sexta-feira, 16 de abril de 2021

Una oferece teleatendimento gratuito em Fisioterapia e Psicologia


Inscrições podem ser realizadas através do site da instituição.


Estão abertas as inscrições para o teleatendimento em Fisioterapia e Psicologia, realizados pelos estudantes da Una Bom Despacho e Una Divinópolis, respectivamente, sob orientação de professores da IES. Os atendimentos serão agendados e gratuitos, realizados através de uma plataforma digital. 

O teleatendimento em Fisioterapia, realizado pelos alunos do último ano do curso superior em Fisioterapia do Centro Universitário Una Bom Despacho, é direcionado para pessoas com disfunções ortopédica, neurológica ou cardiorrespiratória e que necessite de Fisioterapia. As contraindicações serão analisadas pelos alunos e professores em uma avaliação inicial, antes do início do tratamento. 

A coordenadora do curso de Fisioterapia, professora Daniela Vasconcelos, destaca que este é um trabalho novo e o acompanhamento à distância é de fundamental importância neste período da pandemia do coronavírus. “O teleatendimento tem ajudado os acadêmicos a darem continuidade aos tratamentos dos seus pacientes, mesmo que a distância. Com isso, os pacientes conseguem manter os cuidados necessários e, ainda têm a oportunidade de continuar realizando seu tratamento”, destaca. 

Os atendimentos são gratuitos e as inscrições podem ser realizadas pelo site https://www.una.br/atendimentofisioterapia-bomdespacho . 


Psicologia

O teleatendimento na clínica escola do curso de Psicologia da Faculdade Una Divinópolis é realizado pelos estagiários do curso, sob orientação de um professor, e direcionado para toda população com idade acima de 18 anos e de qualquer localidade. 

Os atendimentos serão realizados de forma remota e on-line, através de uma plataforma disponibilizada pela Instituição. Gratuitas, as inscrições podem ser realizadas pelo site: https://www.una.br/atendimentopsicologico-divinopolis

A coordenadora do curso de Psicologia, professora Fernanda Francischetto reforça que o teleatendimento contribui para o cuidado com a saúde mental em um momento em que enfrentamos um grande desafio sanitário, social e emocional, além da pandemia da Covid-19.

 “A formação do nosso aluno se torna diferenciada, porque mediante este contexto, há necessidade de se repensar enquanto profissional. O teleatendimento oportuniza esta experiência de desenvolver por meio da tecnologia, uma escuta qualificada de uma população que está vivendo sofrimento intenso em decorrência desta situação. Para a população, o teleatendimento se torna uma oportunidade de ser assistido e ter um local onde possa recorrer, preservando o cuidado, através do isolamento social, e buscando o bem estar”, finaliza.

Ass. Imp. Una Bom Despacho 

Nenhum comentário:

Postar um comentário