Câmara de BD rejeita projeto que cria cotas para negros em concursos públicos

Mesa Diretora da Câmara Municipal 2015
Na sessão desta segunda-feira, 15, foi votado pela segunda vez o projeto que cria 10% de cotas para negros em concursos públicos de Bom Despacho. Por 5 a 4, o projeto de autoria do Prefeito Fernando Cabral não foi aprovado pela maioria dos edis. 

Conforme o Prefeito Fernando Cabral,  o objetivo do projeto 'era valorizar os negros e minimizar os efeitos discriminatórios do passado'. 

Pela segunda vez consecutiva, os vereadores Ricardo Alvarenga, Keké, Carlos Roberto Gontijo e Mauro do Cíntico votaram a favor pela sua implantação. 

Contra a sua aprovação, votaram os vereadores Mauricio do Ima, Pedro Paulo, Robertão Cordeiro, Zé Ivo e Dr. Fernando Pediatra. Com isso, ficou sacramentada a rejeição do projeto. 

Comentários