sábado, 19 de julho de 2014

Serviço Social é um dos atendimentos realizados na Câmara Municipal


Exibindo Foto Joesse - Fique Sabendo.JPGO Serviço Social realiza um trabalho efetivo nas dependências da Câmara. De janeiro a junho deste ano foram, ao todo, 490 atendimentos. Através deste setor são realizados encaminhamentos ao Jurídico e à Psicologia conforme necessidade e demanda do cidadão atendido. Em média, são atendidas 25 pessoas por semana neste departamento. objetivo é amparar as pessoas que de alguma forma não tem total acesso à cidadania. O público-alvo são pessoas em situação de risco, vulnerabilidade social e desamparo. Idosos, crianças, adolescentes e portadores de necessidades especiais têm prioridade de atendimento.


Como funciona

O Serviço Social faz parte do Centro de Atendimento ao Cidadão (CAC), que é formado também pelos setores Jurídico e Psicologia. O serviço funciona da seguinte maneira: ao procurar atendimento no CAC, o cidadão passará primeiramente pelo Serviço Social, onde relata sua situação e necessidade a ser resolvida. Caso seja demanda do CAC, é feito uma triagem e verificada a situação socioeconômica ou insuficiência de recursos financeiros e o cidadão é encaminhado para o setor jurídico, psicológico e para a rede ou órgãos competentes.

Segundo a assistente social, Joesse Santos de Melo, a maior procura ao Centro de Atendimento é por pessoas que querem se divorciar e/ou pedir pensão alimentícia, isso na área jurídica. Já na psicologia, a procura é para o acompanhamento individual.
Na área social, as pessoas têm dúvidas sobre benefícios e onde recorrer. Estas pessoas recebem orientações da assistente social e são encaminhadas para atendimento ao local correto. Caso seja necessário é feito contato com a rede ou órgão competente como o Instituto Nacional de Seguro Social (INSS), Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), Bolsa Família, Conselho Tutelar etc.

"As pessoas são orientadas em relação à educação, saúde, habitação, bem estar físico, psicológico e social", explica a assistente social.
Joesse lembra que o atendimento não precisa ser agendado, é feito na hora e no dia em que a pessoa procura o CAC.

Documentos


Para o atendimento, o requerente deve portar os seguintes documentos: Carteira de Identidade, CPF e comprovante residência.

Por: Assessoria de Comunicação da Câmara Municipal de Bom Despacho

7º BATALHÃO REALIZA OPERAÇÃO POLICIAL EM MUNICÍPIOS DE SUA ÁREA TERRITORIAL


No dia 17 de julho de 2014, o comando do 7º Batalhão de Polícia Militar realizou operações de cunho preventivo e de repressão qualificada em variados municípios pertencentes à sua área territorial de atuação. Na cidade de Bom Despacho foram cumpridos 03 (três) mandados de busca e apreensão com empenho de 12 policiais militares e 04 viaturas, obtendo-se os seguintes resultados: apreensões de 01 papelote de cocaína e 01 porção pequena de maconha;  02 armas de fogo apreendidas, sendo uma PT 7.65 com numeração raspada e um revólver calibre .32 e 11 munições intactas calibre .32, marca CBC e 02 cartuchos deflagrados da mesma munição. 

No município de Abaeté foram empenhados 14 policiais militares e 04 viaturas, obtendo-se os seguintes resultados: apreensão de 01 pedra de crack e 03 buchas de maconha; 03 menores infratores apreendidos e 05 pessoas presas; 01 arma branca, 01 fisga e 01 rede apreendidas. 

Em Pompéu, a operação contou com 20 policias militares e 04 viaturas e 03 motocicletas, obtendo-se os seguintes resultados: 03 veículos apreendidos; 20 autos de Infração de Trânsito lavrados; 132 pessoas abordadas; apreensão de 01 papelote de cocaína e R$ 5,00 em dinheiro; 01 menor infrator foi apreendido. Estas ações continuarão sendo realizadas visando a segurança das pessoas de bem.
                       

Assessoria de Comunicação Organizacional do 7º BPM


sexta-feira, 18 de julho de 2014

Prefeitura pretende melhorar Rotatória no Rua do Rosário

Na ultima edição anterior do Jornal Fique Sabendo, publicada com data de 15 a 22/07, foi informado que a Rotatória da Rua Rosário, localizada entre os cruzamentos da Avenida Carlos Cardoso de Carvalho com Rua do Rosário estava sem sinalização e que poderia estar gerando riscos a motoristas e pedestres. 

Durante conversa com a Assessoria de Imprensa da Prefeitura, foi informado ao Jornal Fique Sabendo  que o Executivo pretende estudar uma possibilidade de melhorar a sinalização edo trânsito no local. O trabalho poderá ser feito dentro de poucos dias, mas ainda sem a  previsão exata de execução. 

Muito movimentada diariamente, o local recebe veículos de outras cidades, tanto que há poucos um deles  dias se chocou de frente com outro automóvel. " Isso tem acontecido constantemente por aqui", disse um dos comerciantes que não quis se identificar a reportagem. 


quinta-feira, 17 de julho de 2014

Profissionais de saúde não poderão usar jalecos fora do hospital

PROJETO DE LEI QUE REGULAMENTA USO DE UNIFORMES FOI APROVADO EM SEGUNDO TURNO PELA ASSEMBLEIA E, AGORA, SEGUE PARA SANÇÃO OU VETO DO GOVERNADOR.

Da Redação
Fonte: Super Notícia


Foto: DivulgaçãoO plenário da Assembleia Legislativa de Minas Gerais aprovou, nesta terça-feira (15), em segundo turno, o projeto de Lei 65/2011, que proíbe o uso de jalecos e uniformes hospitalares fora das dependências das unidades de saúde. Agora, o texto segue para a sanção ou veto do governador.
O texto do deputado Fred Costa (PEN), que tinha sido aprovado em primeiro turno no dia 11 de junho, altera o Código de Saúde de Minas Gerais (Lei 13.317, de 1999), de modo a obrigar os estabelecimentos sujeitos à fiscalização sanitária a zelar pelo uso adequado das vestimentas de biossegurança e equipamentos de proteção individual, que não poderão ser utilizados pelos funcionários fora do local de trabalho.
Conforme o projeto, o governo do Estado será responsável por definir punições para quem descumprir a lei. Já a fiscalização poderá ser feita pelos próprios hospitais ou pela Vigilância Sanitária estadual.
Uma legislação semelhante existe em Belo Horizonte desde 2010, mas é constantemente descumprida. Leis que restringem o uso dos jalecos e de uniformes fora dos ambientes hospitalares foram implantadas nos Estados de São Paulo e do Mato Grosso do Sul, em 2011.
Possibilidade de contaminação
O principal argumento desses projetos de lei é a possibilidade de contaminação. Os uniformes seriam capazes de transportar germes e disseminar infecções. “O que motiva isso é o ponto de vista preventivo, já que não há evidência de que os trajes têm um papel efetivo na contaminação hospitalar. Porém, tudo leva a crer que isso acontece”, afirmou Fred Costa.
Em 2012, uma pesquisa da Escola de Enfermagem da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) mostrou que os jalecos transmitem bactérias nocivas. Os bolsos e a região abdominal da roupa são os pontos mais críticos, com níveis de contaminação em 51% e 43%, respectivamente.
Para a presidente do departamento de infectologia da Associação Médica de Minas Gerais (AMMG), Lucinéia Carvalhais, o jaleco não é o grande vilão das infecções hospitalares. Ela explica que existem procedimentos preventivos nas unidades e que o maior foco de contágio está nas mãos.

Geração de empregos em junho fica abaixo do esperado


Em junho, mês em que teve início a Copa do Mundo no  Brasil, foram gerados no país 25.363 empregos no país, segundo dados divulgados hoje (17) pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). O resultado é o menor para o mês nos últimos 16 anos. Por motivos sazonais, a agricultura foi o setor que mais gerou empregos no mês, 40.818 novas vagas.

Ao divulgar os números do Caged, o ministro do Trabalho e Emprego, Manoel Dias, disse que a nova previsão de geração de emprego para este ano é 1 milhão de novas vagas, número inferior ao esperado até o mês passado, 1,4 milhão.


O aumento no número de postos de trabalho em junho representa um crescimento de 0,06% em relação ao de maio. Em junho do ano passado foram geradas 123.836 vagas. O total de admissões em todo o país no último mês foi 1.639.407 e de desligamentos, 1.614.044. No acumulado do ano, houve expansão de 1,45% no nível de emprego, o que equivale a 586.671 postos de trabalho.


O ministro disse que o governo esperava melhor resultado, mas que, a partir de agosto, os números deverão ser mais expressivos na geração de postos de trabalho. "Certamente, vamos recuperar, a partir de agosto." 

Segundo o ministro, o número abaixo do esperado deve-se ao comportamento da indústria, setor que registrou em junho queda de 0,34% no número de novas vagas em relação ao mês anterior.


Ag. Brasil

quarta-feira, 16 de julho de 2014

Bom Despacho poderá ter Moto-Táxi regulamentado por Lei


Com o aumento da tarifa de ônibus e o trânsito cada dia pior em Bom Despacho, a Prefeitura Municipal de Bom Despacho poderá enviar a Câmara Municipal, o projeto que votará a regulamentação do serviço de moto-táxi, que já existe em outras cidades. 


Para ser aprovado o projeto precisa de mais de 1/3 do votos dos vereadores no  plenário da Câmara Municipal, votação que poderá ocorrer no segundo semestre deste ano. " Acho importante a aprovação deste projeto, pois daria mais agilidade a vida de muita gente em Bom Despacho", disse o Vereador Ricardo Alvarenga (PSDB) em conversa com o Jornal Fique Sabendo. 

O Moto- Táxi já um serviço existente em outras cidades da região como Divinópolis, Nova Serrana, Formiga, entre outras localidades do Centro Oeste Mineiro. Além do deste serviço, a Câmara Municipal também deverá receber na pauta o projeto que regulamenta o Moto-Frete. 

Começa no dia 21 o cadastramento escolar 2015



O cadastramento escolar 2015 começa na próxima segunda-feira (21). Devem fazer o cadastro as crianças com seis anos completos ou que irão completar essa idade até 30 de julho de 2015, alunos que estão vindo de outras cidades e candidatos que desejam retornar aos estudos. O prazo termina no dia 25 de julho.


Para fazer o cadastro, os responsáveis devem ir até a sala do NUPAV (Avenida Ari Marques, 225, sala 4, Centro, abaixo da rodoviária) levando certidão de nascimento da criança, conta de luz recente, comprovante de escolaridade para alunos particulares ou candidatos que estão retornando aos estudos. É preciso levar o original e cópia de todos os documentos.

www.bomdespacho.mg.gov.br

segunda-feira, 14 de julho de 2014

POLÍCIA MILITAR APREENDE DROGAS E PRENDE AUTOR EM BOM DESPACHO

No dia 12 de Julho de 2014, militares da equipe Tático Móvel da 50ª Companhia de Policiamento compareceram à Avenida Ari Marques, na Praça da Estação, para averiguação de denúncia anônima sobre um indivíduo que estaria realizando a traficância de drogas nas proximidades dos banheiros externos da rodoviária. 

No local, foi visualizado o autor que, ao perceber que seria abordado pela guarnição policial, tentou evadir, dispensando ao solo dois papelotes de cocaína, porém foi contido pelos militares.  Durante busca pessoal foi localizado um aparelho de telefonia celular e a quantia de R$ 24,35 (vinte e quatro reais e trinta e cinco centavos) em dinheiro. 

Conforme consulta ao Sistema Integrado de Defesa Social, o suspeito possui passagens policiais pelos crimes de associação para o tráfico de drogas, uso/tráfico de drogas, roubos, dentre outros delitos. Diante dos fatos, o autor recebeu voz de prisão sendo encaminhado à Delegacia de Polícia Militar juntamente com as drogas e demais materiais apreendidos.                 

Assessoria de Comunicação Organizacional do 7º BPM



Vereador Dr. Fernando confere Antena Instalada no Engenho do Ribeiro

     O Vereador Dr Fernando Pediatraoi verificar pessoalmente a nova  Antena de telefonia móvel construída no Distrito do Engenho do Ribeiro. Obra foi  conquistada através do trabalho do parlamentar junto ao Governo do Estado e Deputado Arlen Santiago.

    "Tenho me esforçado e trabalhado muito para trazer melhorias para os moradores dos distritos e zona rural! Esta Antena vai ajudar a resolver o antigo problema da falta de sinal para os celulares e vai ajudar o povo do Engenho do Ribeiro e toda aquela região" disse o Vereador Dr.Fernando Pediatra.
   
    O vereador Dr. Fernando Pediatra tem se destacado pela sua atuação. O parlamentar foi o autor da denúncia de que havia alimentos vencidos em algumas escolas públicas da cidade. Além disso, tem pedido frequentemente a instalação de uma casa de apoio para pacientes de Bom Despacho em Belo Horizonte.