sábado, 21 de fevereiro de 2015

ALMG implementa ações para economia de água e energia

Diante da atual crise hídrica, a necessidade de economizar água e energia nunca esteve tão em pauta. Atenta a essa questão, a Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) está implementando uma série de medidas para a redução do consumo nas suas dependências.

Um dos focos dessa iniciativa é o ar condicionado, que consome ao mesmo tempo água e energia. “Estimamos que 40% do nosso consumo de água decorre do uso desses aparelhos”, explica o gerente-geral de Suporte Logístico da ALMG, Marcelo Silveira. Segundo ele, o objetivo é reduzir o consumo de água em cerca de 30%, percentual de economia recomendado pelo Governo do Estado a toda a população em função dos baixos níveis dos reservatórios que abastecem a Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Assim, o funcionamento do ar condicionado foi reduzido em uma hora. Além disso, a temperatura do ar foi elevada em um grau. No Edifício Carlos Drummond de Andrade, um dos anexos da ALMG, a refrigeração vem sendo desligada em alguns andares nos dias menos quentes.

Para garantir maior economia de água, está sendo reduzida a pressão nas torneiras das pias. Além disso, a instalação de arejadores vai proporcionar uma economia de 60% da água consumida no acionamento das torneiras. Outra providência para economizar água é a revisão das boias dos reservatórios. Também será estudada uma forma de se aproveitar a água produzida pelos condicionadores de ar instalados na cobertura do Palácio da Inconfidência, edificío sede do Poder Legislativo estadual.

Energia - As lâmpadas fluorescentes serão substituídas gradativamente por LEDs. Com isso, espera-se a redução de 44% no gasto de energia com iluminação, com uma economia anual de aproximadamente 53.919 kWh (o equivalente a R$ 290 mil).


fonte: ALMG

PRF apreende 1 tonelada de maconha em Bom Despacho

PRF apreende uma tonelada de maconha em Bom DespachoCerca de uma tonelada de maconha foi apreendida na madrugada deste sábado (21), pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Polícia Federal, em um posto de combustível, no km 474 da BR-262, em Bom Despacho, na região Centro-Oeste do Estado. Uma pessoa, que estaria ajudando no transporte da droga, também foi presa.
 
Segundo a PRF, agentes rodoviários abordaram, na tarde deste sábado, um motorista de 28 anos, em uma Mitsubishi L200, que ficou nervoso ao ser parado. A atitude levantou a suspeita dos policiais. Foi descoberto que o homem estava com identidade e carteira de habilitação falsas, além de ter um mandado de prisão contra ele em aberto. O suspeito foi preso.
 
Desconfiando da atitude do homem, a PRF enviou uma equipe em uma viatura descaracterizada até um posto de combustível próximo. No local, identificaram um veículo Fiat Strada, com placas de Barretos (SP), com forte cheiro de maconha. Os agentes fizeram contato com a Polícia Federal, que informou já estar monitorando a droga.
 
Durante a madrugada, um adolescente desceu de um veículo Gol e tentou sair com a Fiat Strada, quando foi interceptado e apreendido. Os veículos também foram apreendidos, mas outros envolvidos fugiram. 

Fonte. Hoje em Dia

Horário de verão: Sudeste e Centro-Oeste poupam o dobro do consumo de Brasília

Na véspera do fim do horário de verão, o Ministério de Minas e Energia estima que a redução da demanda de energia entre as 18h e as 21h tenha sido de até 1.970 megawatts (MW) no Subsistema Sudeste/Centro-Oeste, equivalente ao dobro do consumo de Brasília em todo o período em que esteve em vigor. No Subsistema Sul, segundo o ministério, a redução foi 625 MW, correspondendo a um total de 4,5% de economia em ambos os sistemas.
A previsão de ganhos com a redução do consumo total de energia é de cerca de 195 MW médios no subsistema Sudeste/Centro-Oeste, que equivale ao consumo mensal da cidade de Brasília, e 55 MW médios no Subsistema Sul, equivalente ao consumo mensal de Florianópolis.

A redução total de 250 MW corresponde a um percentual estimado de 0,5%, nos dois subsistemas. Além disso, estima-se que ocorreu um ganho de armazenamento de energia nas hidrelétricas de 0,4% no Sistema Sudeste/Centro-Oeste e 1,1% no sistema Sul.
Sistema Cantareira
O governo pensou em prorrogar o horário de verão por causa da falta de chuvas, que prejudica os reservatóriosDivulgação/Sabesp
O horário de verão começou no dia 19 de outubro de 2014 para os estados das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste e termina à 0h de domingo (22).

O principal objetivo do horário de verão é aproveitar melhor a luminosidade natural do dia, reduzindo o consumo de eletricidade no fim da tarde, quando é registrada maior demanda por energia. Recentemente, o pico de consumo tem ocorrido no início da tarde, principalmente por causa do aumento do uso de aparelhos de ar condicionado.

Este ano, o governo avaliou a prorrogação da vigência do horário de verão por causa da falta de chuvas, que prejudica os reservatórios das hidrelétricas, mas concluiu que o custo-benefício não valeria a pena.

Ag. Brasil

Prefeitura retoma operação Tapa-buracos

tapa buracos recenteA Prefeitura retoma a operação tapa-buracos por toda a cidade. O objetivo é reformar as vias que foram danificadas pelas chuvas recentes. “As principais vias da cidade estão recebendo mais de 100 toneladas de massa asfáltica CBUQ”, disse o secretário de Obras Juliano Barreto. Este tipo de massa asfáltica dura mais e mantém a reforma por mais tempo.


www.bomdespacho.mg.gov.br

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Pintor é Eletrocutado em Bom Despacho

Rodrigo Costa . Foto Facebook

  Rodrigo Costa foi  transferido de Helicóptero para BH

Foi transferido da unidade do Pronto Atendimento de Bom Despacho para o Hospital João XXIII em Belo Horizonte, o pintor Rodrigo Costa de 31 anos. Ele foi vítima de uma descarga elétrica, após colocar a mão em um cabo de transmissão quando descia de uma escada. 


De acordo com reportagem do Portal G1, militares conseguiram levá-lo ao Pronto de Atendimento Municipal, logo depois do acidente. Ainda conforme a publicação, o pintor pode ter recebido uma descarga elétrica de 3 mil volts. 

Rodrigo foi encaminhado de helicóptero até o Hospital João XX III. Momentos depois do ocorrido, amigos entraram com forte de corrente de orações por ele nas redes sociais.  



INAUGURAÇÃO DO RETRATO DO CORONEL WAGNER SOARES DE SANT'ANA NA GALERIA DE EX-COMANDANTES DO SÉTIMO BATALHÃO

No dia 12 de fevereiro de 2015, às 17h00min, autoridades de Bom Despacho,  Funcionários Civis, Policiais Militares e familiares reuniram-se na sala do Comando da Unidade para a cerimônia de Inauguração do Retrato do Coronel Wagner Soares de Sant'Ana na galeria de Ex-comandantes. 

Na corporação, a galeria de Ex-comandantes, significa a mais viva memória daqueles que contribuíram para a construção da História Polícia Militar especialmente o glorioso “Machado de Prata”. A solenidade contou com a presença do Tenente-Coronel Rodrigo Teixeira Coimbra, atual Comandante do Sétimo Batalhão de Polícia Militar que proferiu palavras de agradecimento ao 7º BPM e desejou sorte ao Coronel Wagner nessa nova etapa de sua vida. 

Dando sequência ao evento, o Coronel Wagner, discursou sobre os momentos em que esteve a frente do Comando e agradeceu a todos que de alguma forma contribuíram com a Policia Militar para o cumprimento da missão constitucional, a manutenção da Ordem Pública. O Padre Sebastião, Pároco da Paróquia Militar Santa Efigênia, ao final, agraciou os presentes com belas palavras. 

O Coronel Wagner comandou o Sétimo Batalhão no período compreendido de 05/02/2015 a 12/02/2015, e transferindo-se para o Quadro de Oficiais da Reserva (QOR) por completar 30 anos de efetivo serviço prestado à Polícia Militar de Minas Gerais.


Assessoria de Comunicação Organizacional - 7º BPM

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Carnaval deste ano teve menos acidentes e mortes nas estradas federais

O carnaval de 2015 foi considerado o menos letal dos últimos oito anos. O número de mortos, feridos e de acidentes registrados nas estradas brasileiras caiu em relação ao carnaval de 2014, conforme divulgou hoje (19) a Polícia Rodoviária Federal (PRF).

A redução de acidentes chegou a 22%, houve 18% menos feridos e o número de mortos caiu 28% na comparação dos dois carnavais. Os números são calculados com base em grupos de 1 milhão de veículos, cada. Entre sexta-feira (13) e quarta-feira de cinzas (18), foram registrados 2.785 acidentes no país, que resultaram em 120 mortes e 1.786 feridos.


Entre as melhorias estão os índices de três estados. No ano passado, Bahia, Minas Gerais e Paraná foram responsáveis por 40% das mortes registradas nas estradas durante o carnaval. Este ano, para mudar os índices, houve um reforço no efetivo, e os números caíram. Apesar da melhora, Minas Gerais – que teve redução de 47% nos óbitos com relação à frota - ainda apresentou a maior quantidade de acidentes e mortos em números absolutos. Devido às características de Minas, de ter a maior malha rodoviária federal, uma economia forte e grande frota de veículos, também serve de corredor de transporte para outros estados. Então, muitas pessoas de estados vizinhos utilizam as rodovias de Minas para transitar”, disse o coordenador da Operação Rodovida, Stênio Pires.“Nós atribuímos isso, em larga medida, à mudança de fiscalização da PRF e a outras situações desenvolvidas ao longo do período, como o próprio aperfeiçoamento da lei que trata do alcoolismo ao volante. Acreditamos que este ano o aperfeiçoamento da fiscalização nas estradas levou a este resultado, que superou, inclusive, as nossas expectativas”, disse o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo.


As colisões frontais foram responsáveis pelo maior número de mortes, apesar de não representarem o principal tipo de acidente. Esse tipo de batida é causado principalmente pela mistura de ultrapassagens forçadas, em locais proibidos, e alta velocidade. “A imprudência ainda ocasiona 85% dos acidentes. Os dois fatores principais são a ultrapassagem e a velocidade. E quando temos esses dois fatores somados, com certeza o acidente é grave”, reforçou Pires.

A PRF registrou também pessoas que dirigiram sob efeito de álcool. Foram feitos mais de 85 mil testes de bafômetro, que resultaram em 372 prisões de condutores e mais de 2 mil sanções administrativas: multas, recolhimento da carteira de motorista e retenção de veículos. O coordenador da operação acredita que as mudanças recentes na legislação brasileira, como o aumento do valor de multas para certas infrações, ajudaram na redução dos acidentes. “Quanto maior o rigor da legislação, melhor para a fiscalização. Tem o receio da população de ser autuado por conta da fiscalização”, acrescentou.

A Operação Carnaval faz parte da segunda etapa de uma ação mais ampla, a chamada Operação Integrada Rodovida. A medida conta com ação de diferentes órgãos dos governos federal, estaduais e municipais para reduzir a violência no trânsito. A primeira etapa da Operação Rodovida aconteceu entre os dias 12 de dezembro de 2014 e 31 de janeiro de 2015, e a segunda etapa teve início no dia 6 de fevereiro e termina no próximo dia 22.

Ag. Brasil

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Residência é arrombada no Bairro São José em Bom Despacho

Nesta semana mais uma residência foi invadida no Bairro São José em Bom Despacho.  Desta vez, quem acionou a Polícia  foi a vizinha da vítima, que estava de viagem. 

Segundo a ocorrência, a solicitante acionou a PM após visualizar que um dos portões da casa estava aberto. A vítima comunicou o fato ao seu irmão, o qual constatou o acontecimento do furto após comparecer na residência.

Conforme o BO, os ladrões levaram 3 televisores, sendo um de 51 polegadas de tela Led e outros  dois de 21 polegadas, além de um video game XBOX. 

 A Polícia ainda segue em rastreamento dos autores

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

PM apreende menor que jogou 5 buchas de maconha pelo muro

Durante o final da tarde desta segunda-feira, 16, militares visualizaram um menor que arremessou uma sacola branca por cima de um muro na rua Lopes Cançado em Bom Despacho. 

Após averiguarem o local, os militares encontraram 1 nota de R$ 10,00 e 5 buchas de maconha que  estavam prontas e embaladas para o comércio. 

Após a apreensão da droga, os militares  encaminharam  o menor para a Delegacia de Policia Civil para prestar depoimento.  

Polícia prende 4 suspeitos de furto de combustível em Bom Despacho

Na manhã desta segunda-feira, 16, a Polícia Militar  prendeu 4 pessoas suspeitas de furto  de combustível de carretas de uma transportadora, que estavam estacionadas no pátio do Posto Primavera em Bom Despacho. 

De acordo com a ocorrência, a PM encontrou 6 galões cheios de combustível, sendo que 2  eram de álcool incolor, 4   de álcool avermelhado  e  um de 50 litros de álcool incolor. 

Após a prisão, PM levou os suspeitos para prestarem depoimento a Delegacia de Polícia Civil. O material também foi apreendido pelos policiais. 

Inadimplência do consumidor aumenta 4,1% no primeiro mês do ano

A inadimplência (atrasos no pagamento de prestações) do consumidor aumentou 4,1% no primeiro mês de 2015 em relação a dezembro do ano passado, o maior percentual de alta mensal registrado em um mês de janeiro, desde 2003, quando o índice de aumento foi 7,1%.

Na comparação com janeiro de 2014, houve crescimento de 16,7%, o que significa o maior ritmo de aumento dos últimos quatro meses, seguindo o mesmo critério de comparação usado pela empresa Serasa Experian, responsável pela pesquisa.

Os economistas da empresa acreditam que a alta da inadimplência no mês passado, tanto em relação a dezembro de 2014 quanto na comparação interanual, reflete as crescentes dificuldades que o consumidor brasileiro está encontrando para honrar seus compromissos financeiros.

Em nota, a entidade diz que “aumentos sazonais de impostos e taxas (como IPTU e IPVA), realinhamento de vários preços administrados (energia elétrica, transporte urbano, combustíveis), elevações nas taxas de juros e enfraquecimento do mercado de trabalho estão entre as causas que começam a delinear um cenário menos benigno para a inadimplência do consumidor”.

As dívidas não bancárias foram as principais responsáveis pela alta em janeiro, com elevação de 10,4% ante o mês anterior. Essas dívidas correspondem a cartões de crédito, financeiras, lojas em geral e prestadoras de serviços como telefonia e fornecimento de energia elétrica e água, entre outros.

Já a inadimplência com os bancos, apresentou crescimento de 0,3%. Os títulos protestados e os cheques sem fundos apresentaram quedas de 12,3% e 9,9%.

Ag. brasil
 

Serviço de Proteção ao Crédito alerta foliões sobre problemas durante o carnaval

cartões de créditoO Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil ) faz uma alerta neste carnaval sobre os problemas que os foliões podem ter se perderem os documentos ou forem vítimas de roubo, principalmente da identidade ou do CPF. O órgão destaca que três em cada dez brasileiros (28%) já foram vítimas de fraudes incluindo a clonagem do cartão de crédito e o uso de nome falso para fazer compras ou tomar empréstimos.

O primeiro passo para diminuir o risco de ser vítima de algum tipo de golpe, segundo os especialistas do SPC, é evitar levar documentos pessoais e importantes para os locais do carnaval principalmente onde a concentração de pessoas é maior como nos blocos de rua, nos ensaios de escolas de samba, em festas ou em casas noturnas.

O ideal é carregar apenas o essencial e manter tudo protegido. É importante também anotar os dados do cartão e do cheque, além do telefone do serviço de atendimento ao consumidor do banco, acrescenta o SPC.

Caso ocorra um imprevisto, fazer um boletim de ocorrência é tão importante quanto cancelar o cartão de crédito por perda ou roubo. A pesquisa mostra ainda que a maioria não adota as duas práticas. Outra recomendação é que o consumidor entre em contato com o Procon e com o SPC Brasil, que evitará assim a liberação de informações para a atuação de pessoas mal intencionadas.

Ag. Brasil

Preços dos alimentos na Venezuela subiram 102,2% em 2014, informa BC

Governo da Venezuela tenta conter o desabastecimento no país Leandra Felipe/Agência BrasilOs preços dos alimentos e das bebidas não alcoólicas subiram 102,2%, em 2014, segundo dados divulgados hoje (16) pelo Banco Central da Venezuela (BCV), incluídos no Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). Segundo o BCV, entre janeiro e dezembro de 2014, a inflação acumulada foi 68,5%, índice superior aos 56% de 2013.


Várias regiões do país apresentaram valores inflacionários superiores à média nacional, com Valência destacando-se como a cidade mais cara do país (78,6%), seguida de Barquisimeto e Maturín, ambas com 72,4%, San Cristobal e Cidade Guayana com 71,6% e 71,1%, respectivamente.Os preços das bebidas alcoólicas e tabaco subiram 90,8% e os dos restaurantes e hotéis, 81,4%. Nos setores de educação e transporte foram registradas inflações de 60,8% e 59,7%, respectivamente.


De acordo com o BCV, as cidades de Caracas e Barcelona registraram inflação de 64,7% e 62,2% respectivamente.

Os venezuelanos queixam-se frequentemente dos preços elevados e de dificuldades para conseguir alguns produtos básicos como leite, óleo, café, açúcar e margarina, entre outros.
Na Venezuela, um café custa 45 bolívares (6,32 euros), uma maçã está em torno de 40 bolívares (5,61 euros), um quilograma de queijo ou de fiambre (presunto cozido) custa 490 bolívares (68,82 euros) e uma sopa ronda os 160 bolívares (22,40 euros).

Ag. Brasil