sábado, 17 de setembro de 2016

Colisões de veículos com postes prejudicam 800 mil clientes em 2016

Treze postes são danificados diariamente na área de concessão da Cemig
Image result for colisoes em postes mgA Cemig registrou, no primeiro semestre deste ano, 2.354 ocorrências de postes da companhia abalroados por veículos, o que gerou interrupção no fornecimento de energia elétrica para cerca de 800 mil clientes e prejuízo para a empresa de aproximadamente R$ 8,5 milhões. Em 2015, a companhia constatou 4.984 acidentes e prejuízo para 1,6 milhãode unidades consumidoras.

Somente na região Oeste, aconteceram 230 colisões de veículos com postes no primeiro semestre deste ano, que deixaram cerca de 77 mil consumidores da Cemig sem eletricidade.

Em uma ocorrência desse tipo,  as equipes da Cemig vão ao local para avaliar os danos e, consequentemente, eliminar os riscos de segurança à população. Em muitos casos, os serviços são complexos e demandam várias horas de serviços, uma vez que é preciso retirar o veículo, substituir ou reconstruir o poste e toda a rede elétrica.

Na maioria dos casos, o trabalho da Cemig depende também da ação de outros órgãos públicos, como a Polícia Militar, os órgãos de trânsito da cidade e o Corpo de Bombeiros, uma vez que os acidentes podem ocasionar vítimas, incêndios e interdições de vias.

Colisões são frequentes

Em média, 13 postes são abalroados diariamente na área de concessão da Cemig, causando um prejuízo anual de, aproximadamente, R$ 18 milhões à companhia. A troca de cada poste custa cerca de R$ 3.750. De acordo com Fernando César Bragança, engenheiro de Planejamento do Sistema Elétrico da Cemig, quem abalroa o poste é comunicado pela Cemig para arcar com os custos.

“O motorista que colide o veículo com o poste tem prazo de até 60 dias para ressarcir o prejuízo causado à Cemig. Se ele não pagar dentro desse período, é responsabilizado judicialmente”, afirma.

Fernando César Bragança esclarece, ainda, que os postes abalroados escorados com madeiras são soluções paliativas para que a energia seja estabelecida o mais rapidamente possível.  “Os postes escorados são completamente seguros e possuem a mesma capacidade do poste normal”, comenta.

Ass. Imp. Cemig

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Após reportagem do Jornal Fique Sabendo, Prefeitura instala Lombofaixa na Rua Picão Camacho

No último mês de agosto, a equipe de reportagem do Jornal Fique Sabendo compareceu a Rua Picão Camacho no Bairro Ozanan em Bom Despacho, após receber informações dos moradores de que havia risco de atropelamento no local, uma vez que os veículos trafegam em alta velocidade pela via. 

E um dos locais mais perigosos fica mais próximo a ABAP, caminho geralmente usado por crianças  que estudam na Escola Municipal João Dornas Filho. "Agora, ficaremos tranquilos, porque havia risco para todos que andavam por aqui", disse Adênis Maria, moradora da rua Picão Camacho em conversa com o Jornal Fique Sabendo. 

Na  época  que foi realizada a reportagem, a Prefeitura Municipal de Bom Despacho informou que faria uma Lombofaixa próximo à ABAP, para evitar quaisquer riscos a população,  e nessa semana, a Secretaria Municipal de Trânsito executou a obra. 

terça-feira, 13 de setembro de 2016

IMA estabelece normas para a fiscalização da adição de água em frangos e do congelamento de pescados

        Objetivo é combater possíveis fraudes no peso final dos produtos, em prejuízo ao consumidor.                                                              Irregularidades podem ser denunciadas


imagem de destaqueInstituto Mineiro de Agropecuária (IMA) publicou em 8 de setembro no Minas Gerais, Diário Oficial do Estado, duas portarias que aprimoram o controle da fiscalização nas indústrias do processo de adição de água em carcaças de aves (frangos inteiros) e em cortes de aves e de glaciamento de pescados.

As duas portarias determinam normas às empresas que auxiliarão a fiscalização realizada pelos profissionais do IMA no combate a possíveis fraudes econômicas no peso final destes produtos.
A Portaria 1655, de 31 de agosto deste ano, estabelece os parâmetros para a revisão e implantação do Programa de Prevenção e Controle da Adição de Água em Carne de Ave (PPCAACA).  A legislação brasileira prevê que o peso final do frango  congelado na venda ao consumidor não pode ultrapassar o percentual de 8% de água no produto.
Este percentual permite, inclusive, a hidratação das carnes. O PPCAACA elaborado pelas empresas tem a função de, justamente, criar mecanismos para que o limite de 8% não seja ultrapassado.
Para garantir  que tanto as carcaças como os cortes de aves não tenham adição de água superior aos 8% permitidos, as empresas que produzem carne de aves e estão registradas no IMA deverão, num prazo de 60 dias,  apresentar ao Instituto a revisão e implantação do seu PPCAACA. 
A Gerência de Inspeção (GIP) do IMA  revisou a legislação e estipulou novos parâmetros de controle para evitar que estes produtos cheguem ao consumidor com nível de água superior ao permitido.
Pescados
A Portaria 1651, de 29 de agosto deste ano, estabelece o limite máximo de glaciamento em pescados congelados. O glaciamento consiste no  congelamento por imersão rápida em água gelada ou spray de água gelada, ação que cria uma película de gelo no produto, evitando a oxidação e garantindo sua qualidade para o consumo.
Essa película deverá ser de no máximo 20% de água. O peso líquido do produto (peso do peixe sem glaciamento) deverá ser discriminado e informado na rotulagem. Essa portaria dará ao serviço de inspeção do IMA os parâmetros necessários para a fiscalização do limite máximo de glaciamento nas empresas de pescados.
O diretor-geral do IMA Marcílio de Sousa Magalhães ressalta a importância de o  consumidor estar atento ao peso, tanto das carcaças e cortes de aves como dos pescados, no momento da compra destes produtos, pois ele deverá pagar apenas pelo peso líquido, que deverá constar nos rótulos.
“A fraude tem consequências financeiras, mercadológicas e sanitárias, por isso o IMA fiscaliza e será implacável com aqueles que insistem nessa prática”, afirma Magalhães.
O dirigente completa que, em caso de desacordo das informações do rótulo em relação ao peso real do produto, o consumidor deverá denunciar o fabricante aos órgãos competentes. Se for empresa registrada no IMA, as denúncias poderão ser feitas pelo telefone 155 ou pelo fale conosco do Instituto: ima@ima.mg.gov.br.

 Ag. Minas

Polícia apreende menores que furtaram veículo em Bom Despacho

Foto do Veículo após o acidente. 
Na noite da última segunda-feira, 12, por volta das 21h40, militares foram acionados a comparecerem a Av. Vivalde Brandão, Bairro Jardim América,  após  3 menores furtarem  um Fiat Pálio de cor Branca. Logo em seguida, os policiais conseguiram avistar o veículo que estava em alta velocidade. 

Segundo o Boletim de ocorrência, os autores atiraram contra os policiais, que também revidarem com disparos. Momentos depois, em um cruzamento na Avenida Rio de Janeiro no Bairro São Vicente, o condutor perdeu a direção e se chocou com um muro e um banco de concreto. Foi acionada a ambulância, na qual enfermeira constatou que o motorista havia morrido. 

Ainda conforme a Polícia Militar, outros dois menores foram apreendidos e posteriormente encaminhados à Delegacia de Policia Civil de Bom Despacho. Já o veículo foi removido para o pátio credenciado do Detran, e apesar de tanta busca, a arma que estava com os menores não foi encontrada. 

Bom Despacho registra fechamento de 45 empresas no primeiro semestre de 2016

Image result for empresas fechadasO atual cenário econômico do país não é uns dos tão animadores, tanto que mais de 11 milhões de brasileiros estão desempregados. Recentemente, segundo reportagem divulgada pelo Portal G1, a Região Centro Oeste do Estado de Minas Gerais  registrou mais de 306 empresas fechadas nas cidades de Divinópolis, Nova Serrana e Bom Despacho. 

Em Bom Despacho, de acordo com o levamento da JUCEMG (Junta Comercial do Estado de Minas Gerais), cerca de 45 empresas fecharam as portas durante o primeiro semestre desse ano. Na vizinha Nova Serrana, considerado o maior pólo calçadista do país e um dos maiores centros empregadores do estado, 90 negócios foram interrompidos . 

Já em Divinópolis, maior cidade da região, o número foi o maior registrado com 171 pontos de trabalho fechados. Os números de fechamento das empresas é maior do que nos anos de 2014 e 2015 durante o mesmo período que foi avaliado pela JUCEMG. 

Em maio desse ano, conforme dados divulgados do CAGED (Cadastro de Empregados e Desempregados) do Ministério do Trabalho, Bom Despacho não chegou a estar entre as 41 cidades do estado que mais geram emprego. O município foi superado  pelos municípios na Região Centro Oeste do Estado como  Arcos, Lagoa da Prata, Bambuí, Sacramento, Pinhuí e por até mesmo por  municípios com número inferior  de habitantes na Região  do Sul de Minas como Santa Rita do Sapucaí, 

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

LOJA DE FERRAGENS É ASSALTADA EM BOM DESPACHO

Image result for policia militar bom despacho mgNa última sexta-feira, 09, por volta das 15h, uma loja de ferragens foi assaltada no Bairro Dom Joaquim em Bom Despacho. Os autores levaram dinheiro, cheques e mais dois aparelhos celulares e um sem fio. 

Segundo o solicitante que acionou a Polícia, compareceram dois indivíduos montados numa motocicleta, e de posse de um revólver, anunciou o assalto. Eles conseguiram levar cerca de R$ 4200,00 em cheques e dinheiro, além dois celulares e um telefone sem fio.  

Após o crime, os bandidos fugiram rumo a BR 262. 



Ônibus de linha é assaltado na Zona Rural

Image result for viação sao cristovao bom despacho araujosPor volta das 14h30 da última sexta-feira, 09, um funcionário da empresa Viação São Cristóvão compareceu a sede da Polícia Militar em Bom Despacho, após ter sido vítima de assalto na Zona Rural de Araújos. A vítima é cobrador da linha de transporte Bom Despacho/Araújos. 

Segundo relato do funcionário à Polícia Militar, durante o trajeto próximo ao Capivari dos Eleutérios, zona rural de Araújos, quando o ônibus  passava por um mata-burro,  havia um pedaço de madeira que impedia a passagem, momento no qual  apareceu um indivíduo que  saiu do mato com revólver em punho, anunciou o assalto e levou a pochete do cobrador. 

De acordo com o BO, o autor efetuou dois disparos antes de fugir, posteriormente  mandou o ônibus seguir e fugiu  para rumo desconhecido. Como o local não possuía área de serviço telefônico, os passageiros desembarcaram na Rodoviária de Bom Despacho e o  funcionário assaltado compareceu ao Quartel da PM para registrar o crime.  

Famorine e Esplanada se reencontrarão na final de Municipal

Image result for futebol amador mgApós quase um ano que Famorine e Esplanada disputaram a final do Municipal de 2015, na qual edição o Celeste se consagrou campeão, os dois rivais irão novamente brigar pelo título do principal campeonato de futebol amador de Bom Despacho em 2016. Os dois times conseguiram ir à final, após baterem Ipiranga e Recreativo respectivamente. 

No sábado, 10, depois ter vencido a primeira partida por 1 a 0 no último final de semana no Distrito do Engenho do Ribeiro, o Famorine derrotou o Ipiranga por 4 a 2.   Com o resultado, a equipe de Testel e Xandim agora se prepara para a revanche. Em 2015, o Verdão do Bairro de Fátima foi vencido pelo Esplanada na final do torneio por 4 a 2 em casa e viu o título escapar de suas mãos, mesmo tendo  2 jogadores a mais em campo diante do adversário. 

Já o Esplanada, que continua invicto na competição, venceu o Recreativo por 2 a 0 no Estádio Chico Marques no domingo, 11, e agora tenta o tetracampeonato alternado e bicampeonato seguido, já que em 2015, o time de Lelinho e Cia levantou o caneco.

Pela categoria aspirantes, o título do campeonato será decidido por Cristalino e Ipiranga. As datas das finais serão divulgadas pela Liga Municipal de Desportos de Bom Despacho durante a semana.