segunda-feira, 19 de outubro de 2020

Eutanásia em Animais é regulamentada pelo Conselho Federal de Medicina Veterinária

  





Na última semana a Prefeitura Municipal de Bom Despacho sancionou a Lei da Eutanásia que sacrifica animais em estado irreversível de Saúde, ou seja, situação em que morte é  a melhor solução para terminar o sofrimento do bicho.


Após a sanção  da Lei que foi aprovada pela Câmara Municipal de Bom Despacho houve manifestos nas redes sociais, nos quais na maioria, se demonstraram desfavoráveis a promulgação da Lei.


Por causa de inúmeros comentários que surgiram em meio às redes sociais, o Prefeito Dr Bertolino ao lado   de Norzila Campos, presidente da Associação do Bicho Amigo,  publicaram um vídeo no qual esclarece que a Lei está seguindo um método  científico regulamentado e  estabelecido do Conselho Federal de Medicina Veterinária e que o objetivo principal é proteger os animais.


Vale lembrar que a Resolução de número 1000 de 11 de Maio de 2012 do Conselho Federal de Medicina Veterinária estabelece que Eutanásia pode ser iniciada nas situações em que o bem estar do animal estiver comprometido de forma irreversível  sendo um meio de eliminar a dor ou o sofrimento dos animais, os quais não podem ser controlados por meio de analgésicos, de sedativos ou de outros tratamentos. 


A regulamentação também informa que o animal que tenha uma doença incurável e  ameaça a saúde da  população deverá ser sacrificado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário