Todavia a importância de que o lixo possa recolhido, uma vez que este fator se torna um desagravo ambiental, podendo com isso gerar doenças e proliferação de moscas em volta das residências. Ou seja, um simples ato de desleixo do serviço público leva o cidadão a se contaminar com possíveis infecções contagiosas.
         
Portanto, mesmo que esteja em situação precária nas suas finanças, a Prefeitura tem a obrigação de trazer mais qualidade de vida ao bom-despachense. É notória a falta de compromisso com o cidadão, mas até o dia 31, espera-se que todos possam ser atendidos eficazmente. Por isso, não espere que uma cidade como é  a nossa, fica infestada de MOSCAS.
          

Comentários