domingo, 14 de junho de 2020

SAMU CENTRO-OESTE COMPLETA TRÊS ANOS





No último dia 6, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) completou três anos de atuação na região Centro-Oeste de Minas Gerais. O serviço beneficia mais de 1,3 milhão de pessoas em 54 municípios da Macrorregião Oeste de Saúde. Para implantação do Samu, o governo do Estado investiu R$7 milhões no convênio de instituição e R$3,9 milhões na compra de 31 ambulâncias para a composição da frota.

“Os três anos da implantação do Samu em nossa região merecem ser lembrados e comemorados pela importância do serviço. Trata-se de uma luta que abracei desde o primeiro dia da minha primeira legislatura na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). Foram muitas reuniões, ofícios e requerimentos até sermos atendidos pelo então governador de Minas. Não tenho dúvidas que a implantação do Samu Centro-Oeste está entre as nossas principais conquistas, afinal, significa o salvamento de vidas. São 54 municípios atendidos por meio da nossa ação”, comemora o deputado Fábio Avelar.


De acordo com o secretário Executivo do CIS-URG Oeste (Samu), José Márcio Zanardi, nestes três anos de atuação, são mais de 700 mil ligações, com cerca de 300 mil atendimentos, entre saídas de ambulâncias e orientações médicas. “Temos muito orgulho de cumprir nossa missão. E somos gratos à União, ao Estado, aos prefeitos dos 54 municípios e a todos que contribuíram para implantação do Samu, em especial, a todos os agentes políticos, como o deputado Fábio Avelar, que está conosco nos apoiando e sempre disponível desde o início de nossa caminhada. Com o Samu, estamos há três anos salvando vidas”, agradece e celebra Zanardi.

O serviço de saúde funciona com 24 bases descentralizadas, localizadas de forma estratégica, garantindo um tempo de resposta médio de 19 minutos, desde a chamada pelo telefone até a chegada da ambulância no local de atendimento. Entre as unidades móveis de socorro, estão sete Unidades de Suporte Avançado (USAs), com equipe composta por um médico, um enfermeiro e um condutor socorrista, e 24 Unidades de Suporte Básico (USBs). Nas USBs, a equipe é composta por um técnico em enfermagem e um condutor socorrista.

Desta forma, a região conta com atendimento de saúde 24 horas por dia, por meio de equipes especializadas e preparadas, compostas por médicos, enfermeiros, técnicos em enfermagem, além dos condutores dos veículos, farmacêuticos e trabalhadores administrativos, que o deputado Fábio Avelar sempre faz questão de homenagear.
"Aproveito a oportunidade para agradecer a todos os socorristas e demais profissionais, que fazem parte das equipes de atendimento, pelos serviços ágeis e zelosos, que salvam vidas. Tenho ouvido vários depoimentos que mostram o cuidado e o carinho desses servidores às vítimas socorridas e familiares das mesmas", lembra Avelar.

Para a prestação deste serviço, foram construídas bases de apoio em 23 municípios, locais onde ficam as ambulâncias. Em Divinópolis está a Central de Regulação das Urgências, onde se recebe as ligações do telefone 192 de toda região Centro-Oeste. A comunicação com as ambulâncias é feita em tempo real por satélite, com sistema moderno de transmissão, garantindo o acionamento de qualquer uma das equipes, com geolocalização do evento da urgência, em segundos. As demais bases estão localizadas em Nova Serrana, Pitangui, Arcos, Cláudio, Itapecerica, Luz, Campo Belo, Oliveira, Bom Despacho, Bambuí, Dores do Indaiá, Formiga, Candeias, Carmópolis de Minas, Santo Antônio Monte, Santo Antônio do Amparo, Itaguara, Itaúna, Pará de Minas, Martinho Campos, Pimenta e Lagoa da Prata.

Ampliação

“No momento, já estamos lutando pela ampliação do Samu na região. Na terça-feira, dia 9, por exemplo, tivemos uma reunião com o secretário de estado de saúde, Carlos Eduardo Amaral, solicitando, entre outras coisas, a ampliação do Samu em Nova Serrana, Bom Despacho, Divinópolis, enfim, na região. Inclusive, estava acompanhado do prefeito de Bom Despacho, Dr. Bertolino. Precisamos de mais veículos de resgates. Recentemente, tivemos aprovadas mais uma USA para Pará de Minas e a implantação da Base de Pains, já que a de Pimenta está saindo da Macrorregião Oeste. Também temos as solicitações das implantações de duas USAs, uma em Bom de Despacho e outra em Lagoa da Prata, ambas em análise”, afirma o deputado Fábio Avelar.

O deputado ressalta ainda satisfação de saber que a população reconhece a importância desse serviço. "Sem dúvidas, o Samu é fundamental, está consolidado em nossa região e tem salvado muitas vidas. Temos inúmeros relatos de pessoas e famílias socorridas dando o testemunho de sua importância. Uma honra ter trabalhado e participado, efetivamente, de sua implantação”, finaliza o deputado Fábio Avelar.

Confira os 54 municípios atendidos pelo Samu Centro-Oeste de Minas Gerais.

Conquista fundamental do  deputado Fábio Avelar. 

Bom Despacho, Dores do Indaiá, Estrela do indaiá, Luz, Martinho Campos, Moema, Serra da Saudade, Araújos, Arcos, Carmo do Cajuru, Cláudio, Divinópolis, Itapecerica, Japaraíba, Lagoa da Prata, Pedra do Indaiá, Perdigão, Santo Antônio do Monte, São Gonçalo do Pará, São Sebastião do Oeste, Bambuí, Córrego Danta, Córrego Fundo, Formiga, Iguatama, Medeiros, Pains, Pimenta, Tapiraí, Itaguara, Itatiaiuçu, Itaúna, Piracema, Conceição do Pará, Igaratinga, Leandro Ferreira, Nova Serrana, Onça de Pitangui, Pará de Minas, Pitangui, São José da Varginha, Aguanil, Camacho, Campo Belo, Cana Verde, Candeias, Carmo da Mata, Carmópolis de Minas, Cristais, Oliveira, Passa Tempo, Santana do Jacaré, Santo Antônio do Amparo e São Francisco de Paula.

Nenhum comentário:

Postar um comentário