Índice que reajusta aluguel aumenta quase 11% em 12 meses

 Ver imagem em tamanho grande
O Índice Geral de Preços ao Mercado (IGP-M), medido pela Fundação Getulio Vargas (FGV), atingiu variação acumulada em 12 meses de 10,95%. A taxa é utilizada no reajuste do aluguel e, também, na correção de tarifas públicas, entre outras aplicações.

Só em janeiro, comparado a dezembro, houve uma aceleração com o índice passando de 0,49% para 1,14%. A taxa anual foi influenciada, principalmente, pelo segmento atacadista.

O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPCA) ficou acima da média, em 11,84%. E neste mês de janeiro, entre as pressões, estão algumas commodities, que são os produtos primários com cotação no mercado internacional. A soja, o minério de ferro e o milho, por exemplo.

O índice também reflete o impacto do aumento dos custos da construção civil e dos preços no varejo.

Ag. Brasil

Comentários