Paciente com suspeita de dengue, zika ou chikungunya deve procurar sua UBS, diz Prefeitura de Bom Despacho

Nos últimos meses, a Prefeitura de Bom Despacho através da Secretaria Municipal de Saúde tem procurado combater os focos do mosquito Aedes Aegypt, que é transmissor da Dengue, Zika e Chikungnya. Mas a ação ainda não conquistou o resultado necessário, tanto que existem vários casos de suspeitas das doenças em alguns bairros da cidade. 

Com isso, a Prefeitura de Bom Despacho esclarece em nota que os pacientes com suspeitas das doenças causadas pelo mosquito transmissor devem procurar as UBS mais próximas de suas residências. Segundo o Executivo, 'Lá, eles passarão pelo acolhimento, atendimento médico e, se necessário, serão encaminhados para o Pronto Atendimento'. 

Os UBS (Unidades Básicas de Saúde) atendam de segunda a sexta, de 7 ás 17h.  "Nossas unidades básicas, também, estão preparadas para receber os pacientes com suspeita de dengue, zika e chikungunya", explica  a secretária de Saúde, Neide Braga.

LIRAE

Em novembro de 2015, Bom Despacho chegou a ocupar o segundo lugar em Minas Gerais, com um dos maiores índices de infestação do Aedes Agypti. Os dados são LIRAE (Levantamento Rápido de Infestação do Aedes Aegypti), realizado pelo Ministério da Saúde. 

Comentários