POLICIAIS MILITARES DO 7º BPM APREENDEM MAIS 05 ARMAS


Em Lagoa da Prata, na tarde de 24 de março, por volta de 14:00, após acionamento do Plano de Cerco/Bloqueio e Interceptação feito pela PMMG de Arcos, onde três indivíduos haviam roubado dinheiro de um cidadão que havia adentrado em uma Vídeo Locadora e evadiram-se em um veiculo Honda City preto, com placas EGQ-4774/IBIUNA/SP, os PM avistaram o referido automóvel na Rodovia MG – 170, próximo ao trevo do distrito do Capoeirão, dando início ao acompanhamento visual, sentido a cidade.

Próximo a fábrica de calçados, os PM tentaram a abordagem policial, momento em que os ocupantes do veículo evadiram para uma estrada de terra que dá acesso ao Bairro Sol Nascente. O planejamento de cerco foi bem sucedido, até que foi interceptado e abordado, com três ocupantes. Na presença de testemunhas, os PM iniciaram as buscas, sendo encontrados em um compartimento, atrás do porta-luvas, a quantia de R$ 35.000,00 (trinta e cinco mil) reais em dinheiro e cheques, 01 (uma) pistola .40 marca TAURUS, com numeração raspada, estando municiada e carregada com 07 (sete) cartuchos intactas. Após estes fatos uma Guarnição da PM da cidade de ARCOS/MG, compareceu no local da abordagem trazendo a vítima do roubo que reconheceu os suspeitos.

Em Martinho Campos, no mesmo dia, por volta de 16:00 horas, uma Guarnição PM se deslocou até o Subdestacamento de Albert Isaacson, onde os militares cumpriram um mandado de busca e apreensão na residência do indivíduo M. C. da S., que presença de testemunhas, foi localizada, dentro de um baú com roupas, 01 (um) revólver calibre .22, municiado com 03 (três) cartuchos e com 07(sete) munições no coldre, além de outros materiais usados em armas de fogo e também 11(onze) redes para pesca. O indivíduo não apresentou o registro da arma e foi notificado pelos petrechos de pesca.
Em Nova Serrana, por volta das 17:00 horas, os policiais militares da 100ª Cia PM Especial deslocaram para o Bairro André de Freitas, onde em cumprimento a um Mandado de Busca e Apreensão, expedido pelo MM Juiz de Direito da Comarca de Nova Serrana/MG, e na presença de testemunhas, efetuaram uma busca na residência do suspeito A. L. S., 26 anos, onde foi localizado em seu quarto, 01 (um) revólver calibre .38, com numeração picotada, municiado com 05 (cinco) cartuchos intactos. Na sala da casa, em uma gaveta de um “raque”, foi encontrado 01 (um) revólver calibre .32, com uma numeração legível, municiado com 06 (seis) cartuchos intactos e a quantia de R$132,00, em cédulas de dois reais. No restante da casa foram apreendidos outros materiais relacionados às armas de fogo, além de drogas.

No mesmo dia e cidade, outra equipe de PM e soldados alunos do CTSP - Curso Técnico em Segurança Publica realizavam uma Operação Batida Policial, momento em no Bairro Santana, abordaram o suspeito E. A. O, 20 anos, conduzindo uma motocicleta. Ao realizaram a busca pessoal, os PM localizaram em sua cintura, 01 (um) revólver calibre 38, com 05 (cinco) munições intactas. Em diálogo com o suspeito, este informou que possuía 02 (duas) munições em sua residência. Com sua autorização, os militares deslocaram até o endereço e apreenderam as 02 (duas) munições. O suspeito também informou que andava armado, pois havia cometido um homicídio, no início deste ano, no Bairro Novo Horizonte.

Em todos os casos, os PM prenderam os suspeitos, bem como apreenderam as armas e outros materiais envolvidos, encaminhando tudo às respectivas Delegacias de Polícia Civil que realizaram seus trabalhos posteriormente.

Essas ações pontuais e estratégicas resultam do trabalho que o 7º BPM vem desempenhando, fortalecendo os Órgãos de Defesa Social, cultuando os Direitos Humanos, as garantias e os direitos fundamentais da comunidade ordeira e fomentando a Paz Social.

A Polícia Militar esclarece que os trabalhos para redução dos índices não irão parar e conta com a participação de todos, inclusive com a sua.

O objetivo é tornar realmente Minas Gerais o melhor Estado para se viver, obedecendo às leis, garantindo direitos e deveres, fortalecendo a vontade pública e coletiva, contribuindo socialmente para o crescimento sustentável.


Assessoria de Comunicação Organizacional – 7º BPM

Comentários