Governo de Minas Gerais publica novo lote contendo 1.500 nomeações de servidores da Educação

                     Com esse novo lote, já são 11.755 novos profissionais nomeados apenas em 2017

Related imageO Governo de Minas Gerais publicou, no último sábado (02/9), mais uma lista com a nomeação de 684 servidores para a Educação. Nesta terça-feira, dia 05, uma nova lista com mais 816 nomes será publicada no Diário Oficial do Estado, totalizando, com isso, 11.755 novos profissionais nomeados somente em 2017.

O sexto lote contendo 1.500 nomeações contempla: 52 professores de Ensino Religioso do edital SEE/Seplag nº 03/2014, 143 especialistas de Educação Básica do edital SEE/Seplag nº 04/2014;1.286 regentes de aulas do edital SEE/Seplag nº 04/2014; 19 especialista em Educação Básica para a Educação Especial do edital SEE/Seplag nº 05/2014.

Com essa nova listagem, o número de servidores nomeados desde o início da gestão do governador Fernando Pimentel chega a 48.927, dos quais 81,5% são professores.   

O secretário de Estado de Planejamento e Gestão, Helvécio Magalhães, ressalta que as nomeações na Educação são um compromisso do governador Fernando Pimentel. “Mesmo com toda a restrição financeira, já conseguimos nomear mais de 42% de professores efetivos. Isso mostra o compromisso desse Governo com a educação de qualidade para todos os mineiros e mineiras”, afirma Magalhães.

Já o subsecretário de Gestão de Recursos Humanos da Secretaria de Estado de Educação, Antônio David de Sousa Júnior, destaca o que esta medida representa para a categoria e para a Educação no Estado. “Com essa nova publicação, nos aproximamos de um número extraordinário de 50 mil nomeações. Essa medida evidencia o compromisso do governo com a valorização do magistério e com o fortalecimento dos alicerces da educação pública em Minas Gerais. E contribui diretamente para a melhoria dos processos de ensino e de aprendizagem. Isso traz uma maior estabilidade para o sistema e reflete, lá na ponta, na gestão da escola e no aprendizado dos estudantes”.

Exames

Uma vez publicada a nomeação, o aprovado deve submeter-se a exame médico pré-admissional, a ser realizado pela Superintendência Central de Perícia Médica e Saúde Ocupacional (SCPMSO) da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), nas datas e horários que serão publicados no site da Seplag. Após a perícia, os aprovados têm 30 dias para tomar posse.

Ag. Minas

Comentários