Prefeito Fernando Cabral tem prazo de 30 dias para apresentar defesa em processo administrativo

Prefeito Fernando Cabral
No dia 23 de Dezembro de 2015, foi publicado pelo Diário Oficial da União, órgão informativo oficial do Governo Federal, que Fernando Cabral, antes gerente sócio da Padrão IX Informática e atualmente Prefeito de Bom Despacho, tem o prazo de 30 dias para apresentar a sua Defesa no processo administrativo do CADE, instaurado pelo órgão  em Julho de 2015. 

O processo administrativo instaurado pelo CADE (Conselho Administrativo de Defesa Ecônomica), órgão integrado ao Ministério da Justiça,  tem o objetivo de apurar as denúncias do Ministério da Educação de que havia suspeitas de cartel em licitações de Tecnologia da Informação entre os anos de 2000 a 2009. A investigação envolveu 15 empresas e 32 pessoas, no qual incluiu  o chefe do  Poder Executivo de Bom Despacho.

Para se ter ideia, o processo foi instaurado quando o MEC, em 2005, abriu um edital de licitação para o serviço de tecnologia da informação. Na época, mais de 30 empresas interessaram em participar, mas somente 2 compareceram ao leilão. Com isso, surgiu a suspeita de formação de cartel, sendo logo apurado por investigações feitas pela Polícia Federal e pelo CADE. 

Em novembro de 2015, quando Jornal Fique Sabendo publicou a notícia do processo administrativo do CADE, o Prefeito Fernando Cabral afirmou à sua reportagem  que quando os fatos ocorreram em 2005, ele já havia se afastado da empresa e logo se mudado para Bom Despacho para trabalhar no segmento de reciclagem. 





Comentários