quinta-feira, 5 de agosto de 2021

Sebrae Minas e Mercado Livre vão conectar pequenos negócios mineiros ao mercado virtual


Iniciativa vai oferecer conteúdos de orientação e suporte gratuitos para inserir empresas e/ou potenciar as vendas no ambiente on-line


Sete em cada 10 pequenos negócios mineiros vendem por aplicativos, redes sociais, sites e outros canais via internet. Porém, em 42% desses empreendimentos, o faturamento com as vendas on-line corresponde a menos de 25% da receita mensal do negócio, de acordo com uma pesquisa feita pelo Sebrae e a Fundação Getúlio Vargas (FGV), entre maio e junho deste ano. Diante deste cenário, o Sebrae Minas e o Mercado Livre firmaram uma parceria para preparar e conectar os pequenos negócios mineiros ao mercado digital.

Podem participar desta iniciativa Microempreendedores Individuais (MEI) e Micro e Pequenas Empresas (MPE) com atuação em Minas Gerais. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site www.sejoganoonline.com.br.

Ao se cadastrar, os interessados terão acesso a uma trilha de aprendizado com conteúdos direcionados para momentos distintos das empresas: “Por que vender no on-line”, “Como vender”, “Pratique suas vendas” e “Escale suas vendas”.

Nosso objetivo é inserir os pequenos negócios no ambiente on-line e fazer com que eles potencializem suas vendas, se tornando mais competitivos em um mercado tão diverso e concorrido”, explica a gerente da Unidade de Indústria, Comércio e Serviços do Sebrae Minas, Márcia Valéria Cota Machado.

cada etapa dessa jornada serão oferecidos vídeos, webinars e artigos sobre marketplace, estratégias de precificação e organização de estoque e das finanças, cálculode margem de lucro, atendimento ao cliente, reputação digital, logística, tributação, crédito, meios de pagamento, gestão de indicadores, dentre outros.

Os donos de pequenos negócios terão ainda acesso a informações sobre o Mercado Ads serviço de anúncios do Mercado Livre usada para aumentar a visibilidade da loja e dos produtos na plataforma.

Com a pandemia, estar no mercado on-line virou uma necessidade para qualquer negócio. Esta iniciativa é uma grande oportunidade para os pequenos negócios mineiros terem mais um canal de venda para decolarem no ambiente digital e, ainda, terem o suporte de uma empresa com marca já estabelecida, como é o caso do Mercado Livre”, justifica a gerente do Sebrae Minas.

Os participantes também receberão oito consultorias gratuitas sobre como potencializar as vendas on-line no marketplace do Mercado Livre. Eles poderão ainda abrir a sua primeira loja na plataforma virtual Mercado Shops e colocar em prática os conhecimentos aprendidos, além de terem a taxa de administração reduzida de 5,5% para 2,75%* sobre as vendas efetivadas. (*Benefício válido para novos vendedores do Mercado Shops)

Em linha com o nosso propósito de democratizar o comércio na região, iremos disponibilizar conhecimento e ferramentas práticas importantes para a superação de alguns dos desafios de comercialização, inclusão digital e sustentabilidade financeira enfrentados pelos empreendedores mineiros", explica Cesar Hiraoka, diretor de Marketplace do Mercado Livre no Brasil.

A parceria entre Sebrae Minas e Mercado Livre poderá ser estendida em 2022 e a meta é beneficiar o maior número de pequenos negócios de norte a sul de Minas Gerais. A iniciativa faz parte das ações do Programa Varejo Mais, criado pelo Sebrae Minas para ajudar donos de pequenos negócios a gerenciarem suas empresas, por meio de soluções que aumentem suas rentabilidades e melhorem o posicionamento no mercado.

Para saber mais sobre essa iniciativa acesse: www.sejoganoonline.com.br.

 

Ana Gabriella dos Santos

Assessoria de Imprensa - Sebrae Minas

Nenhum comentário:

Postar um comentário