Fundação promove Encontro de Jovens da Regional Rio e Minas nos dias 17 e 18 de setembro em BD

A Fundação Projeto Pescar traz para o dia a dia dos jovens em situação de vulnerabilidade social os desafios do mercado de trabalho. E propicia, nos Encontros Regionais de Jovens, um espaço para que os participantes dos cursos socioprofissionalizantes gratuitos, possam conhecer suas habilidades, competências, pontos fortes e a desenvolver.

O primeiro encontro será o da Regional Rio e Minas, no SESC do município de Bom Despacho (MG), nos dias 17 e 18 de setembro. No dia 26 de setembro, ocorrem as edições do Paraná e São Paulo. Em outubro, reúnem-se os Jovens da Serra (3), Interior SP (3), Santa Catarina (10), Metropolitana (17), Interior RS (24), Porto Alegre (31) e Pernambuco.

Programação – Nos Encontros as turmas têm a oportunidade de trocarem experiências, num espaço onde são desafiadas a se superarem a cada instante, lidando com incertezas, num ambiente de integração, cooperação, descontração e inter-relacionamento.

As Unidades Projeto Pescar de Minas Gerais (Grupo Treviso, Gerdau Divinópolis e Alstom) serão as Anfitriãs do evento, que conta com a participação ainda, das Unidades do Rio de Janeiro (Consórcio Construtor Rio Barra, Gerdau Cosigua e Grupo CBO – São Gonçalo e Macaé)

Na programação estão previstas apresentações das turmas dentro da temática do ano “Protagonismo em Rede que Transforma”, jogos educativos e recreativos: “Será um dia muito gostoso, com várias surpresas, muita alegria, animação e integração entre os Jovens da Regional”, explica a coordenadora de Qualificação e Acompanhamento da Fundação Projeto Pescar, Isolete Furlan.

Solidariedade – O evento terá cerca de 150 pessoas (Jovens, Educadores Sociais, Articuladores e Voluntários), que estarão contribuindo com doações de alimentos para o Programa Mesa Brasil do SESC.

Crowdfunding – Neste ano, a Fundação Projeto Pescar realiza um financiamento coletivo (crowdfunding) para o pagamento de parte das despesas com a infraestrutura. Quem quiser ajudar, pode obter mais informações através do sitecatarse

Comentários